sexta-feira, 10 de agosto de 2018

Arte News: TCHANDALA: assista ao grupo tocando ‘Resilience’ em grande performance ao vivo


TCHANDALA: assista ao grupo tocando ‘Resilience’ em grande performance ao vivo
O TCHANDALA liberou em seu canal oficial no YouTube um vídeo onde está registrada a fantástica performance ao vivo da faixa-título de seu novo álbum, ‘Resilience’.

O show aconteceu no Trincheira Festival, em Lagarto/SE, e as imagens foram cedidas por Rússeo Alcântara. Assista:


‘Resilience’, um dos discos mais premiados do ano passado, está disponível para streaming e download nas principais plataformas do mundo. Confira alguns links:


Quem também tiver interesse em adquirir os materiais físicos do TCHANDALA é só entrar em contato através das páginas: www.facebook.com/tchandala, www.Instagram.com/tchandala.heavymetal ou do e-mail dbenjamim@gmail.com – envio para todo o Brasil!

Links relacionados:


INRAZA: levando Youtuber internacional a loucura!
A espera foi de aproximadamente um ano e mais desde o nascimento do INRAZA até finalmente o grupo mostrar seu primeiro trabalho, o single ‘Ruined Before Creation’’, lançado há poucos dias. E a espera valeu, e como valeu.

O músicos, já experientes da cena, levaram o jovem grupo a apresentar uma das músicas de maior reação positiva dos últimos tempos no Metal brasileiro, levando fãs e curiosos a uma grande aclamação!

Se isto não bastasse, com a reação tão grande e com o maior número de pedidos da história de seu canal, o Youtuber norte-americano GALACTICRIMINAL, conhecido por seus “reactions” e “reviews” decidiu “reagir” ao trabalho do INRAZA.

No vídeo o apresentador explica que ele nunca ouve o trabalho antecipadamente para que toda a reação seja a mais verdadeira possível no momento, e que reação! O apresentador foi à loucura! Podemos dizer coloquialmente que o INRAZA pirou o gringo!

No vídeo, em inglês, além da reação extremamente positiva, o apresentador faz um completo e honesto review, elogiando a música, os músicos e dando dicas do que ele acha que seria legal em outras músicas. Assista:


O clipe de ‘Ruined Before Creation’ foi produzido pela Media Recspect, dirigido por Arnaldo de Souza, editado por Caca Roque, fotografia por Jota Jota Rugal, iluminação por Felipe Dionisio e maquiagem por Di Souza. Assista:


A música de ‘Ruined Before Creation’ foi registrada no Flight Studio com produção de Rogério Oliveira. O single é uma amostra do que o INRAZA está preparando para seu primeiro trabalho oficial, o EP ‘Sociexit’, previsto ainda para esse ano e que em breve teremos mais novidades!

Links Relacionados:


ENCÉFALO: ‘DeaThrone’ completo para audição no YouTube
Está também disponível o novo álbum do ENCÉFALO, ‘DeaThrone’, para audição gratuita no YouTube!

Quem quiser conferir o trabalho na íntegra, basta visitar o link:


Aos que preferirem ouvir um dos discos mais elogiados do ano em outras mídias, ‘DeaThrone’ também está disponível nas principais plataformas de streaming do mundo. Para ouvir, basta fazer uma busca em seu aplicativo de preferência ou seguir um dos links abaixo:


‘DeaThrone’ foi lançado pela Shinigami Records. O disco foi gravado no VTM Studio e no Noronha Home Studio, onde também foi mixado e masterizado. A capa foi criada pelo artista Ygor Nogueira. O disco conta com dez faixas.

A versão física do álbum pode ser comprada com o selo, nas melhores lojas especializadas e diretamente com o ENCÉFALO – assim como todo o merchandise da banda – por e-mail ou Facebook, envio para todo Brasil.

Links relacionados:


MIASTHENIA: escancarando a alma em fantástica entrevista para a revista Lucifer Rising
A MIASTHENIA é uma banda única. Assim como seus músicos e suas visões. Mais uma prova disso é a bela, extensa e complexa entrevista concedida a nova edição da revista Lucifer Rising, onde a vocalista Hécate também estampa a capa.

Conduzida pelo editor Jorge Krening, um dos mais respeitados nomes do jornalismo metálico nacional, a MIASTHENIA fala sobre toda sua carreira, mas especialmente de sua mais recente obra-prima, o álbum ‘Antípodas’.

A complexidade da entrevista é tão grande que até mesmo um faixa-a-faixa do novo álbum foi criado, o que por si só já é um motivo para quem quiser se aprofundar no mundo da MIASTHENIA correr atrás de sua cópia.

A edição, de número 20, pode ser encontrada diretamente com a Mutilation Records.

O novo álbum, ‘Antípodas’, está à venda em digipack e pode ser comprado pelo e-mail: miasthenia.vendas@gmail.com. Ele também está disponível em formato digital:

Google Play: https://goo.gl/fwpJrC

‘Antípodas’ foi gravado, mixado e masterizado no BroadBand Studio em Brasília por Caio Cortonesi. Desenhos das capas do digipack e do livreto foram produzidas por Márcio Menezes (Blasphemator Art) e o layout e edição do encarte foi feito por Slanderer Crowley.

Links relacionados:


FABRICIO PEREIRA: ‘Death Row’, primeiro álbum do guitarrista, está disponível digitalmente
O talentoso guitarrista do DYSNOMIA, FABRICIO PEREIRA, lançou recentemente seu primeiro álbum solo nas plataformas digitais.

Sob o título de ‘Death Row’, o trabalho conta com sete faixas que passam pelo leque infindável de influências do músico: Paul Gilbert, Yngwie Malmsteen, Vinnie Moore, Tony Macalpani, Jeff Loomis, Marty Friedman, Adão José Rocha (Doa), Ulisses Daniel Miyazawa, Cleber Shimu, Christian MacCarthy, Neal Schon, Brad Fiedel, Steve Lukather, além das bandas Van Halen, Depp Purple, Mr. Big, Rainbow e Toto.

As gravações de ‘Death Row’ começaram em março de 2016, no Nova Estúdio, em Araraquara, com Gabriel do Vale. Ainda ao lado do produtor, o guitarrista criou o programa Live Session, onde já tocou suas duas primeiras composições autorais, ‘Symphony of Sobibor’ e ‘Block 10’. Acompanharam FABRICIO os talentosos músicos Érik Robert (também companheiro de Dysnomia) na bateria e  Edgard Neto no baixo. A arte do disco ficou nas mãos de Manu Mandelli.

