Arte Extrema A18E1

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

A mulher não merece espaço dentro do Rock / Metal. O espaço também é delas.


               
Por Vitor Franceschini

Qual regra na música, aqui no caso a pesada, diz que o Metal / Rock não é para mulheres? Aliás, qual espaço dentro da cena a mulher deve conquistar? Não há respostas para nenhuma das duas questões, afinal de contas, música não tem sexo, música não distingue sexualidade.

Em tempos onde se é comum odiar minorias e desfavorecidos (pode taxar o autor do que quiser), há muito que se discutir sobre isso, porém é fato, que nada impede da mulher fazer música, participar da cena, seja ela qual for. Caso alguém seja contra, que me apresente argumentos concretos.

Desde os primórdios da música a mulher sempre teve presente na mesma e, na maioria das vezes, como protagonista, como ‘frontwoman’, como se diz no Metal. Quem se ridicularizou e fechou muitas portas, se utilizando de machismos, foi o Heavy Metal, que perdeu grande parte do seu tempo não valorizando as ‘divas’ de sua cena. Vide nomes como Leather Leone, Doro Pesch, Sabina Classen, etc, que hoje desfrutam de certo reconhecimento, reconhecimento este tardio, já que há anos elas vêm fazendo coisa boa.



Pena do estilo musical que não reconhece a riqueza que a mulher representa na cena, até porque hoje em dia há mulheres em todos os gêneros e subgêneros do Rock / Metal, não só representando a beleza do Metal sinfônico ou a sensualidade do Gothic Metal, mas também a fúria do Thrash, a bizarrice do Death e a profanação do Black Metal, entre outros. No Brasil nem se fala... May ‘Undead’ no Torture Squad, Angélica Burns no Hatefulmurder, Hecate liderando o Miasthenia, as bandas Nervosa, Melyra, Indiscipline, Eskröta, entre outras.

Portanto, mulheres, é de bom entendimento saber que vocês lutam pelo respeito, mas que o o Rock, o Metal, a música num todo sempre foram de vocês. O Rock e seus derivados não têm dono, logo, a música como um todo, incluindo a cena underground é da mulher, do homem, e de quem for, é de todos que a apreciam. Ou seja, o espaço é nosso, independentemente de identidade de gênero. 


 OBS.: NÃO SERÃO PUBLICADOS COMENTÁRIOS ANÔNIMOS.


*Vitor Franceschini é editor do ARTE Metal, jornalista graduado, palmeirense e headbanger que ama música em geral, principalmente a boa. Confessa que não gosta de futebol feminino, mas que mulher tem que jogar bola sim.  

Piss River – “Piss River”

(2018 – Importado)
                          
Independente

O Piss River é uma banda sueca. O debut é endereçado aos fãs de The Hellacopetrs, Girlschool, Motörhead e afins. O Heavy/Hard Rock apresentado é energético e feito para não deixar ninguém parado!

As influências setentistas estão presentes, inclusive na produção do álbum, que está mais orgânica, privilegiando timbres e a atmosfera. Porém, não se enganem: o som soa moderno e viciante!

Riffs “pegajosos” (certeiros) e a dobradinha bateria/baixo bem entrosada pavimentam os caminhos para a vocalista, que mantém a pegada e a tradição dos vocais femininos na linha do Girlschool. O álbum conta com doze canções, das quais se destacam Desolation, Take me to the Rusk e You Bleed. Estreia pulsante e muito interessante! A banda tem tudo para se fixar como uma das principais do “nicho”.


9,0

Vitor Franceschini


H.E.A.T. – “Into The Great Unknow”

(2017 – Nacional)
                                      
Shinigami Records

O H.E.A.T. sempre demonstrou que é uma banda que não se importa muito em se modernizar e isso fica comprovado em sua discografia, principalmente após o ótimo “Adress The Nation” (2012), onde o grupo foi se atualizando gradativamente.

“Into The Great Unknow” mostra ser o disco que atinge esse objetivo, mas passa longe de ser um álbum chato, já que modernidade neste meio Metal / Rock sempre soa pejorativa. Mostra mesmo uma baita banda madura e com criatividade que atinge outros níveis.

O novo disco (quinto da carreira do grupo) traz elementos que vão desde o Hard Rock, Pop Rock e até o Pop nu e cru (onde surgem as ‘musiquinhas’ chatas) e traz influências clássicas que vão desde Michael Jackson (ouça Redefinded) a Queen (We Rule), e infelizmente soando um pouco ‘boy bands’ no caso de Shit City.

Fato é que “Into The Great Unknow” é um trabalho riquíssimo e de fácil assimilação. Não há excessos, e o instrumental se mostra coeso e equilibrado, porém faltando um pouco mais de peso nas guitarras. Os arranjos são sensacionais e marca mais um ponto pra banda.

Se a intenção foi fazer um disco comercial, o H.E.A.T. acertou em cheio, mas acertou mais ainda em não forçar isso e provar que música de qualidade não é somente aquela indigesta e exacerbada na execução. Ouça ainda faixas como Time On Our Side e Eye of The Storm. Não fossem umas recaídas bestas, esse disco seria top 10.


8,5

Vitor Franceschini


Arte News: PRIMATOR: Novo álbum será patrocinado pelo Wacken Foundation

PRIMATOR: Novo álbum será patrocinado pelo Wacken Foundation

"Poderosa, criativa, técnica e cheia de conteúdo" (Dossiê do Rock); "Transpira autenticidade" (Blog Na Mira); "Mais um álbum para a lista de grandes lançamentos nacionais" (A Música Continua a Mesma); "Extremamente bem feito!" (Música e Cinema); "Muito bom!" (Arte Metal); "Uma das melhores bandas de Heavy metal que nós escutamos na atualidade" (Resenha do Rock).

Essas foram algumas declarações que a banda paulistana de heavy metal tradicional Primator conquistou na imprensa especializada com seu disco de estreia, "Involution". O álbum também foi eleito um dos "Melhores Álbuns Nacionais de 2015" pelo Heavynroll, Mundo Metal e Roadie Metal e chegou a ser indicado para o Prêmio Dynamite na categoria "Melhor Álbum de Heavy Metal".


Essa positiva repercussão ao trabalho de estreia foi determinante para a mais importante conquista da banda até aqui: o Primator é a nova banda brasileira a ser patrocinada pelo programa Wacken Foundation!

O Wacken Foundation é uma organização alemã sem fins lucrativos criada para apoiar projetos de hard rock e heavy metal de todas as partes do mundo. A organização foi idealizada em 2008 pelos produtores do Wacken Open Air (W:O:A), o maior festival de hard rock e heavy metal do planeta, e tem a missão de manter ativa a produção criativa nesse segmento e estimular novas bandas e projetos. Desde 2010 o Wacken Foundation passou a fazer contribuições em Euros para projetos de gravações de discos, turnês e até mesmo festivais. Os projetos podem ser enviados durante todo o ano e uma comissão de curadores avaliam os mais relevantes que virão a receber o apoio. A vocalista alemã Doro Pesch figura entre a equipe de curadores. Entre os doadores estão nomes como o de Alice Cooper que fez recentemente uma doação de US$ 10 mil à fundação.

Prevendo o início das gravações de seu novo disco de estúdio, o Primator apresentou um projeto ao Wacken Foundation e foi contemplado com uma soma em Euros que vai ajudar a financiar a produção. O grupo paulistano é a terceira banda brasileira a ser patrocinada pelo Wacken Foundation. Antes, apenas o Uganga e a banda itSELF foram contempladas.


“Ainda juntando os cacos após a perda repentina do Mario Linhares, que produzia o novo disco e apadrinhava a Primator, recebemos uma notícia diretamente da Alemanha que o encheria de orgulho. Com muita honra e alegria, teremos o aporte do Wacken Foundation para produção e gravação do novo trabalho! Reconhecimento este que certamente nos motiva a continuar nessa batalha diária, dessa vez atrelados ao nome do maior evento de heavy metal do mundo! Sinal de que estamos no caminho certo e que o Brasil ainda figura positivamente como um celeiro de talentos na cena mundial", comentou o vocalista do Primator, Rodrigo Sinopoli.

