Programa Arte Extrema 0061

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

InteraBanger



A seção InteraBanger do Blog Arte Metal, além de procurar inovar e tirar o veículo de certa rotina, tem o intuito de interagir com o leitor, músicos e especialistas no assunto sobre álbuns polêmicos ou não de bandas já consagradas e relevantes.

Nesta semana pedimos a opinião dos amantes do Metal (desde jornalistas, músicos e leitores) para falar sobre o sexto full-lenght do Korzus, o “Legion”. O trabalho era aguardadíssimo e foi lançado neste mês de novembro. Pelo jeito não decepcionou e é a primeira unanimidade da seção InterBanger.

“Achei o melhor álbum, depois do ‘Sonho Maníaco’ (1987). Em minha opinião é o segundo melhor álbum do Korzus.” (Kayla Vanessa, presidente do Fã Clube Oficial do Korzus)

“Ótimo, como sempre! E olha que escuto os caras desde o SP Metal...” (Adalberto Belgamo, leitor – Araraquara/SP)

“Rápido, técnico e agressivo! Os 'pilares' do Thrash Metal!” (Thadyson Smather, leitor – Caruaru/PE)

“Tem um ‘Q’ de Forbidden nesse disco... ah foi um elogio...” (JP Carvalho, vocalista da banda Yekun)

“A lenda do Thrash nacional sempre viva! Pra mim é o ápice da carreira dos caras. Tapa no cérebro certeiro!” (Leandro Fernandes, colaborador)

“Fizeram o que era de se esperar: um puta álbum excelente! Thrash de primeira grandeza. O álbum definitivo do Korzus, que os tornará seguramente a maior formação do Thrash nacional.” (Ricardo Leite Costa, colunista do Música e Cinema - http://musicaecinema.com/)

“Excelente! Korzus a cada álbum se aperfeiçoando! Resumindo não tem álbum ruim!” (Fernando Faria Maciel, leitor – Paracatu/MG)

“’PHudido’ na mesma linha e qualidade do “Dsicipline of Hate” (2010)” (Antônio Biane, leitor – São Paulo/SP)



“Honra o nome, honra a história da banda! Um som muito bem trabalhado, mantendo a essência do Thrash Brazuca. Com o Pompeu na produção, sempre é de se esperar um trabalho excelente. KZS! Fora a parte artística, que é uma porrada!” (Guilherme Silva, leitor – Parapuã/SP)

“Esse álbum do Korzus e o álbum "Mandu" do Voodoopriest pra mim são os melhores lançamentos de 2014! Surpreendentes até pra mim que não sou muito fã do estilo. Aliás, eu não era até escutar a sonoridade e qualidade incríveis e impecáveis!” (Artur Rinaldi, vocalista/guitarrista da banda The Assault)

“Eu não gosto de Korzus, porém gostei desse disco.” (Leonardo Aguiar, leitor – Batatais/SP)

“Um álbum que chegou de mansinho, sem muito alarde e conquistou todo mundo. Um dos melhores lançamentos do ano no gênero.” (Fabio Reis, Mundo Metal)

“Discaço, mais uma vez o Korzus está provando que é uma das maiores bandas de Thrash Metal dentro do país. O trabalho do Pompeu e turma está sensacional.” (Augusto Hunter, redator da Hell Divine)

“Uma banda como o vinho: quanto mais velho, melhor! Os caras estão em uma fase fantástica, tanto ao vivo, como em estúdio! Imperdível!” (Estevan Marcelo Meireles Guidugli, leitor – Sertãozinho/SP)

“Esse álbum novo ficou fenomenal, produção impecável, timbres impecáveis e as composições de primeira! Pensei que seria difícil superar o “Discipline of Hate” (2010), mas quando ouvi o “Legion”, o Korzus provou que foi até fácil pra eles! Estão na melhor forma!” (Diego Thalhammer, guitarrista da Outlanders)

“Já conheço os trabalhos anteriores do Korzus e digo que está maravilhoso!” (Maria Correa, leitora – Guarulhos/SP)


Acolyte – “Alta” – 2013 – Mordgrimm (Importado)

É sempre bom ver bandas extremas, mais precisamente Black, investir em uma pegada progressiva, tornando o som mais atrativo e viciante. O que encontramos nesse primeiro disco dos ingleses do Acolyte é um som cavernoso e ao mesmo tempo rico pela simples pegada Prog consistente aqui.