Para conferir ‘Death Row’, visite um dos links:


O álbum também foi disponibilizado no YouTube, mas neste canal, recebeu um tratamento artístico diferenciado pelas mãos do músico e designer Wanderley Perna. Vale a pena a conferida:


FABRÍCIO PEREIRA é graduado em ‘especialização fusion’ no Instituto de Guitarra e Tecnologia [IG&T], em São Paulo, onde teve aulas com Christian McCharthy e Mozart Mello. Ainda na capital paulista, também estudou no Conservatório Souza Lima com Ulisses Daniel Miyazawa. Fabricio organiza clínicas e workshops sempre focando a música instrumental.

Links relacionados:


LOBOTOMIA: banda se apresenta dia 18 de agosto em São José dos Campos
Após o retorno de mais uma bem-sucedida tour europeia, a banda Lobotomia dá continuidade a divulgação do seu último lançamento, o disco “Desastre”, lançado em 2016.

A banda se apresenta dia 18 de agosto, em São José dos Campos, juntamente com as bandas Apto Vulgar e Devastação Sob Terror.

SERVIÇO
Dia: 18/08/2018
Local: Lado B Rock Bar
Endereço: Rua Gravatai, 35, Jardim Satélite, São José dos Campos-SP
Horário: 21 horas
Ingressos: R$ 20,00

Veja a seguir a banda executando a clássica “Mosh To Die” no Obscene Extreme Festival de 2018


Formada em 1984, em São Paulo, Lobotomia é composta atualmente por Edu Vudoo Lobotomia (vocal), Grego (bateria), Guilherme Goto (guitarra) e Daniel Brita (baixo). Com quatro discos no currículo, Lobotomia divulga o seu trabalho mais recente, o álbum “Desastre”, lançado em 2016.

Acompanhe a banda Lobotomia nas redes sociais:


SONS OF RAGE se apresenta com Cérebro de Galinha sábado dia 11 em Brasília
A cidade de Brasília, conhecida nacionalmente como um dos maiores polos doRock/Metal no país, recebe nesse sábado (11/08), várias atrações da região e uma atração direto de Marabá/PA. A banda Cérebro de Galinha, que ganhou notoriedade após um vídeo caseiro do ensaio da banda viralizar nas redes sociais, vem pela primeira ao centro-oeste brasileiro, para uma série curta de shows, tendo início, justamente no coração doBrasil, em Brasília.

Outra grande banda e um dos nomes mais conhecidos da cidade, o Sons of Rage, estará apresentando ao público presente, músicas de seu EP de estreia e algumas das novas faixas que estarão no primeiro full da carreira da banda que está sendo trabalhado em estúdio.

Além de conferir essas duas grandes bandas brasileiras, o evento, intitulado de “Isto não é uma competição #1,5”, terá as apresentações das bandas Podreira e What Want.

O evento será realizado no Estúdio Fomiguero, a partir das 16h00 e com entradas sendo cobradas por R$10,00 na portaria do ambiente.

Serviço:
Evento: Isto não é uma competição #1,5
Atrações: Cérebro de Galinha – Sons of Rage – Whati Want – Podreira
Local: Estúdio Formigueiro
Endereço: QE 40 – Conjunto M – Lote 08 – Subsolo – Guará 2
Custo: R$10,00
Horário: 16h00
Data: 11 de agosto de 2018 – Sábado


NAVIGHATOR: apresenta formação responsável pelos shows da banda no Brasil 
O projeto Navighator está cada vez mais próximo de oficializar o lançamento de seu primeiro álbum de estúdio, o registro que levará o nome do grupo, terá participação de vários músicos do Brasil e Europa.

Tudo encabeçado pelo tecladista Marcos MedinaNavighator é cercado por expectativas positivas de ser um dos trabalhos mais épicos e miscigenado por várias etnias diferentes. O que sugere várias influências distintas convergindo para uma sonoridade única e diferenciada de tudo já lançado no Brasil.

Apesar de possuir músicos do Brasil, Inglaterra, Hungria RomêniaNavighatorpensa em manter uma formação sólida e estruturada para apresentações ao vivo em festivais e shows que a banda for convidada. E para isso, a Navighator, apresenta oficialmente as primeiras imagens da formação que será responsável pelo tour de lançamento do primeiro álbum de estúdio.
A formação para shows terá os músicos Marcos Medina (teclado), Matheus Miniguini(vocal), Katherine Macedo (vocal), Tiago Schian (guitarrista) e Yamazaki Kenji(baixista). Muito em breve será anunciado o baterista que irá acompanhar a banda em suas apresentações.

Atualmente o álbum Navighator está sendo mixado, todos os instrumentos e partes de cada músico já foram devidamente gravadas e as produções estão sendo feitas porJefferson Gonçalves no estúdio Lumiar
Mais informações:
Facebook: https://www.facebook.com/navighator%20


BRUTALLIAN: apresentando o conceito de cada faixa presente em “Reason for Violence”
O Brutallian lançou à menos de uma semana, seu segundo álbum de estúdio, “Reason for Violence”, que está disponível em todas as plataformas de Streaming do mundo, já vem recebendo destaque em vários sites e mídias especializadas do Brasil, Europa, América do Sul e Central.

Com 11 faixas avassaladoras, os músicos do Brutallian, liberaram aos fãs o conceito de cada faixa do disco “Reason for Violence”. A intenção é deixar claro para os seguidores do grupo, qual foi a intenção e direcionamento em cada letra inclusa no disco. Abaixo você poderá escutar o álbum pelo Spotify e entender o sentido de cada uma das músicas de “Reason for Violence”.


Reason for Violence: O motivo de abrir o CD com esta é justamente chegar com o pé na porta. A banda queria um início ainda mais agressivo que Blow on the Eye. Sonoramente temos um thrash metal rápido com uma levada contínua e grooves milimetricamente inseridos. Um cruzamento do Kreator com Judas Priest. Neste caso, o pré-refrão possui os corais que caem exatamente num refrão simples e pegajoso, ferozmente gritado por Pablo Barros. A letra faz uma crítica ao tipo de ser humano que utiliza vários fatores de sua vida como infância ou religião para justificar seus próprios desvios, sejam estes, racismo, preconceito em geral ou qualquer problema de caráter.

2. Fear Inside Rage Outside: Assim que essa música foi composta, foi escolhida imediatamente como primeira a ser trabalhada. Ela sintetiza toda a intenção com este novo CD. Modernidade e pegada thrash. Uma música de aceitação imediata para agradar os fãs antigos e conquistar novos. Vocais mais graves cheios de drive e palhetada atual regem esta música. A letra trata de uma análise de todo comportamento gratuitamente agressivo, que na verdade tem origem em temores internos do próprio agressor. Ao mesmo tempo cita atitudes desesperadas que tem origem de situações extremas, ou seja, como alguém submetido a uma circunstância terrível, mesmo com medo, pode reagir com agressividade.