Para o gestor/manager do Primator, Eliton Tomasi, programas como o Wacken Foundation são essenciais para a nova realidade da comunidade metal de todo o mundo.

“Não é novidade que o mercado para esse tipo de música tornou-se mínimo nos últimos anos”, comenta Tomasi. “As poucas gravadoras europeias e americanas que ainda investem nesse segmento de som pesado têm se limitado às bandas já consagradas. Isso faz com que a produção criativa fique estagnada, sem renovação. E a falta de novas bandas, com novas ideias, contribuem para um engessamento do movimento como um todo, seja a partir de sua concepção estética-artística ou no que se refere a formação de público, razão pela qual não há muito mais jovens em shows de metal por todo o mundo. Os organizadores do Wacken Open Air demonstram cultivar um pensamento responsável com relação a esse movimento cultural que é o heavy metal, e a idealização do Wacken Foundation é uma louvável alternativa para manter o hard rock e o heavy metal pulsante e criativo, seja a curto ou a longo prazo. Além de sua conveniência econômica, o Wacken Foundation tem um valor simbólico muito significativo por ser um exemplo da força que o pensamento e trabalho colaborativo podem vir a ter frente a filosofia competitiva e mercantilista que predominam na contemporaneidade metaleira”.

O novo disco do Primator que receberá o patrocínio do Wacken Foundation ainda não tem título definido, embora boa parte das músicas já esteja composta. Mais novidades sobre o novo trabalho e a parceria com o Wacken Foundation serão anunciadas em breve.

Entre outras novidades, o novo disco do Primator terá a contribuição criativa do novo guitarrista, Felipe Fatarelli.
"Com o processo de composição para o novo álbum em andamento, o Lucas Almeida deixou a Primator para se dedicar ao seu projeto cover com a Destroyer Kiss. Após várias audições, temos orgulho em integrar à banda, nosso amigo de longa data, o talentoso Felipe Fatarelli, que se encaixa perfeitamente à nova proposta sonora em que estamos trabalhando",comentou Rodrigo sobre a entrada do músico.
Felipe também fez questão de sublinhar sua expectativa em fazer parte do time agora.
"A minha entrada na Primator deu-se por um convite feito pelo vocalista Rodrigo Sinopoli, meu amigo pessoal e pessoa pela qual detenho admiração pelo trabalho que tem realizado. Entretanto, não foi apenas um convite, passei por uma audição na qual outros dois bons guitarristas participaram também. E após as três audições que a banda fez, fui selecionado! Tenho grande expectativa quanto ao trabalho que vamos realizar juntos. Mostrar meu potencial quanto guitarrista e compositor buscando uma característica única para o som da banda. Trabalharei com afinco e dedicação."




TOXIKULL assina com Mosher/Firecum e anunciam lançamento de “The Nightraiser” para março

Foto: Beatriz Mariano

Os speedsters Toxikull assinaram acabam de selar acordo com a Mosher/Firecum Records para o lançamento do seu próximo trabalho “The Nightraiser”. Com cerca de 26 minutos e seis músicas, o sucessor do LP “Black Sheep” de 2016 será lançado a 23 de março e conta com uma versão de “Rocker” dos Hollywood Rose.

“The Nightraiser” é um impiedoso ataque sônico que recupera os melhores elementos que fizeram do Heavy, Speed E Thrash Metal gêneros tão populares: vocalizações notáveis, uma secção rítmica bem coesa, solos de guitarra infernais e melodias meticulosamente elaboradas.

O frontman Lex Thunder (também vocalista do Midnight Priest) tem a dizer acerca do novo CD: “Há um pouco de critica social, um apelo à rebeldia. Em termos musicais, este EP está um pouco diferente; mais rápido, mais forte e mais agressivo. Há influências diferentes do álbum anterior, sendo estas mais viradas para o Speed e Heavy Metal. Acho que vai ser uma porta para outro nível.”

Gravado no Ultrasound Studios na Moita com Hugo Andrade, “The Nightraiser” conta com uma versão de Hollywood Rose, “Rocker”, baseada numa demo da anterior banda de Axl Rose. Lex afirma que “ já queria gravar esta cover há alguns anos. Guns ’n roses foi a banda da minha infância, que me incentivou a cantar e a tocar guitarra. Sei tudo sobre a banda, todas as músicas e bandas anteriores dos membros, era completamente viciado. Sempre achei música brutal, que vive do espirito rock ’n roll, mas infelizmente a gravação e a técnica de execução ficaram um pouco a desejar. Assim, decidi pegar nesta malha e fazer dela o que queria ouvir.”

O ritmo está elevado e os Toxikull prometem não fazer cedências ao longo da promoção de “The Nightraiser”. Um single de avanço será lançado ainda este mês, e o primeiro videoclip irá ser apresentado ainda antes do lançamento do álbum.

A edição física do álbum será uma preciosa jewelcase que poderá ser reservada através dos sites da Mosher Records e da Firecum Records, sendo que a versão digital poderá ser comprada ou ouvida por stream nas plataformas mais populares.

Alinhamento:
01. Nightraiser
02. Surrender or Die
03. Hellmaster
04. Freedom to Kill
05. Satan Bloody Satan
06. Rocker (Hollywood Rose cover)

Formação:
Lex Thunder - Vocals, Guitar
Michael Blade - Guitar
Antim “The Viking” - Vocals, Bass
The Lorke - Drums


FACES OF DEATH: banda libera novo site para os fãs acompanharem as novidades do grupo pela internet

Os pesos pesados do Faces of Death começam 2018 com várias novidades e planejamento um ano avassalador para o grupo paulista de Tharsh/Death.

Após ser mencionado em várias listas de melhores do ano com o EP “Consummatum Est”, lançado em 2017, a banda já começa a trilhar as novidades desse novo ano que se inicia. A primeira novidade oficial é o site oficial do grupo que contém notícias atualizadas, histórico do grupo, fotos, vídeos e o mais importante, as músicas compostas pelo Faces of Death.

Atualmente a banda vem preparando um leque importante de notícias e conteúdo direcionado ao público fã do grupo, novas composições estão sendo trabalhadas e ainda em 2018 existe o projeto de um novo álbum na carreira da banda.

Fique sempre bem informado sobre o Faces of Death no site oficial da banda, para acessar e conferir basta clicar no link abaixo.

Formação:

Laurence Miranda: Vocal/Guitarra
Carlos Marins: Guitarra
Sylvio Miranda: Baixo
Sidney Ramos: Bateria

Mais informações:


ROCK MEETING: Edição 100 traz Moonspell
O novo ano já começa com novidade. A Rock Meeting lança a sua edição nº 100, um marco para as publicações on-line do país, que há oito anos assume um papel importante na cena Rock/Metal no Brasil.

Para esta edição comemorativa, foram produzidas duas entrevistas exclusivas com o Moonspell e com o Epica. Além de duas belas homenagens para Mario Linhares e Warrel Dane. Ainda tem Necro, Await Rottenness e uma retrospectiva dos principais acontecimentos em 2017.

A Rock Meeting inova mais uma vez e traz o review em cd/dvd. O material será avaliado por Marcos ‘Bid Daddy’ Garcia, nosso parceiro do Metal Samsara.

Entre as 140 páginas, a maior até aqui, tem review dos shows do Lacrimosa, Napalm Death e Total Chaos. E sobre as apresentações ao vivo, trazemos uma lista das melhores apresentações, segundo o nosso correspondente na Espanha. E tem a famosa lista do Top 10 dos lançamentos de 2017.

O leitor assíduo da Rock Meeting já percebeu que valorizamos a fotografia. Por isso convidamos cinco fotógrafos para apontar a sua melhor imagem feita no ano passado e justificar a sua escolha.

Já para os amantes de tatuagens, trazemos a coluna Skin, em parceria com o Wonder Girls. Nesta edição, o tema é transtorno alimentar, com relatos de mulheres que lidam com esse problema e o preconceito.

