quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Into The Cave – “Sex And Lust” – 2014 – Rotten Foetus Records (Nacional)

Unindo Bitch Hünter (todos os instrumentos), também conhecido como Nocturnal Funeral, e R. Inkubus (vocal), o Into The Cave é um duo que faz uma ode ao Metal extremo primitivo. Une a experiência dos músicos que passaram por bandas como Hellkommander, Embalsamado, Imperador Belial, Poeticus Severus, The UnhaliGäst, Tyranno, Vers de la Mort, Flageladör e Viking Throne.

Não poderia deixar de sair coisa boa dessa união. O que encontramos é uma música enraizada no Metal extremo, primitiva, odiosa. A abrangência vai da agressividade do Thrash Metal, passando pela morbidez do Death Metal e terminando num Black Metal rústico e caótico.

Riffs velozes com timbres sujos dão à tônica para músicas rápidas, velocidade que mostra ser uma das características do Into The Cave. A cozinha é direta e auxilia apenas no peso, sendo que os vocais são agressivos e versáteis (com direito aos saudosos agudos), se utilizando de ‘backings’ e efeitos muito bem encaixados.

A faixa título já é um convite a bater cabeça, enquanto Stiff Flesh nos remete ao Slayer de “Show no Mercy”, inclusive na entrada estilo ‘fade in’. Outro destaque é Legions Of Hell que conta com participação nos vocais de Butherazor (Grave Desecrator), além de Christian’s Death.

A produção a cargo do próprio Bitch Hünter ficou na medida certa e nos remete às gravações da década de 80. A arte da capa também é muito interessante e foi criada por Emerson Maia. Indicado totalmente aos fãs do Metal extremo das antigas, caso prefira essas produções plastificadas e o som quadrado de hoje em dia, pode pular fora.


8,0

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records