3. Matracada: Tema instrumental que remete aos aspectos regionais do estado de origem da banda, o Maranhão. Instrumentos do bumba-boi brilhantemente tocados pelo Caio D’Carvalho, dando vida a essa composição. Feita para servir de introdução aos shows da banda, acabou sendo lançada justamente no período junino.

4. Cast in Iron: Experimentando uma afinação diferente da geralmente usada pela banda, Cast in Iron foi criada a partir da levada e já com a motivação de ser a primeira música dos shows. Tendo Iron no título, coincidentemente ela puxou vocalizações utilizando beltings. Algo próximo da carreira solo do Bruce Dickinson, porém, "brutalizado" pelo estilo da banda com a bateria magistralmente encaixada principalmente no refrão. Nesta há um solo espetacularmente visceral do Matteus Cavina da banda radicada em Londres Cavina. A temática desta música é simplesmente a dificuldade que o estilo de vida do Heavy Metal carrega e toda a carga de preconceito que ainda é enfrentado pelos headbangers. Também uma crítica sutil à forma como somos vistos, mas, principalmente a demonstração de que a desistência não é; uma opção para quem é movido pela crença.


5. The Ride: Diminuindo um pouco a velocidade do álbum, mas, aumentando o peso, temos The Ride. Uma pegada Sabbath com vocais clássicos misturando influências que vão de Dio a King Diamond. Essa música possui 3 fases, sendo a última um solo inspirado sobre uma cozinha brutal. A letra filosofa sobre o conceito de Mark Twain, onde a jornada é mais importante que o destino. Trata de pessoas que deixam a vida passar buscando um objetivo que geralmente não é alcançado.

6. Love is All Around (But the World): Talvez a música mais veloz da carreira da banda, esta música figura facilmente como um dos pontos mais viscerais dos shows. Um heavy/thrash com 200 bpm de fazer o headbanger mais sonolento se movimentar freneticamente. Nela há a espetacular participação do genial Vitor Rodrigues (ex Torture Squad e Voodoo Priest) num dueto não menos fantástico com Pablo Barros, onde o contraste de vozes carrega um dos pontos altos do CD. A letra fala sobre assuntos diversos como propaganda enganosa, assédio sexual, racismo, discriminação de gênero, padrões de beleza, intolerância religiosa e outros, demonstrando assim, o teor ácido e o sarcasmo do título, tudo vociferado pelos dois cantores.

7. Rear Naked Choke: Uma música bem trabalhada, com diferentes nuances e mudanças de andamento. Temos aqui um thrash metal com a voz encaixada nos riffs, pré-refrão na velocidade da luz e refrão groovado caindo num solo psicodélico. Uma das mais pesadas do CD. A temática passeia por um tema de ilusão da vida por padrões pré-estabelecidos e fases da existência sem sentido. Numa analogia ao golpe de jiu-jitsu mata-leão, que batiza a canção, temos o pré-refrão detalhando o golpe, numa tentativa de demonstrar que tais ilusões trazem sufocamento ao indivíduo, que acaba envelhecendo na frustração.

8. From Hell We Are: Puro groove e palhetadas brutais são os guias desta música. Aqui temos a participação de vários cantores de Heavy Metal do Maranhão como Eraldo Jr (Purpura Ink), Henrique Sugmyama (ex Furia Louca), Fagner Limam (solo) e Nyelson Weber (Tanatron), onde cada um conseguiu impor seu estilo para encaixar na proposta do tema. A ideia de trazer esses cantores maranhenses é dar mais cara à temática da letra que fala sobre xenofobia, especificamente sobre os preconceitos contra nordestinos e também sobre os problemas da região que é assolada por corrupção política e o atraso que isso trouxe ao estado do Maranhão.

9. Real life is not what you're looking for: Uma pegada rápida e moderna, esta música passeia pelo heavy metal com roupagem atual. Grande refrão com riff à Pantera. Uma das mais empolgantes pelo ritmo imposto. A letra fala de pessoas que preferem se esconder e esperar, ao invés de buscar o que desejam. Vivem uma mentira e se dão por satisfeitas. De uma forma geral, uma ode à hipocrisia do ser humano.

10. A Tomorrow's Nightmare: Com um riff "metralhante" e a cozinha acompanhando cada palhetada, esta canção é também cheia de groove. Uma linha vocal com um toque de Black Label Society e um solo sobre uma base "sabbática", traz uma interessante e pesada mistura. A letra vislumbra um mundo caótico em decorrência das atitudes humanas em geral.

11. Sagacious Amra: Fechando o CD de forma épica, Brutallian entrega este petardo de aproximadamente 10 minutos. Musicalmente, é como se o Led Zeppelin encontrasse o Pantera. Um trabalho de guitarras soberbo servindo de base para linhas vocais extraordinárias com nuances mais graves, outras extremamente agudas, um refrão pegajoso e um final apoteótico cheio de corais com inspiração no Savatage. No meio da música uma mudança de andamento que vira um thrash metal brutal. Esta música merece uma resenha à parte devida à ousadia e qualidade. A parte lírica é um ponto fora da curva em relação à temática geral do álbum. Ela trata de um personagem famoso dos quadrinhos, que nasceu de livros e possui 3 filmes. Para não dar spoilers, podemos dizer que a letra usa frases de efeito retiradas dessas 3 mídias e o próprio título da música é uma alusão a um dos codinomes do personagem nas revistas. Coisa de fã para fã que se encaixou perfeitamente na parte instrumental.

Faça um bem aos seus ouvidos, escute “Brutallian – Reason for Violence” no último volume!!

Formação:
Pablo Barros – vocal
Lex Wave – guitarra
Fabio Matta – baixo
Raul Campos – bateria

Mais informações:


RADIO FRONT sintoniza diversos momentos do rock em “Into the Rain”, primeiro disco de estúdio

Foto: Gabriel Gomes

Mesclando influências pessoais como uma rádio a sintonizar frequências diferentes, a banda carioca Radio Front lança o primeiro álbum “Into the Rain”. O trabalho reúne faixas com contornos diversos do rock alternativo, do grunge, do stoner com momentos que se aproximam de vertentes tão diferentes entre si como o hardcore e o metal. E os músicos fazem isso sempre evidenciando os fortes riffs de guitarra e o vocal arrebatador. A masterização do registro foi feita em Seattle (EUA), por Chris Hanzsek. O debut está disponível nas plataformas de streaming.