“Alta” é um disco ótimo e bem diferente, longe de vocais urrados e rasgados, guitarras densas e pesadas, mas com pegada firme e riffs entendíveis, a bateria também mostra muita técnica e um pouco mais de ‘calma’ podendo em certos momentos se escutar o som do baixo. Outro atrativo a mais é o misto de melancolia também presente com nuances soturna, certos momentos chegando a soar, em partes, com Rotting Christ.

Nove músicas que compõem esse compilado, mostrando muito profissionalismo e um diferencial à parte: “ame ou odeie”. Dito isso o disco se inicia com uma introdução bem curta emendando logo com a atmosférica Charybdis, sombria e também pesada. Seguindo para Leng (essa música fez parte do primeiro EP da banda) com seus quase dez minutos de duração mostra que realmente a banda gosta de arriscar e fazer aquilo que se tem vontade, a música em si não cansa e mostra bastante variação principalmente nos vocais e bastante alternância na cozinha e nos riffs, chega a se aproximar de um Heavy Metal.

A ácida The Nameless Expanse mostra uma pegada ‘old school’, seguindo sempre a mesma linha e poucas variações, mas em Sunrise o clima muda completamente para um som mais arrastado e obscuro, em certos momentos a calmaria toma conta e um clima de melancolia paira de forma bem discreta.

Formidine e Vultures mostram bons riffs e linhas de vozes agressivas e mais rápidas. The Ashenground mostra mais desenvoltura e muito peso, os guturais aqui são evidentes e encerrando esse excelente disco Epistle é a mais longa do trabalho com quase doze minutos de pura melancolia e soturnidade emaranhadas em cada nota executada, fechando o disco de forma honrosa.

O Acolyte é uma banda nova e com muita estrada pela frente. Os caras se arriscam em criar e inovar e isso deixou o som bastante original e sólido. Se curte um Black Metal com atrativos a mais, ouça!


9,0

Leandro Fernandes


Dune Hill – “White Sand” – 2014 – Independente (Nacional)

Só não vê quem não quer a quantidade de bandas ótimas da nova safra de Hard Rock brasileiro. Citando algumas: Killer Klowns, Still Living, Hard Desire, etc. E os recifenses do Dune Hill podem entrar nesta lista, já que, além de investir no estilo, o faz com qualidade e propriedade.

Formada em 2009, a banda até então havia lançado apenas um EP, “Big Bang Revolution”, de 2012. Este debut surpreende o ouvinte desde o início e não fossem as informações, eu juraria que se tratava de alguma formação gringa, pois nem sotaque o vocalista Leonardo Trevas deixa passar.

Os elementos que compõem sua música baseiam-se no Hard Rock, mas há facetas de Classic Rock e flertes com o Heavy Metal. Impressiona como tudo soa equilibrado, desde as bases de guitarras, solos melódicos na medida certa, cozinha consistente e um vocal influenciado por nomes como Jimi Jamison (ex-Survive) e Jeff Scott Soto (ex-Yngwie Malmsteen, Talisman).

Neste equilíbrio pode ser incluída a técnica da banda que destila composições bem estruturadas e que empolgam o ouvinte. Destaque para Miracles, Seasons e sua veia AOR vinda direto dos anos 80, além de Heroes e seu refrão festivo. Realmente uma das melhores surpresas do estilo em 2014. Fiquem atentos com a Dune Hill.


8,5

Vitor Franceschini


Arte News

KORZUS fecha parceria com a Agência Sob Controle
A Agência Sob Controle, produtora responsável pela vinda de grandes nomes da música internacional ao Brasil e que também gerencia a carreira das bandas Krisiun e Confronto, acaba de fechar mais uma grande parceria.

A empresa orgulhosamente anuncia que, a partir de agora, exercerá a atividade de booking agent do Korzus, um dos nomes mais importantes da história do heavy metal brasileiro. A ideia é levar a banda para mais cidades, atingir novos Estados, realmente expandir a maravilhosa obra de Marcello Pompeu (vocal), Heros Trench (guitarra), Dick Siebert (baixo), Antônio Araújo (guitarra) e Rodrigo Oliveira (bateria) pelo extenso território sul-americano.

Neste momento, o quinteto paulista celebrando inigualáveis 31 anos de carreira e coroa sua respeitável discografia com "Legion". Este trabalho é a perfeita evidencia de que a banda está cada dia mais forte, insana e devastadora, fazendo com que seu thrash metal ecoe pelos quatro cantos do planeta. Além disso, este disco mal chegou as prateleiras e já é considerado um dos melhores lançamentos de 2014.

