quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Cervical – “Caminhos da Dor” – 2013 – Independente (Nacional)

O termo ‘rock paulera’ causa arrepios e náuseas em qualquer fã de música pesada que se preze. Mas, se um dia for associar uma música a essa (horrorosa) expressão, a sonoridade feita pelo Cervical se encaixaria muito bem. E não estou sendo pejorativo não, porque a música aqui encontrada é simplesmente ‘paulera’.

O quinteto de Macaé/RJ destila um Hardcore mesclado com Thrash Metal que serve exatamente para colocar no aparelho de som depois de um dia estressante. Passando longe das tendências Metalcore, o Thrashcore do grupo prima pela agressividade em composições que alternam ritmos mais rápidos com alguns mais cadenciados.

Para ficar melhor ainda, a banda canta em português e abrange os temas típicos do caos social, protestos e políticos. Destaque para as boas linhas de guitarras que mesclam bem influências mais diretas do HC com a técnica do Thrash Metal. Ouça faixas como Dor e Sange, Destruição e Ódio.

Saindo da música, temos uma das capas mais condizentes com o título do álbum, já que a arte de Gustavo Saez (Abstrata Designs) ficou belíssima e correspondeu totalmente ao tema. A produção sonora ficou por conta de Davi Baeta (Confronto). “Caminhos da Dor” é intenso e brutal, então ouça com cuidado e sem objetos por perto.


8,0

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records