Ouça “Into the Rain”: http://bit.ly/RadioFrontIntoTheRain

Primeiríssimo disco de inéditas da Radio Front, “Into the Rain” surge como uma tempestade na cena brasileira. A banda, que iniciou a carreira nos subúrbios do Rio de Janeiro, traz criatividade e paixão em cada faixa, e rompe barreiras ao compor todas as músicas exclusivamente em inglês. “My Body” abre o disco com prontidão. Primeiro single da carreira, a canção foi produzida por todos os integrantes e composta pelo vocalista Felipe Nova e o guitarrista Victor Larcher. A música passa um sentimento de sexualidade, sem gênero definido, e fala sobre explorar o corpo e as sensações que ele pode proporcionar. A seguinte, “Candle Hope”, conversa com a solidão e os momentos vividos por aqueles que não têm esperança.


“Wake me With Your Call” é uma power ballad roqueira que se apropria da vibe vintage dos anos 90. Da mesma forma, “Cut My Wings” evoca a raiva dos acordes grunge, unindo a força dos instrumentos com a letra poética e crítica.


Veja o clipe de “Wake Me With Your Call”: https://youtu.be/LwaVXfTeJsM

O álbum também se destaca pelas composições marcantes. Exemplo de “After Glow”, que fala sobre um estado de expansão da consciência, os caminhos traçados e o combate aos próprios demônios. A eletrizante “Gravity” e a tensa “Black Soldier” se completam de diferentes formas: a primeira rápida e intensa e a segunda mais lenta e carregada.

Essa última faixa abre um novo ato com “Into the Rain pt 1” e “Into the Rain pt 2”, que destacam as linhas de baixo de Marcelo Moreira. As duas faixas trazem um sentimento de luto. A euforia apaixonante de “Heartburn” e a tristeza de “Wonder” mostram os dois lados da paixão, o estar apaixonado e o fim repentino. Por fim, “In My Room” finaliza o registro com arranjos mais encorpados e influências do punk.  

Assista o lyric video de “Cut My Wings”: https://youtu.be/wRu6D8BrtJ0


A Radio Front é Felipe Nova (voz), Victor Larcher (guitarra), Bruno Moreira (guitarra), Marcelo Moreira (baixo) e Leonardo Bourseau (bateria). O álbum “Into the Rain” tem produção e mixagem de Luiz Freitag e Jon Marques, da Musark.


Ouça “Into the Rain”: http://bit.ly/RadioFrontIntoTheRain

Tracklist
Radio Front - Into The Rain (2018)


1 - My Body (3:56)
2 - Candlehope (3:49)
3 - Wake Me with Your Call (5:27)
4 - Cut My Wings (4:42)
5 - Afterglow (4:24)
6 - Gravity (3:20)
7 - Black Soldier (2:03)
8 - Into the Rain, Pt. 1 (1:39)
9 - Into the Rain, Pt. 2 (4:16)
10 - Heartburn (3:35)
11 - Wonder (3:24)
12 - In My Room (1:56)

Acompanhe Radio Front

Site Oficial: http://www.radiofrontband.com/


UNCROWNED: libera o primeiro single oficial do novo álbum
Novo nome forte do Black/Death Metal brasileiro, o Uncrowned, recém-formado e trabalhando pesado na preparação para o lançamento de seu primeiro álbum de estúdio, divulgou em seu canal oficial do YouTube o primeiro single que estará presente no disco de estreia.

Hope” apresenta todas as nuances que estarão presentes no primeiro álbum doUncrowned. A ideia central é mesclar elementos sombrios na sonoridade da banda, incluindo como estrutura, arpejos de Black Metal Clássico e moderno, com uma parede de riffs calcadas no Death Metal nórdico oitentista. Com essa proposta, o Uncrowned, visa transitar em todas as esferas de fãs do estilo mais extremo do Metal, não se atribuindo à apenas um segmento, mas sim em todas as camadas com uma identidade única e própria que será criada pela banda brasileira.

Assista ao Lyric vídeo de Hope: https://www.youtube.com/watch?v=jirIcTGTm4k

A capa e nome do novo disco serão reveladas na próxima semana pelas redes sociais da banda. O álbum tem previsão de ser lançado nas próximas semanas em formato digital e físico.

Formação:
Flávio Gonçalves – Vocal
Oscar Silva – Bateria/Vocal
Alexandre Carreiro - Guitarra

Mais informações:


MATTILHA lança segundo álbum, ‘Crônicas do Underground’

Segundo disco do quarteto paulistano exalta a mistura única do hard rock com heavy metal, com letras em português

‘Crônicas do Underground’ é o caloroso e definitivo manifesto do Mattilha, que expõe paixões, sufocos, angústias, glórias e perseverança. O segundo álbum da carreira de intensos oito anos do quarteto paulistano, lançado nas principais plataformas digitais em parceria com o selo e produtora de Loudfactory, refina a amálgama do hard rock com o heavy metal, exaltado por meio de letras fortes sobre o próprio ofício na música e temas cotidianos, cantadas em português. Ouça aqui: https://ONErpm.lnk.to/Ma ttilha.

Gabriel Martins (voz), Victor Guilherme Firmino (guitarra), Andrews "Andy" Einech (baixo), Ian Martini (bateria) estão, mesmo, afiados em ‘Contos do Underground’. São 9 faixas, algumas diretas e retas, outras com peso extra, além de baladas, no entanto, todas canções com jogo pujante entre baixo, bateria e guitarra.

Com o famigerado – mas verdadeiro e suado – amadurecimento, o ataque do Mattilha em ‘ Crônicas do Underground’ é certeiro, reforçado em diversas músicas com integrantes de bandas que trilham juntos a rota do rock autoral independente.

Fábio Laguna (Angra, Hangar) toca órgão em ‘Cachorro Louco’. Os amigos de longa data da Sioux 66 participam em ‘Sem Tempo Ruim’, que celebra uma parceria de mais de 5 anos. Já na balada ‘Pronto pra Rodar parte 2’ conta com a voz de Cyz Mendes, que ganhou destaque nacional no programa Canta Comigo, da Record, além de cantar no álbum ‘Ópera das 12 flores amarelas’, dos Titãs.

“O álbum transmite o Mattilha da estrada nos últimos anos; que se dedica ao extremo, como espirito de banda grande, mesmo, para ser autêntico e relevante na cena do rock pesado brasileiro”, exalta o quarteto. É uma carreira que contabiliza quase 200 shows, passando por 7 estados e mais de 40 cidades diferentes. Os números na internet também são expressivos: 3.700 milhões de plays só no Spotify e no YouTube.

