quinta-feira, 31 de março de 2016

Tarja – “Luna Park Ride”

(2015 – CD/DVD – Nacional)

Shinigami Records

Quem vê as realizações de Tarja Turunen dentro do Symphonic Metal esquece um pouco do que ela declarou quando surgiu com o Nightwish. Não que tenha sido algo demais e muito menos pejorativo, mas a hoje não mais garota disse à época não gostar muito de Metal e se ligar mais na música clássica e erudita. 

Isso porque Tarja gravou clássicos com sua ex-banda, entrou definitivamente no coração dos fãs e soltou trabalhos solos voltados ao Symphonic Metal, demonstrando qualidade e conhecimento de causa. “Luna Park Ride”, trabalho ao vivo lançado em CD duplo e DVD pela Shinigami Records no Brasil, mostra esse lado e o peso dobra durante o show.

A cantora, que é casada com seu empresário (que é argentino), traz no primeiro CD uma apresentação em Buenos Aires, realizada em 27 de março de 2011. Na ocasião ela apresentou músicas dos dois álbuns que lançara até então, com destaque para Dark Star, I Walk Alone e Until My Last Breath.

A coesão e atmosfera das músicas chamam atenção, assim como o time que acompanha Tarja, com Doug Wimbish (baixo), Julian Barret (guitarra), Christian Kretschmar (teclado), Max Lilja (cello) e a lenda Mike Terrana nas baquetas que fazem jus a apresentação e dão ainda mais qualidade ao show.

Ainda há covers interessantes com destaque para Signos da banda de Rock argentina Soda Stereo, além de um medley com Where Were You Last Night/Heaven Is a Place on Earth/Livin' on a Prayer. Claro que a plateia vai ao delírio com performances de Stargazers e Wishmaster do Nightwish. Falando em plateia, a da Argentina é sempre um show, sendo que a captação pegou até vozes próximas ao palco gritando ‘Tarja hermosa!’ e outros elogios.

No segundo CD, que podemos considerar como um bônus, há uma compilação de gravações de áudio de shows, tendo como exemplo Masters of Rock 2010 (Rep. Checa), Summer Breeze Open Air 2011 e 2014 (Alemanha), Tele-Club 2014 (Rússia) e Wacken Open Air 2014 (Alemanha). Tudo contando com produção de Tarja e Mic, e uma mixagem soberba a cargo de Tim Palmer (U2, Robert Plant).

DVD
A Shinigami também soltou a versão em DVD da apresentação e trata-se do mesmo material, sendo o mesmo show e o mesmo material bônus só que numa edição simples de um disco. O show mostra uma Tarja inspirada, simpática e mostrando bastante intimidade com o público que parece ter na mão. E o melhor, ela soa mais natural, tirando um pouco daquela coisa limpa demais de seu vocal que é mais agressivo ao vivo, de certa forma.

A capitação das imagens é de primeira linha, com várias câmeras e qualidade ímpar. Claro que a sonora não ficaria atrás e o DVD se faz por completo, porém não excede com efeitos desnecessários. Mike Terrana sem dúvidas é o coadjuvante e, mesmo o som não pedindo tanto, impressiona com sua técnica e pegada.

Sem dúvidas a mais curiosa das inclusões e acertada, por sinal, é em Anteroom of Death, aonde Tarja participa de um show do Van Canto. Incluída no material bônus, a apresentação é sensacional, além de um verdadeiro deleite aos fãs do Metal sinfônico, sem dúvidas.

Além da qualidade sonora e visual, claro e do (s) show (s), tanto o CD quanto o DVD trazem encartes bem ilustrados com fotos e informações que complementam o lançamento. “Ride Luna Park” é tão legal que pode atrair até mesmo os não tão fãs da cantora, pois possui peso e uma apresentação digna.


8,5

Vitor Franceschini



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records