Sempre levando a bandeira da região Nordeste do Brasil, a RM lançou sua nova coletânea totalmente gratuita. Rock Meeting Collection vol. 5 traz 18 bandas, dos mais variados estilos, representando todos os estados nordestinos.

A Rock Meeting é uma revista gratuita, e pode ser lida pelo site www.rockmeeting.net

Free download

Outro destaque vai para a revista Meeting Hell. Uma grande parceria da Rock Meeting com a Hell Divine. A capa e a logomarca dessa união foram feitas pelo renomado designer Gustavo Sazes.


                # Nesta edição #


Capa: Moonspell
Coluna – Lapada | Skin (Sobre tatuagem) | Review
Entrevista – Necro | Await Rottenness | Epica
Live Concert - Lacrimosa | Napalm Death | Total Chaos
Matéria – Retrospectiva 2017 | Skin Culture
Especial – Top 10 | Foto do ano | Top 5 shows | Mario Linhares | Warrel Dane

Acesse - www.rockmeeting.net 
Free Download - http://bit.ly/RockMeeting100


MAGNÉTICA: conheça o novo vocalista da banda

Com o lançamento oficial do primeiro disco da carreira muito próximo, os músicos da banda Magnética, informam uma mudança no lineup do grupo para 2018.

O músico e vocalista Elvio Trevisone, responsável pela gravação dos vocais principais do álbum “Homo sapiens brasiliensis, não faz mais parte do grupo e deixa a banda sem qualquer rancor ou magoa. A banda que originalmente foi formada e fundada pelo guitarrista e vocalista Rafael Musa, agora terá em seu fundador a função de guitarrista e vocalista da Magnética.

Rafael Musa possui vasta experiência como vocalista, sendo frontman de outros grupos na cidade de Bebedouro, como fundador e principal letrista da Magnética, o músico não terá dificuldades de desempenhar sua nova função na banda de forma idêntica ou até mesmo superior que o vocalista anterior.

Algumas novidades irão surgir no decorrer dos dias, músicas novas e com a vocalização de Musa já estão sendo preparadas para apresentar oficialmente o novo e não tão novo assim, vocalista da banda de Hard/Grunge Magnética.

Interessados em adquirir o novo álbum “Homo sapiens brasiliensis”, a banda está oferecendo o disco pelo valor de R$20,00 mais frete para todo o Brasil, para saber mais informações, entre em contato com a banda no link abaixo:

Formação atual:

Marcos Ribeiro: Bateria
Rafael Musa: Guitarra e voz
Anderson Pavan : Contra-baixo
Kelson Palharini – Guitarra


NAVIGHATOR: músicos da banda participam de regravação da música “Land Of Confusion” que obtém aprovação do Disturbed

O projeto Navighator liderado e capitaneado pelo músico Marcos Medina está trabalhando pesado para apresentar ao público brasileiro as primeiras músicas do novo álbum.

Enquanto muitos aguardam as novidades da banda, um vídeo vem chamando a atenção de músicos e bandas ao redor do mundo. O vídeo é uma regravação feita com músicos que fazem parte da Navighator, entre eles, Marcos Medina (Teclados), Arthur Horeanu (Vocal) e Jefferson Gonçalves (Guitarra), que juntamente com o baixistaMike Seidel e a baterista Sina, regravaram a música “Land of Confusion”originalmente lançado pelo Genesis e que fez muito sucesso com a regravação doDisturbed.

O que vem chamando a atenção de muitos fãs, é a rápida viralização do vídeo que atualmente possuí mais de 100 mil views e foi compartilhado na fã page oficial da bandaDisturbed, no qual a banda norte americana fez questão de elogiar o talento dos músicos na regravação que fizeram.
Confira o vídeo de “Land Of Confusion”:

Mais informações sobre o Navighator nos links abaixo:


WARFIELD DEATH: Eleita banda revelação de 2017 segundo site Metal Na Lata, confira!

O WARFIELD DEATH foi formado em 2009, mas é inegável que foi neste ano de 2017 que o grupo sergipano cravou, de forma significativa, seu nome no underground brasileiro.

Com seu atual trabalho, “Sucumbindo ao Medo”, a banda conquistou o público e a imprensa - nacional e internacional -, que o colocaram como um dos melhores álbuns cantado em português deste ano.

Confira o clipping oficial aqui: https://sanguefrioproducoes.com/upload/clipping/Warfield_Death.pdf 

O conhecido e respeitado site ‘Metal Na Lata’, junto ao seu editor Victor Augusto, divulgaram uma lista com os principais lançamentos, bandas e shows de 2017, onde o WARFIELD DEATH figura como a ‘banda revelação’, fechando definitivamente o ano com chave de ouro.

Veja a lista completa aqui: http://metalnalata.com.br/site/melhores-do-ano-2017-por-victor-augusto-editor/

Em outras notícias, o WARFIELD DEATH lançou recentemente o videoclipe para a música que intitula o debut álbum “Sucumbindo ao Medo”, assista:

https://youtu.be/mCcQDQUjMec

Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato
Sites relacionados:
https://www.facebook.com/WarfieldDeath/
https://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/WarfieldDeath/49



ARMUM: Ao lado de Ressonância Mórfica, Lascados e Gerações Perdidas neste fim de semana

A banda de Death Metal ARMUM ficou conhecida nos últimos anos por estar definitivamente com o pé na estrada. E em 2018 não poderia ser diferente, o grupo já anunciou sua segunda apresentação neste ano que se iniciou.

O show acontecerá neste fim de semana, dia 20/01, em Goiânia/GO, na primeira edição do “Amanhã Vai Ser Pior”, onde o grupo estará dividindo palco com as bandas Ressonância Mórfica, Lascados e Gerações Perdidas. Confira o cartaz completo:

http://sanguefrioproducoes.com/upload/imagens/mediaset/b8b49e31c38defb8d3fa19ada1a82b10.jpg
Para confirmar presença e obter todas as informações acesse o evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/1615675915167073/

Em paralelo, o ARMUM já iniciou os preparativos para trabalhar em seu vindouro álbum de estreia, mesmo dedicando seu primeiro semestre a estes projetos, o grupo abriu oficialmente sua agenda de shows para este ano. Produtores interessados escrevam para contato@sanguefrioproducoes.com ou armumdeath@gmail.com e solicite mais informações.

Ouça o EP “Infernal Domain” no Spotify:
https://open.spotify.com/album/4y1z3Z4dBHs0kUbqboorTz

Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato
Sites relacionados:
https://www.facebook.com/armumdeath/
https://www.sanguefrioproducoes.com/bandas/Armum/45


NECROMANCER: Aos 32 anos de sua fundação, banda abre oficialmente sua agenda de shows para 2018

Com seus projetos iniciados em 1986, a lendária banda carioca de Thrash Metal NECROMANCER chega aos seus 32 anos de fundação no final de 2018.

E para comemorar esta marca histórica, o grupo abriu oficialmente sua agenda de shows, visando iniciar a divulgação de um novo álbum inédito previsto ainda para este ano. A primeira apresentação do NECROMANCER já tem data marcada, e acontecerá dia 06/05 no, já conhecido, ‘Calabouço Heavy & Rock Bar’ em Rio de Janeiro/RJ.

Produtores interessados em levar um dor principais nomes do Thrash Metal brasileiro para seus eventos escrevam para contato@sanguefrioproducoes.com ou necromancer.br@gmail.com e consulte mais informações.
Ouça o atual trabalho do NECROMANCER, “Forbidden Art”, no Spotify:https://open.spotify.com/album/5ycrmufw1w8dprrqHT4OSM

Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato
Sites relacionados:
https://www.facebook.com/necromancerbr/
https://www.sanguefrioproducoes.com/artistas/Necromancer/53 


AMONG THE PREY lança novo single
A banda finlandesa de Melodic Death Metal Among The Prey lançou um novo single "One Last Breath". Assista ao vídeo musical abaixo:


Além disso, a banda começou a gravar seu segundo álbum completo com Tuomas Kokko no Electric Fox Studios.