Produtores interessados em contratar o espetáculo devem entrar em contato o mais rápido possível através do e-mail sobcontroleproducoes@yahoo.com.br.


AGE OF ARTEMIS faz show de lançamento de novo álbum em SP
Conquistando espaço com muita determinação e trabalho, a banda Age of Artemis já desponta como uma das grandes revelações no concorrido cenário do heavy metal nacional.

Atualmente formado por Alírio Netto (vocal), Giovanni Sena (baixo), Nathan Grego (guitarra), Gabriel "T-Bone" Soto (guitarra) e Ricardo Linassi (bateria), o grupo faz show de lançamento do álbum “The Waking Hour”, nesta sexta-feira (28/11), às 20h, no tradicional Gillan’s Rock Bar, em São Paulo.

“Não podemos negar que estamos ansiosos para subir logo no palco e tocar as nossas principais composições, além de algumas surpresinhas! Preparamos um repertório pesado, cheio de energia... Os fãs podem ter certeza que irão conferir uma bela performance do mais puro e tradicional heavy metal”, comentou o renomado ator e cantor Alirio Netto, que recentemente interpretou o papel de Judas no bem-sucedido musical “Jesus Cristo Super Star” (T4F).

A apresentação também contará com a participação especial dos vocalistas Edu Falaschi (Almah, ex-Angra) e Mario Pastore.

“The Waking Hour” foi produzido pelos renomados Brendan Duffey e Adriano Daga, no Norcal Studio, em São Paulo. A capa tem assinatura do artista colombiano Felipe Machado Franco (Blind Guardian, Iced Earth, Rhapsody Of Fire, Shadowside).

Confira o videoclipe produzido para a música “Hunger and Shame” em https://www.youtube.com/watch?v=EFuYugWWJbI.

Links relacionados:
http://ageofartemis.com.br
http://www.facebook.com/ageofartemis
https://twitter.com/AgeOfArtemis
https://www.youtube.com/artemisbrazil
https://soundcloud.com/powerprog/sets

SERVIÇO SÃO PAULO
Age of Artemis apresenta “The Waking Hour”
Atrações especiais: Edu Falaschi e Maro Pastores
Dia: 28 de novembro de 2014, sexta-feira
Horário: a partir das 20h
Local: Gillan’s Rock Bar - www.gillansinn.com.br
Endereço: Rua Marquês de Itu, 284 - Centro - São Paulo/SP
Reservas e informações: 11 - 3129-8710
Ingressos na porta - Homens R$30 e Mulheres R$ 15,00
Promoção: Mulheres VIP até às 23:00 horas.


KAMIKAZE KILLERS: banda anuncia turnê norte-americana em 2015
A banda recifense de grunge Kamikaze Killers fará uma turnê norte-americana entre outubro e novembro de 2015. Será a primeira turnê do quarteto formado por Victor Togakuri (vocal/guitarra), Phillipe Jonathan (guitarra/vocal), Josias Prego (baixo) e Helber (bateria) e que com todo seu potencial musical resgatam a energia de outrora do grunge que encantou milhares de pessoas no início da década de 90, período este representado por bandas como Nirvana, Alice In Chains, Pearl Jam, Soundgarden, entre outros.

Assista ao vídeo de "Same Mistake" através do link abaixo:

As informações sobre a banda Kamikaze Killers, vídeos, músicas e sobre a turnê podem ser conferidas na página oficial da turnê norte-americana no link abaixo:

Para os produtores norte-americanos interessados em levar a banda Kamikaze Killers para apresentações em sua cidade, favor entrar em contato com a agência Rivendell Radio Press através dos contatos à seguir:
Skype: rivendell.radio


LEVIAETHAN: clássico lançado na Europa

A gravadora inglesa SECRET SERVICE RECORDS acaba de lançar na Europa o segundo álbum da banda gaúcha Leviaethan, ‘Disturbed Mind’. O trabalho orginalmente lançado em 1992 é considerado um clássico do Thrash Metal nacional.