‘Crônicas do Underground’ é o resultado de um processo criativo de quatro anos, gravado, produzido, mixado e masterizado nos estúdios Loudfactory e no Mr. Som Studio por Wagner Meirinho e Tiago Assolini. A concepção gráfica do álbum é assinada por Mauricio Leone, apostando na linguem HQ. A referência aos seriados do Netflix tem chamado bastante atenção sobre a identidade visual da banda.

SHOW DE LANÇAMENTO
‘O show de lançamento de ‘ Crônicas do Underground’ acontece dia 11 de agosto, em São Paulo, na quinta edição do próprio festival Canil Fest, no Olga 17 (Barra Funda), na companhia das bandas Sioux 66 e Forte Nortes.   

TOUR
As primeiras datas da Crônicas do Underground Tour 2018 estão agendadas. Após o show de lançamento do álbum, o Mattilha toca em Santos (24/8) e depois Araucária/PR (8/9). O quarteto tem pela frente mais 10 shows, entre a capital paulista e o interior. Tem Mogi das Cruzes (14/9), Campinas (15/9), Ribeirão Preto (5/10), Araçatuba (6/10) e de volta a São Paulo no dia 11/10. A tour recomeça em Bauru (12/10), vai para Marília (19/10), São José do Rio Preto (27/10), mais uma vez São Paulo (21/10) e, até o momento, tem como show derradeiro o de Mococa (10/11).

Para esta turnê, uma ausência. O baterista, compositor e membro fundador Ian vai passar alguns meses fora do Brasil a trabalho e, no lugar, a banda convocou um amigo de longa data que há anos já acompanha o Mattilha, Roger Katt.

Acesse as redes sociais do Mattilha para conferir o local, hora e bandas convidadas em cada uma das apresentações da Crônicas do Underground Tour 2018: www.facebook.com/BandaMa ttilhawww.instagram.com/ mattilha_crew e https://twitte r.com/mattilha.

Tracklist:
 1 - Crônicas do Underground (intro) ft. JP Corsini
2 - Bico Sujo
3 - O Ritmo e o Corre
4 - A Carne é Fraca
5 - Cachorro Louco feat. Fabio Laguna
6 - Qual é o seu Veneno?
7 - Depois das 3 (Rua Augusta)
8- Pronto pra Rodar pt 2 feat. Johaine e Marcos Marques
9 - Sem Tempo Ruim  feat. Sioux 66


OSSOS: celebrando 20 anos hoje e promovendo uma grande festa para o dia 11 de agosto
No dia 10 de agosto de 1998, iniciava-se uma história que perdura até hoje independente de todos os desafios e dificuldades que surgiram pelo caminho. Hoje é a data oficial que é celebrada os 20 anos de um dos maiores fomentadores do Crossover /Thrash do Brasil, 20 anos de Ossos “sentando o cacete” para várias gerações e apreciadores da música pesada.

Como anunciado desde o começo do ano, os músicos do Ossos, estão organizando vários shows, lançamentos e novidades, para celebrarem essa conquista e marco histórico na vida de quem já foi, ou, é integrante da banda. E para consolidar tudo isso, duas novidades estão sendo divulgadas pela banda. A primeira é o show oficial de 20 anos, que será celebrado nesse sábado dia 11/08 no “Motorcycles Pub & Petiscaria” ao lado de um dos principais grupos tributos do Ramones no Brasil, o “Teenage Lobotomy”.

O evento terá início às 23h00 e os ingressos comprados de forma antecipada, até a data de amanhã, serão vendidos por R$25,00 e na portaria por R$35,00. Outra mega surpresa que a Ossos tem a oferecer aos fãs, é a pré-venda da camiseta oficial do novo álbum “Caos em Mim” que será lançado nos próximos dias. Interessados em adquirir a nova camiseta da banda por antecedência, afinal, serão feitas poucas unidades, é só entrar em contato com a banda pelo link: https://www.facebook.com/ossosodo98/

Serviço:
Evento: Ossos 20 anos
Atrações: Teenage Lobotomy (Ramones Tributo) – Ossos
Local: Motorcycles Pub & Petiscaria
Endereço: R: Matheo Gianella – 1444 – Bsanta Catarina – Caxias do Sul/RS
Data: 11/08/2018
Custo: R$25,00 (Antecipado) – R$35,00 (Portaria)


ROCK DO BEM apresenta o ROCK RARO
O Rock do Bem e a Casa Cultural Tony Petzhold se uniram para mais um evento de música, oficinas, brechós, comidinhas e cerveja artesanal. O valor da bilheteria será doado para Organização Niemann Pick B RS.

Niemann Pick é uma doença rara que consiste em um grupo de síndromes genéticas raras herdadas dentro da mesma família, provocando acúmulo de lípidos em alguns órgãos como o cérebro, o baço ou o fígado, por exemplo. É dividida em 3 grupos principais: tipo A, B ou C, dependendo dos sintomas e órgãos afetados. Ainda não existe cura, porém é importante fazer consultas regulares para avaliar se existe algum sintoma que pode ser tratado para a melhorar a qualidade de vida da criança.

Existem várias organizações espalhadas pelo Brasil e pelo mundo. No Rio Grande do Sul tem a Organização Niemann Pick B RS, fundada pela dentista Claubia V. Bender depois que sua sobrinha Isadora foi diagnosticada com o tipo B da doença. Ela e seus familiares resolveram fundar a instituição para que mais pessoas possam ter informações sobre a doença, acesso ao diagnóstico precoce e tratamento adequados.

O Rock do Bem surgiu da vontade de ajudar instituições e organizações sem fim lucrativos através do Rock'n & Roll. A ideia é criar espaços para que bandas independentes possam mostrar o seu trabalho e de quebra arrecadar doações para quem precisa. A Casa Cultural Tony Petzhold abriga profissionais e grupos no desenvolvimento de diversificadas atividades de formação, pesquisa e produção de artes cênicas e circenses, danças, teatro, cinema, técnicas de yoga, música, artes plásticas e visuais, literatura, educação somática e outras práticas psicofísicas. Preza pela construção de relações cooperativas e responsáveis com foco na eficiência e potência baseadas na consciência da interdependência.

Atrações:
Trio Polar: Formado em 2002, a banda traz som próprio que mistura blues, rock, bossa, MPB, ska, reggae com letras contundentes, amores perdidos e vividos, crítica social e injustiças. Integrantes: Nando Ramoz (voz e guitarra), Carlito Silva (baixo e vocais) e Alexandre Beck (bateria).

