quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Chastain – “We Bleed Metal” – 2015 – Leviathan Records (Importado)

Foi muito bom ver Leather Leone voltando a trabalhar com o guitarrista David T. Chastain após 21 anos em 2013. Dessa reunião, surgiu o bom “Surrender To No One” (2013) e agora este “We Bleed Metal”, que mantém a pegada tradicional do estilo com uma aura atual.

Ressaltando primeiro os problemas, “We Bleed Metal” sofre do mal dos lançamentos atuais, isto é, é um disco legal, com algumas partes grudentas instantâneas, mas que logo depois de ouvi-lo entra em esquecimento. Isso é reflexo da falta de ‘feeling’ da música feita atualmente.

Não, o disco não é ruim e a resenha parte para esse direcionamento porque estamos falando de uma banda clássica que acaba de lançar seu décimo disco e conta atualmente com parte de sua formação clássica. Se partirmos do pressuposto geral, “We Bleed Metal” é um álbum acima da média, mas se exige muito mais por ser o Chastain.

Leather continua sendo uma cantora e tanto (talvez a melhor voz feminina do Metal tradicional), destilando seu tradicional timbre agressivo/melódico que casa perfeitamente com as composições pesadas e nervosas de David T. Chastain. Aliás, neste trabalho o guitarrista dobrou a dose de peso, trazendo um clima mais atual à sonoridade.

Apesar de simples, a cozinha possui pegada e coesão. O fato que chama atenção são as bases e riffs de guitarras que aqui dão menos espaços para solos, fato raro em se tratando de Chastain, já que seu líder é um ‘guitar hero’. Fato também que pode frustrar os amantes das seis cordas, mas alegrar quem gosta mais do conjunto da obra. Mesmo parecendo ser um disco feito ‘às pressas’ e sem muito propósito, “We Bleed Metal” é um trabalho legal, talvez devido mais à experiência do que competência da banda.


8,0

Vitor Franceschini



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records