O CD foi lançado em formato digipack e em edição limitada, e conta com cinco faixas bônus exclusivas, sendo duas covers: uma para o Anthrax e outra para o Motorhead.
Confira o tracklist:

1. Seeds Of Violence
2. Facing Reality
3. Drinkin’death
4. In Search Of Life
5. My Cat
6. Visions Of A Distorted Path
7. The Evil Within
8. Philip Vii
9. Time For Lies
10. Disturbed Mind
11. Endless Lie*
12. The Last Supper*
13.
Pimponetta*
15. One World (Anthrax Cover)*
16. Stay Clean (Motorhead Cover)*

Este lançamento já está a venda diretamente pelo site da SECRET SERVICE RECORDS com envio para o mundo todo, inclusive o Brasil, confira o link:

http://www.secretservicerecords.com/shop.htm


MOTORCYCLES ROCK: programa sorteará dois ingressos para o Metal Singers em Limeira
O programa Motorcycles Rock vinculado a Rivendell Radio Press e apresentado toda segunda, quarta e sexta-feira às 19:00 horas ao vivo, através do site www.rivendellradio.net, estará sorteando dois ingressos para os ouvintes que curtirem as páginas do programa Motorcycles Rock e da agência Rivendell Radio Press na rede social Facebook.

Para participar, acesse o link oficial da promoção, siga as instruções e concorra aos prêmios.


Serão dois contemplados com um ingresso cada que vão prestigiar os músicos Tim Ripper (Ex-Judas Priest e Iced Earth), Blaze Bayley (Ex-Iron Maiden e Wolfsbane), Mike Vescera (Ex-Yngwie Malmsteen e Loudness) e U.D.O (Ex-Accept), músicos estes que formam o quarteto que se apresentará no dia 17 de janeiro em uma grande noite de puro Heavy Metal no Bar da Montanha em Limeira.

Curta as páginas da Rivendell Radio Press e do programa Motorcycles Rock na rede social Facebook:



EVIL HAIL FEST: Genocídio é a banda escolhida para o festival
A veterana banda de death metal, Genocídio, foi a escolhida para integrar a primeira edição do Evil Hail Fest, que acontece no dia 14/12, no Carioca Club, em SP, e terá as bandas Terrorizer, Blood Red Throne, Enthroned, Besatt e Nervochaos.

O Genocídio foi formado em 1985, e é uma das mais importantes do cenário nacional, com três EPs (o EP “Genocídio” é até hoje um dos mais cultuados ) e sete álbuns de estúdio, sendo o mais recente, “In Love With Hatred”, lançado no final de 2013.

A formação atual conta com Murillo Leite (vocal e guitarra), Wanderley Perna (baixo), Rafael Orsi (guitarra) e João Gobo (bateria).


Confira o serviço do festival:
Evil Hail Fest – 1ª EDIÇÃO:
Bandas: Terrorizer, Enthroned, Besatt, Blood Red Throne, Nervochaos e Genocídio
Dia 14/12 - Domingo a partir das 14h
Local: Carioca Club- Rua Cardeal Arco Verde, 2899- Pinheiros-São Paulo-SP

Ingressos:
Pista:
Estudante: R$90,00
1 lote-R$100,00
2 lote-R$120,00
3 lote-R$130,00

Camarote:
1 lote-R$120,00
2 lote-R$140,00
3 lote-R$150,00

Pontos de Venda:
São Paulo:  Galeria do Rock: Loja  Mutilation
           E bilheterias do Carioca Club

Santo André: Metal CDs

Internet- Clube do Ingresso- www.clubedoingresso.com

Produção: TC7 Produções & V

Sites relacionados:


AGHARTI anuncia parte de turnê europeia
A banda Agharti anunciou a primeira parte de sua turnê europeia. Abaixo segue as primeiras datas da banda pelo velho continente. A turnê começa no dia 13 de dezembro.

13/12/2014 - TBA (Croatia)
18/12/2014 - Fania Live - Wien (Austria)
19/12/2014 - B52 - Eenegem (Belgium)
20/12/2014 - Rock Classic - Bruxelles (Belgium)
21/12/2014 - No man's Land - Volmerange Les Mines (France)
23/12/2014 - Mala Scena - Karlovac (Croatia)


Mais informações:
http://www.wormholedeath.com

Obs.: As notas publicadas nesta seção são de responsabilidade das assessorias das bandas/artistas.

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Valhalla – “Evil Fills Me” – EP – 2014 – Independente (Nacional)

Mesmo tendo dois full-lenghts, o clássico “...in the Darkness of Limb” (1994) e o magnífico “Petrean Self” (2002), “Evil Fills Me” (sexto petardo no geral) talvez seja o trabalho mais intenso da banda. E olha que a Valhalla sempre primou por fazer trabalhos extremos e agressivos.

Desde o riff apocalíptico de Internal War que abre o EP, o peso e a brutalidade ficam evidentes, sendo que a banda mantém a sua essência de sempre. Aliás, as guitarras merecem menção imediata, pois a fábrica de riffs mórbidos executados por Adriana Tavares (com ajuda da baixista/guitarrista, sua irmã Alessandra Tavares) chama atenção e parece anunciar uma devastação.