Círculo Tambores com Duda Guedes: Oficina com o objetivo de integrar corpo, movimento, voz e percussão como forma única de expressão.Os alunos aprendem conceitos básicos de percussão corporal e através de jogos rítmicos interagem entre si, criando composições de forma orgânica utilizando diversos instrumentos de percussão.

Oficina de Acessórios Rocker com Invencionices: Oficina pensada para os pequenos rockeiros. As crianças aprenderão a confeccionar sua própria gargantilha, pulseira ou o que mais a imaginação mandar. Horários: 18h30 e 20h30 com duração de 1 hora e valor de R$30,00.

Base Sonora: Com animadas apresentações na bagagem, a banda toca os clássicos que embalaram gerações inteiras. De Led Zeppelin à Madonna, de Black Sabbath até Blondie, passando pelo melhor do Pop e do Rock Nacional e Internacional fazendo uma grande Base Sonora. Integrantes: Lamara Cass (voz), Eduardo Scaravaglione (guitarra), Paulinho Amaral (baixo), Sandro Zanotto (guitarra) e Régis Vernetti (bateria).

ROCK RARO:
Dia 11 de agosto - sábado - a partir das 17h
Casa Cultural Tony Petzhold - Avenida Cristóvão Colombo, 400
Ingressos R$10,00

Texto: Lis Severo


DOMINI INFERI METAL FEST XI: Dois palcos de puro metal
Um festival que atua em formato itinerante dentro do estado do RS desde 2010 e que já passou por cidades como Butiá, Canoas, Esteio, São Leopoldo e agora em sua décima primeira edição retorna a cidade de Sapucaia do Sul em um formato que permite ao público prestigiar as bandas em dois palcos de pura musica extrema;

O evento traz um diferencial nos valores dos ingressos nesta edição a qual o publico pode optar por pagar o ingresso de forma integral ao valor de R$25 ou participar da campanha de doação de alimentos e ter o valor do ingresso ao custo de R$10 + 1 Kg de alimento não perecível ou 1 Litro de leite integral;

Esta edição do DIMF ocorrerá no dia 14 de setembro com início às 22h no 
Trilha Hub Cultural, confira algumas das atrações que estão confirmadas:


THE BLACK GOAT ( BLACK DEATH METAL)
Lançando o EP "Codex Imperium" nesta edição do DIMF a banda The Black Goat traz em seu repertorio um trabalho que envolve as artes ritualísticas do paganismo, um trabalho que remonta a forma de pensamento dentro da musica extrema e apresenta algumas passagens de Thelema em suas letras arquitetando uma sonoridade brutal as formas de estudos das artes ocultas que envolvem o conhecimento do mundo antigo. 
Formação
ABSU - Guitarra / Vocal
ENLIL - Bateria
SEVERAT - Baixo

CxFxCx ( THRASH METAL CROSSOVER )
Banda crossover thrash que teve início no ano de 1991 na cidade de Canoas/RS e permaneceu em atividade desde então sem nunca ter parado. Ainda conta com 3 integrantes originais dos 4 que começaram tudo 27 anos atrás. Pioneira no estilo "CYCO" no sul do Brasil e uma das principais representantes desse estilo no Brasil. Recentemente lançou novo álbum intitulado "ASSUMA A CULPA" que já se encontra disponível na íntegra nas principais plataformas (spotify, deezer, bandcamp, youtube) e vem sendo considerado pela mídia especializada como um dos principais lançamentos do ano nesse estilo. Fazem parte da banda Renato Chama (voz), Luis Felipe Rodrigues "JR"(guita), Gabas (baixo) e Denis Cardoso (batera)

CELESTIAL FLAMES ( POWER METAL )
Celestial Flames é uma banda de Power Metal de Porto Alegre, formada em 2010. Desde então vêm compondo músicas próprias. O som da banda é marcado por uma bateria técnica e forte, um vocal melódico e marcante, guitarras pesadas e extremamente melódicas ao mesmo tempo, baixo pesado e muito bem explorado tecnicamente, completando assim a sonoridade.
Formação Atual: 
Murilo Zanini - Vocal
Alexandre Figueiró – Guitarra / Vocal de Apoio 
Antonio Grassi – Guitarra / Flauta Doce / Vocal de Apoio 
Rodrigo Morales – Baixo / Vocal de Apoio 
Felipe Santiago– Bateria  

INITIATE DECAY ( DEATH METAL ) 



Formado em agosto de 2016 em Esteio/RS, o INITIATE DECAY, surge para demonstrar toda a raiva contra a hipocrisia que infesta a decadente mente dos seres vivos.
A formação conta com integrantes que possuem as mesmas idéias e objetivos. Motivo que foi primordial para a reunião e criação da banda. Compõem a line up do INITIATE DECAY:
Aires Trajano (bateria), 
Alexandre Graessler (guitarra),
Wagner Santos (guitarra), 
Tiago Vargas (vocal/baixo) 
Com um Death Metal perturbador e letras que abordam temas agressivos e polêmicos, a banda lança o seu primeiro trabalho em 2018, EP intitulado Awaken the Extinction. 


KRUCIPHA: desconstruindo o ser-humano no álbum “Inhuman Nature”
Forte, consistente e vital! Uma das obras mais importantes do metal nacional em 2017, o álbum “Inhuman Nature” do Krucipha, recebeu inúmeros elogios da grande mídia especializada, obtendo importantes avaliações e aceitação ampla pelo público brasileiro.

Inhuman Nature” inicialmente foi disponibilizado em formato físico e logo em seguida, liberado para audição nas principais plataformas de Streaming. Um dos detalhes que diferenciam a produção física da digital, é que, o álbum físico, consta com duas faixas bônus exclusivas e não liberadas em nenhum canal oficial da banda, sendo possível escutar, somente quem adquirir uma das cópias oficiais do “Inhuman Nature”.

Como os próprios músicos do Krucipha gostam de dizer, o álbum tem a intensão de colocar o “dedo na ferida”. Abordando e abrangendo de forma crítica, diversos assuntos da natureza (des)humana. As letras se convergem em temas diversos, mas com uma base estrutural única, ou seja, conflitos pessoais, distúrbios psicológicos, política, desigualdade social, alienação e tudo que envolva manipulação do homem sobre o homem, é retratado com inteligência pelo grupo curitibano em “Inhuman Nature”.

Escancarando toda essa podridão em forma de música, o Krucipha, unificou todas as pontas do álbum em uma convergência única. Tanto as letras, quanto a capa, o encarte e a velocidade imposta nas harmonias, visam imprimir de forma nua e crua a revolta da banda sobre os temas compelidos no disco.