O fundador e líder da banda, Iiro Kuntsi, diz: "Vamos lançar mais músicas novas nos próximos meses. O objetivo é liberar o álbum completo no final de 2018. As negociações com gravadoras ainda estão em andamento."

Mais informações:


Obs.: As notas publicadas nesta seção são de responsabilidade das assessorias das bandas/artistas.

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Krucipha – “Inhuman Nature”

(2017 – Nacional)
                                       
Shinigami Records

O Krucipha chega ao seu segundo disco esbanjando energia e mostrando que evoluiu em relação ao primeiro trabalho (“Hindsight Square One” de 2014), mas não forçou e, além de manter suas características, a banda conseguiu demonstrar naturalidade nesse quesito.

“Inhuman Nature” a princípio parece um disco normal, mostrando um Thrash Metal atual que não fecha o seu leque e flerta com outros estilos, como o Metalcore e o Death Metal, por exemplo. Porém, é um disco que parece de fácil digestão, mas deve ser bem mastigado.

O disco é rico em elementos, traz um peso impressionante e uma ótima variação rítmica, fazendo com que o Krucipha saia do comum, comum que, aliás, assola o Thrash Metal ultimamente. Ora investindo em músicas diretas, ora em músicas mais versáteis, o grupo também não nega os elementos da música brasileira e consegue êxito com sua fórmula.

A produção, a cargo da própria banda e de Karim Serri (Legacy of Kain) caiu como uma luva, soa atual e exalta a pegada moderna que o Krucipha possui. Porém, em momento algum soa exagerada e ajuda muito a banda a manter a agressividade que advém desde os primórdios do grupo.

Hateful, Acceptance (que lyric video), a Death Metal Non Efficiens, Non Decorus, além das mais ‘experimentais’ Alter The Image e Mass Opression, essa última cheia de groove, são os destaques. O disco ainda traz duas bônus, sendo uma a regravação de Reason Lost MMXVI, que é simplesmente um hino. Aprovado!


8,5

Vitor Franceschini


Gamma Ray – “Land of The Free”

(1995 – 2017 – relançamento – Nacional)
                                   
Shinigami Records


O primeiro disco do Gamma Ray com Kai Hansen acumulando as funções de vocalista e guitarrista é um verdadeiro clássico do Metal melódico. Não que os três primeiros discos gravados com Ralf Scheepers não sejam bons, pelo contrário, mas “Land of The Free” moldou de vez a proposta da banda.

O que seu ouviu neste quarto disco de estúdio dos alemães, é o que a banda transmite em suas composições até os dias atuais, ao menos antes do próximo lançamento que provavelmente contará com o novo vocalista Franck Beck. O disco também ganhou uma versão comemorativa de aniversário e não podia ser diferente.

“Land of The Free” começa ousando com a épica Rebellion In A Dreamland com seus mais de oito minutos e que se tornou um clássico obrigatório até hoje nos shows da banda. Man On A Mission, que segue o jogo, é outro hit, assim como a faixa título que se tornou música de abertura nos concertos da banda por um bom tempo.

Não bastasse tais composições, ainda há as fantásticas Farewell e Time To Break Free, esta última cantada por ninguém menos que Michael Kiske (Helloween, Unisonic). Aliás, participações especiais não faltaram no disco, incluindo ai Sascha Paeth (ex-Heavens Gate) e Hansi Kursch (Blind Guardian).

O relançamento traz ainda um CD bônus com versões instrumentais, gravações ao vivo em estúdio, além de pré-produções de faixas já conhecidas da banda. Vale destacar que o encarte é todo especial, com texto e fotos representando a época, o que torna o trabalho definitivamente de colecionador e histórico.


9,0

Vitor Franceschini


Arte News: ATTRACTHA: confira lyric video da impactante “Victorious”

ATTRACTHA: confira lyric video da impactante “Victorious”
A banda de heavy metal ATTRACTHA produziu um lyric video pra Victorious, faixa que integra o álbum de estreia “No Fear to Face what’s Buried Inside You” (2016). O vídeo foi produzido por Tiago Curti com base na arte criada pelo renomado artista João Duarte.


“No Fear to Face what’s Buried Inside You” foi produzido por Edu Falaschi no Loud Factory, em São Paulo/SP, com auxílio dos engenheiros de som Tiago Assolini e Wagner Meirinho. A mixer/master foi realizada pelo renomado Damien Rainaud no Mix Unlimited Studios, em Los Angeles/EUA. A capa e conceito de arte foram criados em parceria com o artista João Duarte.

Acompanhe Attractha no facebook


PROGRAMA ROADIE METAL: confira o que rolou nas duas edições da semana passada
Quinta feira (11/01), o programa Roadie Metal voltou ao ar após um período de férias, e logo de cara um “Mesa Redonda” na edição 275 com convidados importantes da imprensa nacional.
Participaram do Mesa RedondaIza Rodrigues (Wikimetal), Sergiomar Menezes (Rebel Rock/Roadie crew/ Roadie Metal e Metal Na Lata), Celso Mauricio (Rumors Mag) e José Eduardo Brondi (Comando Noise).

Assista ao programa e veja os assuntos em que debatemos no link abaixo:

No sábado o programa fez a primeira entrevista do ano com o grupo de Dark Metal, Van Dorte, os músicos Feleex Duarte e Alexandre Carmo, reveleram todo o conceito e tema abordado na produção do primeiro disco da carreira “Epilogue”.

Assista ao bate papo no link abaixo:


O programa Roadie Metal está no ar desde o dia 10 de maio de 2014 e é transmitido toda quinta das 20:40 até as 23:00 e sábado das 14:40 as 16:15, sempre ao vivo e com transmissão pelo Facebook e YouTube do programa.


R.I.V.: banda apresenta nome e capa do novo álbum
O novo álbum do grupo mineiro R.I.V. está cada vez mais próximo de seu lançamento, a banda que se encontra em processo final de gravações, informou que as linhas de guitarras, bateria e baixo, estão todas gravadas e faltando apenas as vozes para entrar no processo de prensagem do material.

Outra informação importante divulgada pela banda, é a capa oficial e o nome do novo álbum, intitulado de “Prog-Core”, o novo registro do grupo apresenta ao público uma novidade inerente aos subgêneros criados dentro do Metal. “Prog-Core” é uma abreviação para “Progressive Core”, ou seja, a banda é a percussora em mesclar Metalcore com Progressive Metal, algo inédito e único no âmbito da música pesada.

A capa do disco foi criada pelo guitarrista e vocalista, Helbert de Sá, o músico informou que sua ideia é apresentar ao público uma mascote que mescle os demônios do Death Metal e os monstros do Thrash Metal, estilos que também estão presentes na sonoridade da banda. Na capa do álbum os três integrantes Helbert de Sá, Ana Lima (Baixo) e Ricardo Bicalho (Bateria), são apresentados como cientistas que acabam de criar o monstro“Prog-Core”.

O álbum será disponibilizado em formato físico e digital, sendo disponibilizado nas principais plataformas de Streaming do mundo, o disco físico está planejado para ser oficialmente lançado em abril de 2018.

R.I.V. é formada por:
Helbert Sá – Voz/Guitarra
Ana Lima – baixo
Ricardo Bicalho – Bateria
Mais informações:


Primeiro Warm Up do FESTIVAL LAURUS NOBILIS 2018 acontece no Roque bar em Lordelo em 20 de Janeiro
O primeiro warm up para o Laurus Nobilis é já dia 20 de Janeiro com Final Mercy e Reptile Portugal no Roque Bar em Lordelo.

Últimos passes de edição limitada disponíveis no Warm Up por apenas 22€.

 O Laurus Nobilis será sempre uma grande festa e uma digna homenagem à Música, não só na vertente profissional, mas sendo também uma montra para projetos emergentes, como também o festival está e estará sempre aberto a parcerias com associações e eventuais parceiros estratégicos.

