sexta-feira, 27 de março de 2015

Imperative Music – “Compilation Vol. IX” – 2015 – Imperative Music Promotion (Nacional)

A coletânea da Imperative Music já se tornou referência no Brasil e (por que não?) mundialmente. Afinal, vem lançando trabalhos neste formato há um bom tempo e divulgando o melhor da música underground de todo o planeta. E essa é especial, afinal é dedicada a Chuck Schuldiner (Death) e conta com a faixa Born Dead do segundo álbum dos pioneiros do Death Metal, “Leprosy” (1988).  

Por coincidência ou não, este volume da compilação é o mais extremo até então, abordando na maioria bandas de Death Metal e/ou com grande influência do estilo. Com exceção do ótimo Classic Neo Rock do holandês Robby Valentine, praticamente todas as bandas praticam o Metal extremo.

Outro fator é que há mais bandas brasileiras do que de costume, sendo dez das 19 aqui da ‘terra do samba’. Entre os nossos destaques sem dúvidas o Tellus Terror, grande revelação de 2014 que mescla vários estilos, Land of Tears e seu Death Metal épico, Hammathaz e seu Metal extremo moderno, além do Eternal Putrefaction e Hecatomic que destilam o melhor da podreira, são os destaques, sendo que as outras não ficam muito atrás, mostrando a qualidade das bandas de nosso país.

Entre as ‘estrangeiras’ os americanos do Cretin mostram que os EUA ainda possuem a fórmula do Death Metal e que os japoneses do Faintest Hope beberam bastante na fonte do Arch Enemy. Destaque ainda para o Devilment do Reino Unido e para os sul-africanos do The Fallen Prophets.

Um fator preponderante e especial deste nono volume da Imperative Music é o fato de a produção das bandas oscilarem bem menos, mostrando uma minúscula margem de diferença de qualidade, fato raro de se ver neste tipo de lançamento. Ah, sim, a faixa do Death não é destaque, é ‘hors concours’.


8,5


Vitor Franceschini

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records