A cozinha não fica atrás com linhas de baixo bem estruturadas e que dão ênfase ao peso, mérito de Alessandra, membro fundadora da banda que está na ativa na ativa desde 1990. Ariadne Souza além de descer a mão e mostrar técnica em seu kit de bateria, vocifera guturais cavernosos que estremecem o underground e deixam o ouvinte atônito.

Impressiona a energia que emana das composições e a mescla de influências ‘old school’ com a aura que só as bandas de Metal extremo nacional possuem, o que irá agradar em cheio o verdadeiro apreciador de Death Metal. A variação de andamento também é um ponto positivo, assim como a objetividade, o que deixa as músicas ainda mais interessantes.

Para quem não sabe, a Valhalla é uma banda pioneira com mulheres na formação que fazem Death Metal no Brasil e se não fossem alguns problemas de formação, com certeza teria galgado um status ainda maior na cena. Não tenha dúvidas que “Evil Fills Me” mostra que vôos mais altos ainda é uma finalidade, pois trata-se de um ótimo trabalho.


8,5

Vitor Franceschini


Acefalia – “Estupro da Essência Humana” – 2014 – Independente (Nacional)

Poucas bandas arriscam fazer Death Metal com letras em português, e menos ainda se utilizam de temáticas que abordam a sociedade e suas patologias. O Acefalia, de Joinville/SC, faz exatamente isso e se sai muito bem na sua proposta, que pode não ser inovadora, mas é rara.

Apesar do foco no Metal extremo a banda não se restringe a isso e se procurar dá pra achar elementos de Thrash Metal e Hardcore em sua música. Mas, os riffs mórbidos de guitarras, bateria veloz com muito ‘blast beats’ e um baixo potente dão à banda uma vaga no poderoso Death Metal mesmo.

A roupagem e a produção do trabalho passam longe da modernidade, sendo que as composições soam na maior veia ‘old school’ e a produção suja caiu como uma luva na sonoridade imposta. Os vocais guturais de Diego Mammoth são muito bons e poucas vezes vi alguém encaixar linhas em português tão bem no estilo.

Destaque para os ‘breakdowns’ de Não Pertenço a Este Mundo, Duas Caras e à faixa que dá nome à banda, mas, sinceramente, o disco todo merece menção, pois são composições de ótimo nível. O caso do Acefalia é que a banda não pode melhorar, senão estraga.


8,0

Vitor Franceschini


Arte News

UGANGA: Videoclipe Casa estreia amanhã no programa Arte Extrema

"Opressor", o tão aguardado novo disco de estúdio do Uganga, foi oficialmente lançado no último dia 10 de Novembro durante um badalado coquetel fechado para a imprensa numa casa noturna na zona oeste de São Paulo. Dezenas de jornalistas prestigiaram o evento que também marcou o lançamento do novo videoclipe do grupo para a música "Casa", uma das faixas do novo álbum.
Com imagens coletadas durante a mais recente turnê européia do Uganga que passou por oito países, "Casa" foi mais uma vez dirigido por Eddie Shumway, com quem a banda já havia trabalhado em seus vídeos anteriores.

O videoclipe "Casa" estreia agora para o público nesta quarta-feira, 26 de Novembro, durante a edição de número 62 do Programa Arte Extrema que estará online no Youtube a partir das 21h do horário de Brasília.


VICIOUS RUMORS: Alterações importantes nas datas da turnê
Na próxima semana a América do Sul entrará na rota de shows do VICIOUS RUMORS, na turnê de comemoração de 35 ininterruptos de atividades, intitulada "Live You To Death - 35º Anniversary Tour". Atualmente formada por Nick Holleman (vocal),Geoff Thorpe e Bob Capka (guitarras), Tilen Hudrap (baixo) e Larry Howe (bateria), a banda está ansiosa em desembarcar no Brasil, e para Tilen, “nós sempre esperamos que seja uma grande turnê, mas, eu toco com a mesma garra se for para 20 ou 20 mil pessoas! Eu tenho certeza que será alto!”.
Segundo nota da produtora Open the Road, a data do show do VICIOUS RUMORS no Rio de Janeiro precisou ser mudada para um dia antes, 10/12.  A banda teve a oportunidade de ter mais um show pelo país, no Zoombie Ritual Festival, que devido ao número de bandas que caíram, terá VICIOUS RUMORS como forma de substituição. O show foi contratado pelo produtor de Limeira, Edson da C.O.I. Prods, que propôs a mudança, já que o show em Limeira estava com baixa venda de ingressos. Os ingressos adquiridos anteriormente para o show no Rio de Janeiro continuam válidos e todos que não poderão comparecer na nova data, podem obter seu estorno sem nenhum problema. Esperamos a compreensão de todos e nosso objetivo foi dar oportunidade para que a banda toque para mais gente em sua primeira passagem pelo Brasil. O e-mail de contato é:opentheroadtour@gmail.com

A banda será co-headliner do primeiro dia, 11/12, ao lado do Destruction, onde executarão todos seus clássicos para os ávidos fãs de Power/Thrash Metal.