A edição de 2018, que decorrerá ente 26 a 28 de julho, será mais uma vez direcionada para o Heavy Metal/Rock Alternativo (os estilos musicais que mais se notabilizaram e rentabilizaram nas edições anteriores).

Teremos dois palcos, um de entrada gratuita que funcionará os três dias do evento (mais direcionado a projetos emergentes, como também as bandas conceituadas nacionais e internacionais) e um outro de entrada com o respetivo bilhete, este só funcionará dois dias, 27 e 28, e será o palco onde irão passar os cabeças de cartaz desta edição de 2018 do LNMF. Teremos também um terceiro palco de entrada gratuita na zona do campismo (Palco faz a tua cena) este mais dedicado a djs e projetos alternativos (Musica, literatura, teatro, etc...) apresentados na hora, como também sobre a alçada de uma inscrição (mais à frente apresentaremos os moldes para que os artistas se possam inscrever para este palco).


Desta forma o LNMF 2018 apresenta-se, nas datas de 26 a 28 de julho e nos seguintes moldes:

Dia 26, Quinta-Feira
- 16h00 - Receção ao campista.
- 20h00 - Abertura do palco de entrada gratuita até cerca das 2h da manhã, neste dia passarão pelo palco 4 bandas e encerrará com DJ’s.
- Funcionamento do Palco (Faz a tua cena)

Dia 27, Sexta-feira
- 17h00 às 20h00 - 3 bandas no palco de entrada livre.
- 20h30 às 2h00 - 4 bandas no palco de entrada com bilhete.
- 2h00 às 4h00 - 1 Banda e DJ’s no palco gratuito.
- Funcionamento do Palco (Faz a tua cena)

Dia 28, Sábado
- 17h00 às 20h00 - 3 bandas no palco de entrada livre.
- 20h30 às 2h00 - 4 bandas no palco de entrada com bilhete.
- 2h00 às 4h00 - 1 Banda e DJ’s no palco gratuito.
- Funcionamento do Palco (Faz a tua cena)

Nota: Indo ao encontro do que já aconteceu na edição anterior, iremos promover iniciativas para fixar os festivaleiros no recinto a tempo inteiro durantes os três dias do festival, oferecendo campismo gratuito com qualidade, uma boa praça de restauração, eventos e os desportos radicais cuja requisição foi bastante aceitável nesta última edição, como também o funcionamento do Palco (Faz a tua cena) sempre que haja motivo para tal.

Confirmados estão os cabeças de cartaz Septicflesh e Dark Tranquillity, os espanhóis Crisix, e os nacionais Tarantula, Mata Ratos, Web, Hills Have Eyes, Equaleft, In Vein, Revolution Within e Legacy Of Cynthia.

Mais informações do festival em www.laurusnobilis.pt

Brevemente mais bandas e novidades do LNMF 2018.


MALKUTH: Blog Underground Extremo elege “Shoot to Kill (je$u$)” como um dos melhores lançamentos do Black Metal nacional de 2017

O atual EP, “Shoot to Kill (je$u$)”, dos pernambucanos do MALKUTH definitivamente conquistou fechou 2017 com chave de ouro para o grupo.

Depois da boa receptividade entre os adeptos do Metal Extremo, “Shoot to Kill (je$u$)” figurou ao lado de bandas como Impiedoso, Malefactor, Patria e muitas outras, na lista dos melhores lançamentos do Black Metal nacional de 2017, feita pelo blog Underground Extremo.

“Um Ep entre os melhores lançamentos do ano, sim pois estamos falando da horda Malkuth, que sempre fez questão de deixar bem claro seu ódio por toda cristandade, por meio de um Black Metal com doses de melodia e muita heresia,  não tem como ser melhor, um outro grande retorno para marcar o maldito ano de 2017.   Destaque para os sons: ‘Shoot to Kill (je$u$)’, ‘The Old Blade’, ‘Dead’.” - Cita o redator Luiz Harley Caires.
http://sanguefrioproducoes.com/upload/imagens/mediaset/79dcfbf98e2bfe1a405443dad5f0293a.jpg

Veja a lista completa aqui: http://undergroundextremo666.blogspot.com.br/2018/01/melhores-do-ano-parte-3-black-metal.html

Ouça agora no Spotify: https://open.spotify.com/album/2SZEEKFMluAESFeLNDyfPf

Encontre-o nas demais plataformas de streaming: https://sanguefrioproducoes.com/n/1106

Lançado oficialmente no dia 15/10/2017, via Sangue Frio Records, “Shoot To Kill (je$u$)” não ganhará versão física, com três faixas extraídas do novo full length “Voodoo”, previsto para o primeiro semestre de 2018, o EP está servindo como apresentação ao mesmo. O MALKUTH também liberou recentemente um lyric vídeo para a música “Anticristum (Bellicus)”, confira:

https://youtu.be/ZsEPeOO2Mzg

Contato para shows: contato@sanguefrioproducoes.com | vitalpsantos@gmail.com 

IMPIEDOSO: Sites citam “Reign in Darkness” dentre os melhores lançamentos de 2017, confira!

O ano de 2017 não poderia ter findado de maneira mais positiva para a banda catarinense de Black Metal IMPIEDOSO.

Após o lançamento do aguardado debut álbum “Reign in Darkness”, o grupo foi surpreendido com a avalanche de críticas positivas sobre o mesmo, o que resultou em duas citações que colocaram o atual trabalho do grupo entre os melhores de 2017.

O primeiro deles aconteceu por meio de voto popular, organizado pelo site Roadie Metal, o IMPIEDOSO concorreu ao lado de outras 105 bandas, ficando entre as 5 mais bem quistas pelo público, veja:

http://sanguefrioproducoes.com/upload/imagens/mediaset/543a280aee2eced30482f308479f657a.jpg

O outro portal relacionado a Metal que considerou “Reign in Darkness” como um dos melhores de 2017, foi o blog Underground Extremo, que em uma lista específica para o Black Metal nacional, colocou a banda ao lado de nomes como Malkuth, Malefactor, Patria e muito mais, confira o que disse o redator Luiz Harley Caires sobre este álbum:

“Observe a capa, o logo e o nome da horda, sem dúvida Impiedoso é exatamente isso, sem misericórdia, com as almas cristãs e com os não preparados para o metal negro.  Conheço a horda desde a demo ‘Abismo da desgraça’, então, saber do lançamento desse trabalho é gratificante, não só para a cena catarinense mas também para a nacional. Destaque para os sons: ‘Demônio da sedução’, ‘Pelas desgraças de Deus’, ‘Liberty to Satan’.”
http://sanguefrioproducoes.com/upload/imagens/mediaset/f2c764c3d1d986dfe981dfa18516baad.jpg

Confira lista completa aqui: http://undergroundextremo666.blogspot.com.br/2018/01/melhores-do-ano-parte-3-black-metal.html

Ouça “Reign in Darkness” no Spotify: https://open.spotify.com/album/0y0vJQAg5U0GvQgV7tV3Kn

Encontre-o nas demais plataformas digitais: https://sanguefrioproducoes.com/n/1024

Adquira agora (versão física) acessando o link a seguir: http://sanguefrioproducoes.com/loja/inicio/39-impiedoso-reign-in-darkness.html

Contato para shows: contato@sanguefrioproducoes.com | impiedoso@impiedoso.com

Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato
Sites relacionados:
https://www.facebook.com/ImpiedosoHorde/ 
https://www.sanguefrioproducoes.com/artistas/Impiedoso/47



IMPERADOR BELIAL: Presente na coletânea “As 20 + de 2017” organizada pelo site Força Metal BR
Com os projetos para o primeiro semestre de 2018 completamente traçados, a banda carioca IMPERADOR BELIAL ainda desfruta do ótimo ano que viveu em 2017.

