terça-feira, 26 de julho de 2016

Maestrick – “Unpuzzle!”

(2011 – Nacional)

Die Hard Records



O Maestrick lançou este seu primeiro trabalho no já longínquo ano de 2011, sendo que o mesmo foi relançado em 2013 pelo selo alemão Power Prog Records. Tal fato já comprova que o disco trouxe muita qualidade e até hoje figura entre um dos melhores do Prog Metal nacional.

O que já impressionava na banda era o fato de saber equilibrar e muito elementos entre o Rock Progressivo e o Prog Metal, sendo que ainda aliavam a isso elementos de música brasileira como a caipira, MPB, samba e da música Folk europeia, além de levadas Blues e Soul (bem de leve).

Apesar dessa miscelânea, a banda nunca se perde e mantém certa identidade, mesmo carregando fortes influências de Dream Theater (mais pelo vocal de Fábio Caldeira que segue a escola La Brie) e Yes pela variação. Fato que não tira o mérito e a personalidade na execução e encaixe dos arranjos.

Em momentos como nas iniciais H.U.C. e Aquarela, por exemplo, a banda soa como um Prog Metal comum, porém empolgante e bem executado. Já em Pescador a influência da música brasileira impera (até as letras são em português) e o primeiro traço de versatilidade do grupo é exposto.

O jazz dá as caras em Puzzler que também carrega influências do Folk europeu, sendo que Yellown of the Ebrium traz a mescla perfeita entre Blues e Samba, além do inglês e português nas letras. Esses destaques resumem o disco que ainda é fechado com uma peça de 21 minutos intitulada Lake of Emotions.

Vale destacar também, que além da execução refinada das composições e da riqueza dos arranjos, o trabalho de vocais de apoio femininos e corais na linha gospel, além da inclusão de instrumentos extras só abrilhantaram ainda mais o disco. Tudo com uma ótima produção na medida de Rodrigo Carmo (Vers’over) e um encarte tão rico quanto a música. Um dos melhores nacionais no estilo!


9,0

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records