Programa Arte Extrema 0065

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Vídeos

Angra (Brasil)
O Angra surpreende a todos com seu oitavo álbum “Secret Garden”, lançado recentemente. Com um lado Prog ainda mais exposto, a banda talvez tenha lançado seu melhor álbum desde a saída do vocalista André Matos.
Mais informações:



Bloody Violence (Brasil)
O EP “Obliterate” já mostrou pra que a banda gaúcha Bloody Violence veio. Agora a banda já adianta e divulga uma faixa em forma de clipe do seu vindouro álbum “Divine Vermifuge”. Aprecie sem moderação a técnica do Death Metal do quarteto.
Mais informações:



Toxic Room (Portugal)
Excelente banda de Heavy Metal com resquícios de Thrash e Rock and Roll, diretamente de Cascais, Portugal!
Mais informações:



Dysnomia (Espanha)
Apesar de ser homônima da banda brasileira, o Dysnomia espanhol faz um som diferente e mais atual. Indicado aos fãs de Dark Tranquillity.
Mais informações:



Ivory Gates (Brasil)
O Ivory Gates é oriundo de Piracicaba/SP e já lançou 3 álbuns de estúdio. Essa é uma versão gravada para um tributo ao Harppia, lenda do Metal nacional!
Mais informações:


Entrevista



O Bandanos é um dos maiores representantes do Crossover nacional e esse status se fortalece com o lançamento de seu segundo disco “Nobody Brings My Coffin Until I Die”. O bem humorado guitarrista Marcelo Papa conversou com o Arte Metal e falou sobre o novo trabalho, tours e outros lançamentos, além dos planos para 2015.

7 anos separam o debut do segundo trabalho “Nobody Brings My Coffin Until I Die”. Por que tanto tempo entre um full-lenght e outro?
Marcelo Papa: Na verdade lançamos alguns Splits nessa fase. Não ficamos parados. Esse é nosso lado Punk! Piramos em Splits e sempre achamos uma boa forma de apresentar seu som para públicos que talvez não atingiríamos com um full. Sempre tocamos demais. Tivemos duas tours fora do país nesse intervalo (2008 pelo Chile e 2009 pela Europa), além da tour de 10 anos, que rodou o Brasil em 2010. No mesmo ano, trocamos a formação e ai sim nos trancamos para compor o disco, mas sem nunca deixar de fazer shows. O que demorou mais foi a gravação mesmo. Tivemos diversos problemas com o estúdio, depois atrasos de prensagem, confecção da capa (que foi feita pelo artista americano Jeff Gaither). Só nessa brincadeira, perdemos um ano. Banda underground sabe o parto que é lançar algo nos dias de hoje... (risos) Mas a gente não desiste! 

Neste espaço vocês lançaram três splits, sendo que no total a banda possui 5 trabalhos neste formato, incluindo um que saiu depois do segundo álbum, ao lado do Blasthrash. Vocês realmente gostam de splits (risos). Por que optaram por gravar neste formato?

Marcelo Papa: Involuntariamente, já respondi essa pergunta na resposta anterior. (gargalhadas)


E como foi o processo de composição de “Nobody Brings My Coffin Until I Die”? 

Marcelo Papa: Pela primeira vez nós tivemos um home studio para poder compor tudo com calma. Nosso batera tem uma edícula nos fundos de sua casa e ficamos quase um ano trancados, todo fim de semana, até terminarmos 18 sons. Dos 18, escolhemos 13. Fizemos uma demo com esses aplicativos de celular e entramos em estúdio  em setembro de 2013 com quase tudo pronto.


No que você acha que ele se difere dos outros trabalhos, principalmente do debut?

Marcelo Papa: Acho que é inegável que hoje temos muito mais referências pra compor. Digo até que temos referências fora do Metal, Crossover e Punk. Demos mais atenção pra produção também. As músicas estão um pouco mais trampadas, mas não perdemos essa essência suja e irresponsável que é característica do Crossover.


O novo disco parece ser mais variado e versátil, você concorda? Isso foi algo proposital ou fluiu naturalmente?

Marcelo Papa: Sim, concordo! Justamente pelo maior leque de referências que temos hoje. A entrada do Lauro (baixo) e Helder (bateria) também colaborou. O Lauro é um Zé Heavy de primeira e o Helder tem formação em música clássica, toca piano como poucos, nem sei o que ele faz tocando com a gente (risos).


Mesmo com essa variação, as composições são objetivas.

Marcelo Papa: Sim, não me vejo compondo sons mirabolantes, cheios de solos super técnicos. Por mais que a gente sinta uma evolução, continuamos sendo Punks e toscos (risos). Curtimos fazer sons curtos, diretos e objetivos. As bandas de Crossover que  mais curto na vida são aquelas que tem discos curtos, que quando você acaba de escutar, sente vontade de botar o play pra rodar de novo. Na hora de lançar o disco novo, eu estava muito encanado, já que o disco tem 33 minutos no total! Isso pra mim é um record e eu estava temeroso! Nosso primeiro disco tem 23 minutos, aumentou muito! (risos)


As letras cantadas em português abordam temas diversos como rebeldia, sociedade, política... O que vocês tentam passar com elas?

