quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Woslom – “DestrucTVision” – 2014 – DVD - Independente (Nacional)

O primeiro disco dos paulistas do Woslom, “Time To Rise” (2010) já trazia uma banda diferenciada inspirada em um Thrash Metal mais técnico que flerta com o Metal tradicional. Quando lançaram “Evolustruction” (2013) a banda já atingiu um grau elevadíssimo, com suas características mantidas, mas com uma latente evolução e qualidade indiscutível.

E é exatamente o segundo álbum que é destilado neste trabalho em DVD que o traz na íntegra. Porém, se o leitor esperava um show completo ‘caiu do cavalo’. Trata-se de uma forma diferente de ‘ver’ e ouvir o álbum, afinal, as 8 faixas aqui vêm em formato de clipe (3 no total) e lyric videos.

O excelente clipe de Evolustruction (que já tem quase 20 mil visualizações no canal do Youtube da banda) abre o trajeto. Muito bem produzido, o vídeo é um dos mais legais dentre as bandas brasileiras e a música dispensa comentários. As 4 próximas faixas são lyric videos bem elaborados com artes interessantes.

New Faith também vem em formato de videoclipe, porém com uma produção mais modesta. A música é uma das melhores de “Evolustruction”, com uma melodia interessante e trabalho primoroso de guitarras. Purgatory também é um clipe, mais humilde ainda e mostra um lado mais sombrio.

O lyric video mais legal é o da faixa Breathless (Justice's Fall) que mostra os integrantes em caricaturas através da bela arte de Doug Dominicali. O DVD ainda conta com duas faixas gravadas ao vivo em estúdio - Breathless (Justice's Fall) e Haunted by the Past – além de uma interessante entrevista cedida a Nando Machado e Rafael Mansini do Wikimetal. Há também um slide show no mínimo dispensável.

Mais interessante seria um show completo, porém isso não tira o mérito da qualidade de “DestrucTVision” que é uma compilação interessante de vídeo. Como bônus poderiam ter incluído os vídeos de Time To Rise e Mortal Effect do primeiro álbum, pois são muito legais e serviria para apresentar a primeira fase da banda aos fãs mais recentes. De qualquer forma, algo muito interessante e que deve ser apreciado.


8,0

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records