Isso devido a recente divulgação do portal Força Metal BR, que colocou a banda na coletânea digital “As 20 + de 2017”. Tudo passou por votação popular, e o IMPERADOR BELIAL figurou ao lado de nomes como Miasthenia, Axecuter, NervoChaos, Apophanous, Fusileer e muito mais, veja:

http://sanguefrioproducoes.com/upload/imagens/mediaset/64c940e8f756d444657f1898c173a555.jpg

Mais informações: http://www.forcametalbr.com.br/2018/01/forca-metal-br-coletanea-as-20-de-2017.html

A compilação está disponível para audição no YouTube, ouça agora: https://www.youtube.com/playlist?list=PLrg1Gq88Lj0VbrqCZ0tC8xAG7uNQRg67s

Acesse o link a seguir para baixa-la gratuitamente: https://goo.gl/LD6dtg

Como supracitado, o IMPERADOR BELIAL anunciou recentemente as primeiras novidades para este ano que se inicia, acesse o link a seguir e fique por dentro: https://sanguefrioproducoes.com/n/1223

Contato para shows: contato@sanguefrioproducoes.com | imperadorbelial666@gmail.com

Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato
Sites relacionados:
http://www.facebook.com/imperadorbelial666
https://www.twitter.com/imperadorbelial
https://www.sanguefrioproducoes.com/artistas/ImperadorBelial/51


FUNERATUS: lendário grupo de Death Metal prestes a lançar seu novo álbum
Apesar de seu último álbum, o já clássico ‘Echoes From Eternity’, ter sido lançado no longínquo ano de 2004, o trio FUNERATUS – uma das mais respeitadas formações do Death Metal brasileiro – nunca parou de trabalhar. A banda agora finalmente segue nos preparativos finais para o novo CD.

Batizado de ‘Accept The Death’, o novo disco é o terceiro álbum completo do grupo. O material foi gravado nos estúdios Sete Studio, em Guaxupé/MG (bateria) e Joca Miquinioti Studio, em Mococa/SP (vocal, guitarra e baixo). A produção ficou nas mãos da própria banda.

Já para a mixagem e masterização foi escolhido ninguém menos que o veterano produtor alemão Andy Classen, responsável por trabalhos de bandas como Asphyx, Tankard, Krisiun, Belphegor, Destruction, Rotting Christ, entre outras.

A capa foi assinada pelo talentoso artista brasileiro Alcides Burn, conhecido por trabalhos junta a grupos como Krisiun, Nervochaos, Blood Red Throne, Rebaelliun, HeadHunter DC e outros.

O lançamento de ‘Accept The Death’ está previsto para meados de fevereiro e uma data concreta será anunciada em breve. No Brasil o trabalho será lançado em uma parceria entre os selos Distro Rock e Extreme Sound.

Em breve mais novidades acerca de ‘Accept The Death’.


Sites Relacionados:


X-EMPIRE: música com Chris Clancy está disponível para audição
Recentemente o X-EMPIRE teve a faixa ‘Let it Die’ disponibilizada para audição no canal internacional Space Untravel.

A música conta com a participação do músico britânico Chris Clancy, que pela primeira vez participa de uma álbum de banda brasileira. Para quem não conhece, Chris é vocalista da banda Mutiny Within, grupo estadunidense que com seu debut autointitulado chegou ao primeiro lugar da Billboard em 2010. Atualmente o vocalista também canta na banda britânica Wearing Scars ao lado do conceituado guitarrista Andy James (ex-Sacred Mother Tongue).

Ouça ‘Let it Die’:


O álbum ‘Grief’ está disponível plataformas como Spotify, iTunes, Amazon e muitas outras já receberam o material. O trabalho foi gravado e produzido nos estúdios M&H e Flight. A capa ficou nas mãos do artista Marcus Lorenzet da ArtSpell Artwork.

Para ouvir, comprar ou baixar o disco em seu aplicativo preferido, basta fazer uma busca, ou se preferir, siga um dos links abaixo:

Google play: https://goo.gl/uLzMgq


Sites Relacionados:


METALMORPHOSE: banda lança versão em italiano de ‘Tudo Na Vida Tem Seu Preço’
Mais uma vez o incansável baixista “do outro lado do oceano” do METALMORPHOSE, André Bighinzoli, ataca! Dessa vez o músico produziu uma belíssima versão em italiano para a faixa ‘Tudo Na Vida Tem Seu Preço’, do álbum ‘Ação & Reação’.

Para esta versão, que se transformou em ‘Nella Vita Tutto Ha Un Prezzo’, o músico teve ajuda do músico italiano Jeff Vinci. Conhecido por seu trabalho com a banda CROHM, Jeff aqui ajudou a traduzir a música e cantou. O resultado é impressionante, assista:


A captação das imagens, direção e edição do videoclipe ficaram nas mãos do próprio André Bighinzoli que usou a belíssima área do Valle D’Aosta, no noroeste da Itália.

O álbum ‘Ação & Reação’ foi lançado no ano passado e está nas plataformas digitais, confia alguns links:


O disco, assim como todo o merchandise oficial do METALMORPHOSE está à venda diretamente com a banda por e-mail ou Facebook.


Sites relacionados:


ROADIE IN LOCO traz convidados importantes para debate sobre o cenário Rock/Metal em Goiás
Após muito pensar e tentar entender o que está acontecendo de errado com o cenário nacional, o apresentador do programa Roadie Metal, Gleison Junior, resolveu criar um novo quadro no programa.

Vem aí o “Roadie In Loco”, a ideia central é justamente tentar conversar com pessoas envolvidas diretamente com tudo que tem acontecido dentro da cena especifica de cada estado brasileiro, abordar temas sobre apoios, incentivos, dificuldades, público, bandas, parcerias, espaço, custo e prejuízo. Para debater esse assunto o programa sempre irá convidar um representante da imprensa, um músico atuante e com shows expressivos, um produtor de eventos e o dono de uma casa, pub ou bar, que seja relacionado à temática Metal.

O programa terá todo mês uma edição ao vivo e trará um debate em uma região/estado brasileiro com o intuito de no final fazer um levantamento de como está sendo fomentado, divulgado e criado espaço para as bandas brasileiras divulgarem seus trabalhos de forma ao vivo.

Quinta feira dia 18 de janeiro o primeiro episódio dessa saga vai ao ar, o Estado que iremos debater como está sendo fomentado o Metal, é Goiás, e convidados ilustres já estão confirmados no programa. Leo Bigode (Proprietário da Monstros Discos), maior produtora de festivais e eventos ligados à música underground do Brasil.

Marcos Cordeiro (Proprietário do “The Dark Side Rock Bar) um dos principais bares de Rock/Metal da capital Goiânia.

Guilherme Leal (Guitarrista das bandas Mugo/ Armum/ Heretic)atualmente o músico esteve em extensa tour nacional e internacional com a banda Armum.

Os três mais o apresentador Gleison Junior estará ao vivo a partir das 20:40 ate as 23:00 debatendo e comentando tudo sobre o cenário em Goiás com seus convidados.

O programa é transmitido ao vivo via facebook e Youtube, para assistir basta estar conectado em um dos links abaixo:


SON OF A WITCH retorna com single apocalíptico

“Melting Ocean”, já nas plataformas de streaming, é a síntese da personalidade dos mestres do Heavy Doom

Estes são os mais intensos e apocalípticos 13 minutos de música que você ouvirá ao menos neste início de 2018. O heavy doom do Son of a Witch no novo single “Melting Ocean” envolve com diferentes dinâmicas e reforça a essência da banda por meio de riffs carregados de peso e groove juntos ao tempero psicodélico. A música está disponível via Abraxas Records nas principais plataformas de streaming. Ouça aqui: https://onerpm.lnk.to/ SonOfAWitch

“Melting Ocean” é a síntese da personalidade do Son of a Witch. Aqui, o clima de final dos tempos é sentido a todo momento. "É do conhecimento de todos que por muito tempo estamos abusando do nosso planeta. Os avisos foram dados, e é em um tom de profecia que chega com Melting Ocean”, ressalta a banda.

