segunda-feira, 11 de julho de 2016

Tormentta – “O Jardim das Perdições”

(2016 – Nacional)
                                        
Independente

É, a nova safra do Metal criou um estilo e ainda é uma tendência. Fato é que tem qualidade e potencial de sobra nas bandas, mas também é fato que muitas seguem a mesma formula e, mesmo possuindo suas características, possuem semelhanças. Algo natural, mas muito perigoso.

A banda Tormentta vem do Rio de Janeiro e aposta no Metalcore, não soando praticamente inovadora em nada. Mas, sabe bem aonde pisa e executa suas composições com qualidade. Tudo bem produzido, atendendo os padrões atuais e com músicas muito bem estruturadas.

Apesar de adotar uma forte veia melódica, a banda traz agressividade extra em sua música, afinal se utiliza de riffs pesados e possui uma cozinha densa, com destaques para as linhas potentes de baixo e uma bateria versátil. Tudo com variação de andamentos que ajudam a não deixar o som maçante.

A banda canta em português e faz a tradicional alternância gutural com vocal limpo, mas as linhas do vocalista Shane Vidal são fortes o tempo todo e não deixa sua música com uma acentuação acessível demais. Com arranjos sintetizados, a música da banda se tornou ainda mais intimista, com destaque para Melancholia, Despedia e Fallujah. Nada de novidade, porém nada de ruim, aliás, pelo contrário, é bom!


8,0

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records