Atualização na agenda do Vicious Rumors:

04/12 - São Paulo @ Meet and Greet - Galeria do Rock
06/12 - Vitória @ Mega Metal Festival
07/12 - Curitiba @ Blood Rock Bar
10/12 - Rio de Janeiro @ Rio Rock & Blues Club
11/12 - Rio Negrinho @ Zoombie Ritual Festival
12/12 - Londrina @ Hush Pub
13/12 - Buenos Aires @ Asbury Music Club
14/12 - São Paulo @ Manifesto Bar

Contatos para Shows e Informações:


BELPHEGOR: Conjurando demônios em solo carioca
Na próxima semana, dia 06/12, os bangers cariocas terão a chance de rever uma das principais bandas de Metal Extremo da atualidade, o BELPHEGOR, que está divulgando seu novo álbum, “Conjuring the Dead”. Na estrada há mais de duas décadas, a banda liderada pelo guitarrista/vocalista Helmuth tem agradado o demônio que inspirou seu nome, unindo de forma perfeita seu Death/Black Metal com elementos sexuais, seja em suas artes gráficas ou clipes.

Um dos sete príncipes que governam o Inferno, Belphegor era cultuado na antiga Palestina na forma de uma figura que se modifica de acordo com a citação, desde um ser bestial (semelhante a um lobo) até um velho alto, barbudo, possuindo uma língua com forma de falo, dentes caninos grandes e uma cauda de dragão.

Em recente entrevista para a revista ROADIE CREW (edição #189), Helmuth falou dos simbolismos da capa desenhada pelo artista Seth Siro: “A capa é uma descrição do mundo de terror em que vivemos... A queda dos padres e das instituições em geral, que se esvaem em seus próprios excrementos, por exemplo. É uma obra-prima majestosa e exaltante, com muitos detalhes pequenos, nos quais trabalhamos por meses. Há natureza em colapso, apocalipse. É como vemos a humanidade de hoje, destruímos a vida, a natureza, nos envenenamos com “fast food”, assistimos a um monte de mentiras nas propagandas de TV, sofremos lavagem cerebral com a mídia de massa, porcarias digitais e as raças vão cada vez mais se enfraquecendo. Tudo em nome do poder e da cobiça. A humanidade trabalha duro para foder tudo e cavar sua própria cova destruindo o planeta”.

Com a produção da Territory Productions, em parceria com a Dark Dimensions, o evento será realizado na cidade do Rio de Janeiro, a partir das 17h no Espaço Acústica (Praça Tiradentes, nº 2 – Centro) com a abertura das bandas TELLUS TERROR eDEMOLISHMENT.

Evento no Facebook com todas as informações:

Contatos:
Territory Productions:


RIGOR MORTIS: A procura de baterista
Infelizmente Rubens Potrich está deixando as baquetas do RIGOR MORTIS, pelo motivo de locomoção, pois cada membro é de uma cidade gaúcha e para Rubens estava complicado o deslocamento para cumprir as gravações do EP de estreia da banda.

Sendo assim Rubens deixa a banda e o RIGOR MORTIS agora está em busca de um novo monstro para os tambores, atualmente a banda esta gravando seu primeiro EP que já está com boa parte concluída, devendo sair no começo de 2015.

Mas o RIGOR MORTIS gostaria de finalizar as etapas já com seu novo membro, até para o mesmo ir se familiarizando com o som e também para se preparem a tempo da tour de divulgação.

Então bateristas de plantão que gostam e tem influencias de Suffocation, Dying Fetus, Krisiun e etc e que também queiram vestir a camiseta entrem em contato através do email: alexandrerigormortis@gmail.com e faça um teste.