Son of a Witch é uma força da música pesada independente com sólido currículo construído desde 2008, ano em que a banda foi concebida, em Natal (Rio Grande do Norte).  O single é o sucessor imediato do disco de estreia ‘Thrones in the Sky’, de 2015, o primeiro resultado da parceria entre banda e Abraxas, gravado no estúdio Superfuzz (Rio de Janeiro, produzido por Gabriel Zander).

O single foi gravado no Black Hole studios (RN) por Adriano Sabino, Patrick Schafstein e Flavio França, e mixado por Gabriel Zander no Costella Estúdio (São Paulo). Ars Moriendee é quem assina a arte de “Melting Ocean”.


EDU FALASCHI “Rebirth of Shadows Tour”: “Fala Galera” vira meme e fãs espalham pelas redes sociais

O vocalista Edu Falaschi segue com a “Rebirth of Shadows Tour” marcando uma era de grandes shows em todo o Brasil. O cantor ao lado de Aquiles Priester, Fabio Laguna, Diogo Mafra, Raphael Dafras e Roberto Barros, estão cada vez mais entrosados como banda e embarcaram numa brincadeira criada por eles sem querer e que fãs de todo o país acabaram espalhando por todas as redes sociais. Em algum momento da turnê, fãs começaram a enviar vídeos com a hashtag “Fala Galera” e brincando com a banda. Os músicos gostaram tanto que começaram a brincar com os fãs nos shows, uma forma de mostrar como está divertida e saudável a “Rebirth of Shadows Tour”.
Por conta da turnê, Edu Falaschi e seus companheiros de banda estão muito felizes em compartilhar momentos com os fãs e que lembram aquela fase áurea do Angra nesta nova turnê. São brincadeiras entre os músicos, com os fãs e até mesmo com produtores que transportam este grande momento vivido pelos integrantes da “Rebirth of Shadows Tour”.
“Foi uma surpresa total os fãs entrarem na brincadeira conosco por causa do “Fala Galera”. Começamos a receber os vídeos de todo o Brasil e percebemos a alegria de todos pela nossa união e parceria. Está sendo muito divertido assistir todos os vídeos e também a participação dos fãs em todos os shows”, comentou o vocalista Edu Falaschi.
Datas restantes desta segunda perna da “Rebirth of Shadows Tour”:
16/01/18 – Florianópolis/SC – John Bull
17/01/18 – Itajaí/SC – Centro de Eventos
18/01/18 – Blumenau/SC – Teatro Carlos Gomes
19/01/18 – Curitiba/PR – Hermes Bar
20/01/18 – Bebedouro/SP – Clube de Bebedouro
21/01/18 – São Paulo/SP – Carioca Club
O show de São Paulo será o último desta segunda perna da turnê “Rebirth of Shadows Tour” no Carioca Club, dia 21 de janeiro de 2018. A apresentação conta com o vocalista Kai Hansen (Helloween, Gamma Ray), que realizará dueto com Edu Falaschi na música “Temple of Hate”.
Além Kai Hansen, a apresentação também conta com a presença especial da baixista Tonka Raven, da banda Ravenclaw da Eslováquia, além dos vocalistas e amigos Alirio Netto, Tito Falaschi, Bruno Sutter e Thiago Bianchi que participarão da festa realizando duetos com Edu Falaschi em momentos especiais para os fãs, e do grande tecladista Junior Carelli que fará uma participação mais do que especial.
“Fala Galera” em Fortaleza (CE)https://www.facebook.com/aquilespriester/videos/2086356168057604/

Fãs brincando com #falagalerahttps://www.facebook.com/100009379759379/videos/1987300381592601/

SERVIÇO SÃO PAULO
EV7 Live orgulhosamente apresenta Edu Falaschi “Rebirth of Shadows Tour”
Banda convidada de Abertura: Acid Tree
Data: 21 de janeiro de 2018 (domingo)
Local: Carioca Club – http://web.cariocaclub.com.br/
End: Rua Cardeal Arcoverde, 2899, Pinheiros – São Paulo – SP
Abertura da casa: 18:00 horas
Show as 20:00 horas
Infoline: 11 3813-4524 / 3813-8598 / Whats 11-98909-7378
Classificação etária: 16 anos.
Estacionamento: locais próximos sem convênio
Estrutura: ar-condicionado, acesso para deficientes, área para fumantes e enfermaria
SETORES/VALORES
- 1º Lote – Pista – Meia-entrada: R$ 60,00
- 1º Lote – Pista – Promocional (doe 1 Kg de alimento não perecível): R$ 60,00
- 1º Lote – Pista – Inteira: R$ 120,00
- 1º Lote – Camarote – Meia-entrada: R$ 120,00
- 1º Lote – Camarote – Promocional (doe 1 Kg de alimento não perecível): R$ 120,00
- 1º Lote – Camarote – Inteira: R$ 240,00
*O ingresso promocional antecipado é válido mediante a entrega de 1 kg de alimento não-perecível na entrada do evento.
# PONTO DE VENDA (sem taxa de conveniência): Carioca Club / Rua Cardeal Arcoverde, 2899, Pinheiros – São Paulo – SP
# COMPRA PELA INTERNET – http://www.clubedoingresso.com/edufalaschirebirthofshadowstour
Formas de Pagamento: dinheiro, cartões de crédito e débito Visa, MasterCard, American Express e Diners Club


LEBOWSKII lança novo EP
O Lebowskii lançou o seu novo EP "Liquidators" na Europa e nas plataformas digitais com o selo Music-Records. O EP foi gravado, mixado e o masterizado no estúdio Vamacara Studio. Confira o trabalho nos links:


Mais informações:


SAVAGE MACHINE lança campanha para lançar álbum em vinil
O SAVAGE MACHINE lançou uma campanha de crowfunding para uma edição de vinil de seu próximo álbum de estréia 'Abandon Earth', que sai em CD / Digital em 19 de janeiro de 2018.

O álbum de estréia aclamado pela crítica pode ser reservado no link abaixo. Quanto mais pré-encomendas forem feitas, o trabalho mais chance tem de ser lançado em vinil.


A versão LP terá uma capa de gatefold com um folheto de 8 páginas em vinil preto de 180g. A obra de arte da capa foi feita por Mario E. Lopez M. (Iron Maiden, Megadeth, King Diamond, Metal Church).

Mais informações:


SKULLTHRONE lança "Demo III" em CD
O Skullthrone, com sede em Londres, lançou seu novo trabalho, "Demo III", via Bandcamp e em formato de CD. O Skullthrone está pronto para conquistar qualquer palco na Europa, então fique à vontade para convidá-los!

LINKS:

Bandcamp:
Facebook:
CD:
Merch:


ATARAXY divulga nova música
Uma nova música da ATARAXY da Espanha agora está sendo transmitida! One Last Certainty foi tirada do próximo álbum “ When All Hope Fades” e pode ser transmitida nos links abaixo.


Dark Descent Records lançará “When All Hope Fades” em CD, cassette e digital em 16 de fevereiro. O vinil sairá através de Me Saco Un Ojo Records. As pré-encomendas estão disponíveis através da Dark Descent Store e Bandcamp:



GODWATT: confira detalhes do novo álbum
A Jolly Roger Records orgulha-se de anunciar o novo álbum do Godwatt, intitulado "Necropolis", que será lançado em CD, Picture LP (limitado a 100 cópias!) e digital no dia 9 de fevereiro.

Apresentando 8 novas faixas (9 faixas no CD, como trilha bônus), "Necropolis" é um monólito sombrio da metrópole obedecendo a todas as regras do gênero, mas com uma perspectiva musical própria e pessoal da banda, com letras em italiano e influências de Stoner.

Confira abaixo um vídeo da banda:

No link abaixo podes conferir três músicas do grupo:

Mais informações:


NO GRACIAS: EP “Vista do Jogo” entre os melhores lançamentos de 2017
Um dos maiores portais direcionados à música underground nacional, O Subsolo, escolheu o EP “Vista do Jogo”, da banda No Gracias, como o quinto melhor lançamento de 2017, na categoria EP Rock / Hard Rock. A escolha reforça o excelente ano para o grupo, que além de ter seu álbum muito bem aceito pela mídia especializada, ainda lançou o primeiro videoclipe oficial de sua carreira.