Inhuman Nature” pode ser conferido pelo Spotify, Deezer, ITunes, Napster, Google Play, YouTube. Interessados em adquirir uma cópia física com as duas faixas extras e inéditas, a banda ainda possuí cópias limitadas para vendas na página oficial do grupo pela Facebook.

Formação:
Fabiano Guolo – voz e guitarra
Luis Ferraz – guitarra solo e voz
Khaoe Rocha – baixo e voz
Felipe Nester – bateria
Nicholas Pedroso – percussão

Mais informações:


JAG PANZER, CAGE, MORBID SAINT, MALICE e CONQUEST destacam a programação do SWORDMETAL FEST VII que será realizada de 15 a 16 de setembro de 2018 no Niesen's Bar and Grill em Savage, Minnesota.

O promotor do SwordMetal Fest, Rayman James, fez o check-in com a seguinte atualização:

O SwordMetal começou em 2012 e resistiu às tempestades e continuou a crescer desde então. Este será o quarto ano consecutivo que é realizado no Neisen's Bar and Grill em Savage, Minnesota e será o maior show de todos os tempos. O festival contará com 2 etapas apresentando bandas vindas de todos os EUA, incluindo os gigantes do power metal Jag Panzer e Cage, assim como Morbid Saint, Malice e Conquest.

O SwordMetal fest sempre tentou se esforçar para proporcionar atividades divertidas e entretenimento que incluirão alguns dos eventos favoritos dos fãs do passado, como o concurso Miss Metal Warriors Minnesota, um concurso de comer hot wings, um sorteio de guitarras e muitos outros jogos, rifas e concursos.

Confira o cast inteiro:
Jag Panzer
Cage
Morbid Saint
Conquest
Malice
Fiakra
Divinity Compromised
Zephaniah
Hellevate
Wrath
Catch 22
Ashes from Stone
Burning Shadows
Stormbreaker
Vangaard
A Tortured Soul
Crusadist
Invidiosus
Eternal Voyager
Piece of Mind
Sons of Vengeance
Resistance
First & Seven
Distal Descent
Death on Fire
Scarlet Canary
Fire
Outlaw Saint
Agony Reins
By The Masses
Beyond Forever
Gruvenberger
Seventh Calling
Embrace The Ending
Colossal Raptors
Mais bandas ainda serão anunciadas.

Mais informações:


SARCÓFAGO: Greyhaze Records divulga áudio de “The Worst”
A Greyhaze Records fez a reedição de vinil / cassete em áudio-aprimorada do “The Worst” do Sarcófago e  disponibilizou para streaming. Obtenha o áudio completo do álbum abaixo:

A Greyhaze Records lançará o “The Worst” em 24 de agosto em vinil e cassete. A reintrodução deste álbum clássico pela primeira vez em vinil e fita, complementando a já existente versão em CD, vem com grandes melhorias visuais e de áudio. O áudio do álbum passou por um processo de remasterização de alta qualidade, incluindo áudio originado de fitas master originais. A reedição do “The Worst” também vem com um pacote visual expandido, incluindo fotos anteriormente indisponíveis da sessão de fotos do álbum.

Encomende o álbum:

Mais informações:


AC/DC’ Day: Primeiro Vocalista Confirma Datas Do Evento No Brasil

Já com várias datas confirmadas no Brasil, Dave Evans irá apresentar seu show de mais de uma hora e meia com composições de peso de sua carreira solo como Sold My Soul to Rock'n'Roll, Go Wild e Carnal Knowledge, os fãs também irão se deleitar com grandes classicos do AC/DC como TNT, Can I sit Next You Girl, Whole Lotta Rosie, Highway To Hell e muitos mais!
Já com várias datas confirmadas no Brasil, Dave Evans irá apresentar seu show de mais de uma hora e meia com músicas de sua carreira solo, bem como da sua banda Rabbit, mais sua fase no AC/DC e ainda um grande tributo a Bom Scott com muitos clássicos.
No ano de 2014, Dave Evans fez uma pequena turnê pelo Brasil passando por Curitiba (PR), Jaraguá do Sul (SC) e São Paulo (SP) com sua banda formada por músicos brasileiros, chamada The South American Badasses.  O vocalista se encantou tanto com seus fãs do Brasil que sempre declarou em entrevistas ao redor do mundo sua vontade de retornar ao país.
Sobre a produtora
Para este ano, a Mosh Productions junto com a Affliction, empresa responsável por produzir shows de grandes nomes como SabatonGrave DiggerGlenn HughesSonata ArcticaCJ Ramone Tim Ripper Owens, entre outros, se encarregará da nova turnê sul americana de Dave que está divulgando seu mais recente trabalho, Wild, lançado em 2017.


Sobre o AC/DC’ Day
Essa turnê pelo Brasil também vem para celebrar o AC/DC’ Day em diversas cidades. Estes eventos celebram uma homenagem a um dos grandes ícones do rock australiano e mundial e nada melhor que seu vocalista original para um evento desta magnitude. No set, Dave Evans irá apresentar um grande tributo ao Bom Scott. Além disso, em algumas cidades os produtores locais poderão realizar e colocar mais uma banda tributo AC/DC que irá apresentar a fase com Brian Johnson fazendo assim uma noite imperdível com as 3 vozes do AC/DC. Na noite poderá ainda ter vídeos clipes ou shows raros da banda. Também poderá ser realizado a escolha da GarotaAC/DC, e ainda exposições de materiais raro da banda, e pôr fim a venda da cerveja do AC/DC, tornado este dia um dos maiores eventos feito por fãs para fãs de uma das maiores bandas do mundo! Simplesmente imperdível!
Os produtores interessados em levar este grande evento poderão entrar em contato com a Mosh Productions pelo e-mail: Mosher@MoshProductions.com.br
Sobre a banda
A atual formação dos South American Badasses, banda brasileira que acompanhará Dave Evans pelo Brasil, é formada por  Luciano Pico (Guitarra) - Guitarrista da icônica banda paranaense Motorocker Yuri Konopkinas(Guitarra) e Fabiano Menon (Baixo) - ambos membros da formação original dos South American Badasses, e Sandro Camargo (Bateria) - Musico que já tocou com Demis Roussos em uma de suas turnês.