Aproveite e ouça um pouco da destruição que o RIGOR MORTIS está preparando: https://soundcloud.com/heavy-and-hell-press/rigor-mortis-track-stream-theonewhoscared

Links Relacionados:



FIRE HUNTER: Viola caipira e Heavy Metal combinam?
Pode não ser uma inovação misturar elementos regionais com Heavy Metal, como o próprio Angra e Sepultura já fizeram, mas o resultado final da música “Simple But Proud”, presente no novo disco do FIRE HUNTER, tem chamado a atenção. Lançado pela Shinigami, o segundo álbum dos paranaenses, intitulado "No Fear No Lies", traz esta e outras músicas de destaque, sob a produção do renomado Tito Falaschi, que falou sobre o processo de gravação: “Foi bem sossegado trabalhar com eles, são bons músicos, o vocal também manda muito e tem um timbre que eu adoro. O processo de gravação foi animal, pois eles vieram de Ponta Grossa e fizemos tudo “full time”, e no final deu tudo certo. Eles vinham com as ideias e eu dava uma elaborada e então fazíamos com que tudo fluísse da melhor forma. Não houve nenhum problema e foi tudo ótimo”.

Tito, indagado sobre o uso de viola caipira em “Simple But Proud”, revela que a música é a sua preferida: “Adoro a sonoridade de nossos instrumentos e por mim teria mais... é a música que mais curto!”. O guitarrista Adriano Burey, responsável pelas gravações da viola, explicou como tudo ocorreu: “Foi a partir de uma experiência com uma dupla sertaneja, entrei pra tocar guitarra e comprei a viola, já que havia muitas músicas de “moda de viola”, mas eram feitas no violão, logo depois que comprei o instrumento já tive a vontade de mesclar com Heavy Metal. Eu tinha outra banda antes do Fire Hunter e já tinha feito esta mistura e havia ficado muito bom... Depois que entrei na banda a ideia sempre foi essa, de adicionar a viola em algumas musicas, pois não tem instrumento melhor pra identificar que somos brasileiros com raízes se não uma viola”.

A letra segue uma temática mais simples, segundo Burey: “Eu queria retratar mais o lance da pessoa que mora no campo mesmo, no interior. Passei um pouco da minha experiência, em tempos que passava as férias na casa dos meus tios (vários por sinal) em uma cidade aqui do interior, saía da cidade e ia pra lá viver e aprender coisas do campo. Acordava cedo, ajudava a tirar o leite das vacas, ia pra roça às vezes, ajudavas nas vacinações dos animais, e acho que consegui transmitir um pouco disso!”. E esta junção improvável tem conquistado a imprensa, como é o caso do jornalista Thiago Rahal Mauro: "A mistura de viola caipira com Heavy Metal ficou bem interessante. Foi original, pois poucas bandas ousaram em experimentar este elemento, o que admiro muito no Fire Hunter. Torço para que tenha um disco inteiro só com essa mistura".

Ouça “Simple But Proud” aqui:

Contatos:
Site oficial: www.firehunter.com.br


ADDICTED TO PAIN: Banda lança clipe para "The Kings Never Die"
Contando com integrantes das bandas Warrel Dane, Shadowside, Seventh Seal e Skin Culture, a Addicted To Pain lança seu primeiro videoclipe.

A música escolhida foi "The Kings Never Die" e o videoclipe foi filmado em São Paulo, pela Foggy Filmes.

http://youtu.be/NjekuhV71wk

O debut EP "Queen Of All Lies", foi gravado no Norcal Studios e o show de lançamento será em São Paulo  no dia 06/12 (sábado), ao lado da banda Hevillan.

Serviço:
Addicted To Pain e Hevillan
Data: 06/12/2014 ( sábado )
Horário: 22 horas
Ingressos: R$ 20,00 reais (H) e R$ 20,00 reais (M)
Local: Gillan’s Inn English - Rock Bar
Endereço: Rua Marquês de Itu, 284 ( próximo ao Metrô República )
Classificação etária: 18 anos

Site Oficial: http://addictedtopain.com.br/
Fanpage: https://www.facebook.com/pages/Addicted-To-Pain/1579581358937106


CREPTUM: confirmado na abertura da polonesa Besatt

O CREPTUM acaba de ser confirmado como uma das atrações de abertura para o show da lendária banda polonesa BESATT na cidade de Mauá, São Paulo.

O show acontece no dia 6 de dezembro, na Coke-Luxe (Rua Princesa Isabel, 210) e contará também com as bandas Esgaroth, Absyde, Desdominus e Golem.