O vocalista e guitarrista, Pablo Gusmão Rodrigues, fala sobre a premiação “Nós não esperávamos. Na sei quantos foram ouvidos, mas acredito que mais de cinco (risos). É muito gratificante. Não pela questão competitiva. A avaliação é inexoravelmente subjetiva e a gente não pensa em ser melhor que ninguém. Mas pelo significado em termos de reconhecimento do trabalho. E ainda vindo de gente que trabalha com música, que ouve muita música… certamente várias bandas de muita qualidade, independente do estilo, mas com sonoridade própria, criativas, com músicas interessantes”.

Sobre a forma de composição da banda, o músico acrescenta: “Nós não fazemos música pensando em agradar… visando ao sucesso comercial… Se fosse assim, tentaríamos seguir algum modismo da época (não é garantia de sucesso, mas é mais provável). Para mim, a criação artística, no caso, o processo de construção de uma música, é indiferente à expectativa de receptividade. Acho que isso pode ser entendido como honestidade artística. A gente se sente realizado por ter realizado (e isso não é exatamente redundante), independente do resultado, em termos de aceitação. A gente expressa o que quer expressar, da forma que quisemos expressar e, se ninguém mais gostou, ok, mas era isso o que queríamos dizer. Vejo isso até como uma liberdade que a arte propicia, já que, na vida em geral, estamos sempre cumprindo regras e convenções, volta meia tendo que se conformar com coisas que não concordamos, etc. Por outro lado, se nos expressamos é para os outros. E aí, se nossa expressão artística, composta honestamente, sem ser moldada para nada, for curtida por outras pessoas, isso gratifica, porque houve identificação! E esse é o sentido de estar aí tocando, fazendo shows e divulgando o trabalho” – conclui Pablo.


Enquanto comemoram a escolha, a No Gracias segue realizando shows para divulgar o EP.

A matéria completa do portal O Subsolo pode ser acessado no link: http://www.osubsolo.com/2017/12/melhores-do-ano-2017.html.


MATANZA realiza segunda edição de festival cervejeiro no Rio de Janeiro

Matanza Beer Fest terá cervejas artesanais, food trucks, rock n’roll e stand de games no Parque Madureira; Evento já atraiu milhares de pessoas pelo Brasil

Matanza Beer Fest chega à sua sexta edição geral, e dessa vez a sede do festival cervejeiro da banda Matanza é um dos bairros mais boêmios do Rio de Janeiro, Madureira. No próximo dia 27 de janeiro, a partir das 18h, no Parque Madureira, o quarteto mais endiabrado do rock nacional irá fazer a Zona Norte tremer com muito som pesado, boas cervejas e os melhores food trucks da cidade. O “esquenta” será feito pelos metaleiros da banda Maieuttica e os ingressos podem ser adquiridos através do link https://goo.gl/o96GBU ou nos pontos físicos de venda informados abaixo.

Com cerca de 5 mil pessoas presentes contando todas as edições, o fest é cada vez mais procurado e pedido pelos fãs da banda. Para o vocalista Jimmy London, o gosto é recíproco e criar mais eventos desse porte é uma tendência. “O primeiro Beer Fest no Rio foi há 8 meses e já tinha muita gente com saudade, então estava na hora de voltar a embebedar os cariocas. Um evento cervejeiro em Madureira, durante o verão do Rio e com o Matanza 'dando o sangue' no palco deve ser algo divertido para a rapaziada. Adoramos fazer esse tipo de show diferente porque é o que gostaríamos de ver se estivéssemos do outro lado. Sempre conversamos e estudamos as possibilidades para fazer mais beer fests”, brinca o cantor aproveitando para alertar os amantes da gelada. “É bom que todo mundo vá, e vá de ônibus, táxi ou uber para poder aproveitar a noite toda com responsabilidade”. 
  
As cervejas disponíveis serão do estilo Pilsen e Session IPA. Os food trucks presentes irão oferecer os melhores hambúrgueres, incluindo opção para os veganos. Pela primeira vez haverá um stand de games, graças à parceria com a escola de entretenimento Zion, que disponibilizará um XBOX 360 com Kinect para quem gosta de dançar (jogo Just Dance 2017 /2018), um Play Station 3, duas TVs de 42 polegadas, revistas exclusivas da empresa e ainda irá sortear bolsas de estudos e brindes oficias (camisas, squeezes, copos e canetas) para o público. A entrada é permitida apenas para maiores de 16 anos, sendo que os menores de idade só poderão adentrar acompanhados por um responsável legal, mediante apresentação dos documentos.


Sobre o Matanza
Criada em 1997, no Rio de Janeiro, a banda de rock pesado Matanza é uma das mais bem-conceituadas e respeitadas no cenário nacional. Com seu estilo único de fazer música, o quinteto formado por Jimmy London (vocal), Mauricio Nogueira (guitarra), Jonas Cáffaro (bateria), Dony Escobar (contrabaixo) e Marco Donida (guitarra) já se apresentou em mais de 100 cidades brasileiras e em grandes festivais, como o Sepulfest (2004), o Rock In Rio (2011), a Virada Cultural (2016) e o Lollapalooza Brasil (2016), por exemplo.

No Brasil, o Matanza é pioneiro do estilo “countrycore”, que mistura o country norte-americano à energia e intensidade do hardcore, com pitadas de thrash metal e o folk irlandês. Sempre com letras bem-humoradas, o grupo conta histórias de bebedeiras, ressacas e brigas de bar em sua maioria, porém também faz críticas sociais em músicas como “Orgulho e Cinismo” e “Odiosa Natureza Humana”. 

Matanza já atraiu mais de 47 milhões de views em seus vídeos oficiais no Youtube, possui cerca de 46 mil seguidores no Twitter, 34 mil no Instagram e mais de meio milhão no Facebook. Em 2012, foi criado e produzido pelos próprios integrantes, o Matanza Fest, festival de rock que já teve sete edições e a participação de bandas de várias gerações. Em outubro de 2017 a banda inovou e lançou o curta-metragem “Quando a lua cheia sai”, que teve direção do cineasta Alex Medeiros. 


SERVIÇO:
Dia: Sábado, 27/01/2017
Horário: 18h
Local: Arena Carioca Fernando Torres 
Tel: (21) 3495-3093
Endereço: Rua Bernardino de Andrade, 200 – Parque Madureira, Rio de Janeiro
Classificação etária: 16 anos (porém os menores de idade só poderão entrar acompanhados pelo responsável legal)

Pontos de venda de ingressos: 
Lojas South (Tijuca, Macaé, Nova Friburgo, Rio das Ostras, Jacarepaguá, Centro, São Gonçalo, Cabo Frio, Búzios, Barra da Tijuca, Recreio, Madureira e Centro de Niterói)

Loja Inside Rock – Rua Amaro Cavalcanti, 157 – Méier, RJ
Tel: (21)3985-8040

Rock For You – Avenida Presidente Kennedy, 1.741, sala 108 - Duque de Caxias, RJ
Tel: (21)99420-8796

Banzai Tattoo & Piercing – Rua Conde de Bonfim, 346, loja 106 – Tijuca, RJ
Tel: (21)2568-4010

Bandana's Pub – Rua Castro Barbosa, 36 – Grajaú, RJ
Tel: (21)99664-4661

Barber House - (Norte Shopping, 1° piso, lojas 1.115 e 1.116)
Tel: (21)3557-2036
  
Ou através do link https://goo.gl/o96GBU

Preços:
Inteira 2° lote - R$ 80,00
Meia entrada 2° lote – R$ 40,00
Meia entrada carioca (comprovante de residência na cidade do Rio de Janeiro + documento com foto) - R$ 40,00


Obs.: As notas publicadas nesta seção são de responsabilidade das assessorias das bandas/artistas.

Shinigami Records