Confira abaixo as datas já confirmadas:
DAVE EVANS BRAZIL 2018
11. OUT - TBA
12. OUT - TBA
13. OUT -  PINHAIS @ OUTUBRO ROSA CURITIBA
14. OUT - TBA
19. OUT -  FORTALEZA  ( Local a ser anunciado )
20. OUT -  GRAVATÁ @ THE SUN MUSIC
21. OUT -  TBA
26. OUT -  TBA CURITIBA ( em negociação )
27. OUT -  TBA
28. OUT -  TBA

01. NOV - BRUSQUE @ ÓPHERA
02. NOV - TBA
03. NOV -  GRAMADO ( Local a ser anunciado )
04. NOV -  PELOTAS @ JOÃO GILBERTO BAR
09. NOV -  TBA
10. NOV -  AVARÉ @ APAE
14. NOV - JOINVILLE @
15. NOV - FLORIANÓPOLIS - ( Local a ser anunciado )
16. NOV - CURITIBA @ CLAYMORE HIGHWAY BAR
17. 
NOV - SP CAPITAL - ( Local a ser anunciado )
18. NOV - SP INTERIOR - ( Local a ser anunciado )

Fonte: X-PressON! – Planejamento & Assessoria de Imprensa
Informações para imprensa: Andre.Smirnoff@hotmail.co.uk 


LORD divulga novo vídeo
A banda de sludge metal LORD lançou um vídeo ao vivo para a música "No Sunrise on The Third". A música é do próximo álbum da banda “Desperation Finds Hunger In All Men”.


A banda comentou: "A música é sobre a filosofia das três mortes e onde a segurança e a salvação existem com influência e relevância atemporais. Essa é uma das minhas músicas favoritas para tocar ao vivo. As filmagens foram no nosso último show com o line-up do álbum, no VFW Hall, Falls Church, VA".



MAXXWELL lança teaser e anuncia tour com Gus G.
Depois que MAXXWELL anunciou a turnê com THRESHOLD e finalmente colocou o Reino Unido na lista de países tocados, eles vêm com mais datas. MAXXWELL é considerado uma banda extremamente divertida. Portanto, não é surpreendente que, após uma breve parada de três semanas, a próxima viagem seja concluída. Nada menos que o ex-guitarrista de Ozzy Osbourne, Gus G. (também Firewind), convidou a banda como apoio direto.

Os shows podem ser encontrados abaixo. E depois há o teaser clipe para o single oficial "She's Mine". O clipe mostra o MAXXWELL do seu lado mais forte. Brincando ao redor, dentro e fora do palco. Lançamento em 24 de agosto de 2018, um mês antes do álbum completo "Metalized" finalmente chegar às lojas (21 de setembro de 2018). O vídeo teaser pode ser visto aqui: https://youtu.be/QnJIFNdxmS8

O vídeo foi filmado, editado e produzido por Jörg Hennecke na Yorkproduction.ch.

Datas da tour:
August 31st 2018 – Dormagen (DE) – «Zons rockt» (with Doro)
September 7th 2018 – Neustadt (DE) – «Best Of Music» (with The New Roses & Alpha Tiger)
September 27th 2018 – München (DE) – Allacher Schiessstätte
September 28th 2018 – Irish House (DE) – Kaiserslautern
September 29th 2018 – Aldenhoven (DE) – Rockheaven
September 30th 2018 – Erfurt (DE) – From Hell
October 5th 2018 – Luzern (CH) – Schüür
October 10th 2018 – Aachen (DE) – Musikbunker (with Threshold)
October 11th 2018 – Pratteln (CH) – Z7 (with Threshold)
October 12th 2018 – Aschaffenburg (DE) Colos-Saal (with Threshold)
October 13th 2018 – Zoetermeer (NL) – Boerderij (with Threshold)
October 14th 2018 – Hamburg (DE) – Markthalle (with Threshold)
October 16th 2018 – Jena (DE) – F-Haus (with Threshold)
October 17th 2018 – Prag (CZ) – Nova Chmelnice (with Threshold)
October 18th 2018 – München (DE) – Feierwerk (with Threshold)
October 19th 2018 – Mannheim (DE) – MS Connexion Complex (with Threshold)
October 20th 2018 – Essen (DE) – Turock (with Threshold)
October 21st 2018 – London (UK) – Assembly Hall (with Threshold)
October 26th 2018 – Langenthal (CH) – Old Capitol
November 3rd 2018 – Offenbach am Main (DE) – Turnhalle TV Bieber
November 9th 2018 – Siebnen (CH) – District 28
November 17th 2018 – Rostock (DE) – Zwischenbau (with Gus G.)
November 18th 2018 – Oberhausen (DE) – Kulttempel (with Gus G.)
November 20th 2018 – Zoetermeer (NL) – Boerderij (with Gus G.)
November 21st 2018 – Genk (BE) – Colosseum (with Gus G.)
November 25th 2018 – Milan (IT) – Legend Club (with Gus G.)
November 27th 2018 – Sursee (CH) – Kulturwerk 118 (with Gus G.)
November 28th 2018 – Albstadt (DE) – Tropicana (with Gus G.)
November 29th 2018 – Siegburg (DE) – Kubana (with Gus G.)
November 30th 2018 – Mannheim (DE) – MS Connexion (with Gus G.)
Dezember 1st 2018 – Aalen (DE) – Rock it! (with Gus G.)
Dezember 2nd 2018 – Wien (Ö) – Escape Metal Corner (with Gus G.)
Dezember 5th 2018 – Bratislava (SK) – Randal Club (with Gus G.)
Dezember 6th 2018 – Budapest (UN) – A38 (with Gus G.)

Mais informações:


WRATH assina com Combat Records
O Wrath assinou com a COMBAT RECORDS que lançará seu tão esperado novo álbum “RAGE” em 5 de outubro. “RAGE” tem 10 faixas de fúria Thrash Metal não adulterada. O álbum estará disponível para pré-encomenda nesta sexta-feira, 8/10 em www.combatmerch.com.

O álbum foi produzido por Chris Djuricic & WRATH, e mixado e masterizado pelo lendário Bill Metoyer (Slayer, Sacred Reich, Helstar), com arte de capa explosiva criada por Ipoet Poetra / Five Mlligrams.

Tracklist:
1. CONFLICT
2. WHAT YOU CRAVE
3. DRAW BLOOD
4. TENSION ON HIGH
5. MY RAGE
6. FEEDING THE HOST
7. CLEARING MY SOUL
8. UNHOLY ALLIANCE
9. MOTHER’S HELL
10. ACE OF SPADES (Featuring Jeff Duncan)

A banda fará alguns shows ao lado de David Ellefson:
David Ellefson BASSTORY, w/ Green Death and WRATH

10/3 Bradley, IL - The Looney Bin
10/4 Lombard, IL - Brauer House
10/5 Sturtevant, WI - Route 20 Outhouse
10/6 Ringle, WI - Q and Z Expo Center
10/7 Mankato, MN – What’s Up Lounge


Obs.: As notas publicadas nesta seção são de responsabilidade das assessorias das bandas/artistas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records