Para quem quiser conhecer o som do grupo, o mais recente trabalho, a regravação da Demo ‘The Age Of Darkness’ está disponível para audição pelo link:

https://soundcloud.com/creptum

O CREPTUM também está disponível para negociação de shows. Produtores interessados podem entrar em contato pelo e-mail:creptum@gmail.com

‘The Age Of Darkness’ pode ser ouvido de forma gratuita pelo link:

https://soundcloud.com/creptum

Sites relacionados:
www.creptum.com
www.facebook.com/creptum
www.metalmedia.com.br/creptum



SCELERATA: entrevista para o programa No Class nesta quinta-feira


O baterista do SCELERATA, Francis Cassol, bateu um papo com o apresentador Cezar Heavy do programa No Class. A entrevista vai ao ar nesta quinta-feira, 27, pela rádio Stay Rock Brazil.

O programa é exibido para todo o mundo às 21h (horário de Brasília) e tem reapresentação na sexta-feira às 14h. Para curtir a entrevista e toda a programação da rádio, visite:

www.stayrockbrazil.com.br

Recentemente, o SCELERATA liberou para audição a música ‘Twilight Of The Gods’, que a nova formação da banda regravou para o tributo brasileiro aos 30 anos do Helloween, organizado pelo fã-clube do grupo em nosso país.
Confira:

https://www.youtube.com/watch?v=nk6yfHBfStQ

Contato: contato@scelerata.com

Sites relacionados:
www.scelerata.com
www.facebook.com/ScelerataOfficial
www.metalmedia.com.br/scelerata



SYREN: novo site, loja virtual e nova marca lançados



Preparando-se para lançar seu segundo trabalho de inéditas, o SYREN apresenta algumas novidades: um novo site, uma nova loja virtual e um novo logo.

O novo logo foi desenvolvido pelo artista Antonio Cesar da Not A Pipe (www.notapipestudio.com).

“Antonio Cesar já tinha trabalhado no encarte do nosso primeiro álbum Heavy Metal (a capa foi concebida por outro artista ), ficamos realmente empolgados com seu trabalho e resolvemos contactá-lo para fazer a capa do novo CD e realizar um conceito “remasterizado” do nosso logotipo.“

Já o novo site apresenta um pouco de toda a história do grupo carioca neste quase dez anos de existência, além de uma loja virtual com todo o merchandise oficial da SYREN e opção de pagamento via Paypal. Envio para o mundo todo e a sessão do mailing list onde você pode se comunicar com a banda através de messagem e receber via mala direta o material e novidades.

www.officialsyren.com

O SYREN também está de formação nova, sai o baixista Bruno Coe – que se mudou para o Canadá – e entra Mauricio Martins, irmão do baterista Julio Martins.

Este ano também a banda lançou sua cerveja, ‘Die In Paradise’, a bebida é uma ‘Amber Lager’ de capim-limão. Para promover o lançamento os ‘Brazilian Metal Bastards’ disponibilizaram um comercial:

https://www.youtube.com/watch?v=pmHZJigDVNE

Agora o SYREN prepara seu novo disco, ainda sem título anunciado, e em breve mais detalhes serão anunciados.

Contato: syrenmetal@gmail.com

Sites relacionados:
www.facebook.com/Syrenmetalband
www.metalmedia.com.br/syren

Obs.: As notas publicadas nesta seção são de responsabilidade das assessorias das bandas/artistas.

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Steelgard – “Rise Isengard” – EP – 2014 – Independente (Nacional)

Além de mostrar uma maturidade fora do comum, já que a banda foi formada neste ano, os pernambucanos do Steelgard trazem em seu primeiro EP um trabalho que poderia ser lançado tranquilamente como um álbum oficial. Está tudo na medida, de forma profissional e mostrando uma banda coesa e de bom gosto.

Não importa se o estilo preterido não pode mais ser explorado em termos de originalidade, já que o Power Metal melódico já teve todas suas fontes sugadas. O importante é que a banda o faz com capricho e muito conhecimento de causa, gerando composições de alto nível.

A faixa título que dá as caras logo após a introdução é forte e foi uma escolha perfeita para dar início ao álbum. Rain of Blood Chapter I – The Bloody Tale é épica e ousada com seus mais de nove minutos, mostrando que a banda é segura. Ainda há Wings of The Devil que é forte e possui uma boa melodia, além da balada épica Warrior’s Way.

Enfim, não espere nada de novo e original, mas se aprecia um bom Heavy Metal melódico com todos os clichês e características exigidos pelo estilo precisa ouvir esse EP. Uma bela estreia que pode ser baixada gratuitamente e é extremamente recomendado.



8,5

Vitor Franceschini


Vitter

VITER - official site