Marcelo Papa: É mais ou menos um reflexo das nossas vidas e de coisas que gostamos. Tem letra que fala de temas pessoais, às vezes de forma subjetiva. Às vezes falamos de reflexos e conseqüências sobre nossas escolhas e opções de vida, por termos escolhido o Punk, o Hardcore , o Metal. Também falamos sobre filmes de terror, sobre bandas dos anos 80, cena e tantas outras coisas. Não temos uma regra fixa pra isso. Nesse disco novo, os temas estão mais sérios. Talvez uma ordem natural de amadurecimento pessoal da banda.


Aliás, em “Nobody Brings My Coffin Until I Die” vocês colocaram as letras traduzidas para o inglês. Com surgiu essa ideia e qual importância da banda em disponibilizá-las neste idioma?

Marcelo Papa: Na verdade, o disco tem dois sons inteiros em inglês. Essa é uma característica nossa. Todo lançamento tem alguma coisa em inglês. Os selos que nos lançam têm boa distribuição lá fora e também por isso, achamos importante. Em outros lançamentos quisemos fazer o mesmo, mas na hora de fechar a arte, víamos que isso encareceria o preço do encarte e conseqüentemente, o preço final de venda do disco. Dessa vez achamos um meio termo e conseguimos. A idéia era ter letras em espanhol também, mas ai viraria uma bíblia (risos). Quem sabe em uma próxima!?



O álbum foi produzido por Ciero e pela banda no tradicional Datribo Studios. Como foi este processo e por que decidiram trabalhar na produção também?

Marcelo Papa: Gravamos 99% das coisas que temos lançado com o Ciero. Ele é um velho amigo, um gênio do Metal. Pegamos uma fase meio complicada do estúdio. Problemas pessoais e estruturais (no meio da gravação uma forte chuva rompeu uma telha e caiu água na mesa de gravação) atrasaram demais as coisas. Um monte de Zé Povinho nos falavam pra sair de lá, pra desistirmos, mas nos mantivemos firmes! Sabíamos que o resultado final seria satisfatório, como sempre! Tivemos dois assistentes de peso na produção: Alex Spike (Zero Vision/Chemical) e André Stuchi (Imminent Chaos) nos deram uma força enorme nas captações. Em todos os lançamentos, nós nos metemos na produção. O espírito “faça você mesmo” nos deixa a vontade pra tentar ajudar da melhor forma e deixar tudo dentro de nosso controle.


E como está a repercussão de “Nobody Brings My Coffin Until I Die”?

Marcelo Papa: Tem sido ótima! Diversas resenhas saíram e sempre com notas muito boas e comentários animadores. Nossa cota de discos que pegamos com a Läjä Rex está no fim e acho que até dezembro já não teremos mais.  Com esse disco agregamos um novo publico pra banda. Vemos caras novas nos shows, misturadas com as dos velhos conhecidos. Isso é muito revigorante.


Como tem sido a recepção às novas músicas nos shows? E como está a agenda da banda?

Marcelo Papa: Ficamos impressionados com as pessoas já cantando e pedindo os sons novos. A internet é foda pra essas coisas. O disco caiu na net na mesma semana que começou a ser vendido. Querendo ou não, isso ajuda muito no clima dos shows. As pessoas já sabem quais são seus sons prediletos e cantam junto com a gente. Nosso merch é honesto, acabam comprando o disco físico depois dos shows. A agenda está lotada. Foram agendados quase 60 shows esse ano. Estamos na reta final da tour. Passamos por boa parte do Brasil e realizamos um velho sonho de poder conhecer lugares que nunca pensamos que iríamos na vida, tudo isso dentro de nosso próprio pais.


Quais os planos para este final de ano e 2015?

Marcelo Papa: Pra 2015, temos em mente a gravação de um EP e tentar voltar a tocar nos lugares mais legais que passamos em 2014. Sabemos exatamente onde voltar, em quem acreditar e o melhor, sabemos também quem são os picaretas e aventureiros que não nos enganam mais! Por sorte, tivemos poucas decepções nessa tour longa. Não dá pra encher uma mão. Levando em conta que foram quase 60 shows agendados, isso acaba soando como lucro. Ano que vem também é hora de voltar pra Europa e estamos planejando uma tour pelos EUA. Vamos ver o que acontece! Queremos tocar até na Lua! Nos vemos nos shows, pessoal!



Dissorted – “I” – EP – 2014 – Independente (Importado)

Tem bandas que honram seu DNA e os alemães do Dissorted fazem jus à fama de sua terra natal, tamanha a qualidade deste primeiro registro do quinteto. Oriunda de Bad Reichenhall e radicada em Munique, a banda foi formada em 2004 e somente dez anos depois foi soltar sua primeira gravação oficial.

Se auto-rotulando Melodic Thrash Metal, a banda faz muito mais do que isso. Influenciados pelos seus conterrâneos do Tankard, pelos dinamarqueses do Artillery e os norte-americanos do Overkill, com exceção da ótima produção atual, o grupo ergue a bandeira do Thrash com referências enraizadas no Metal oitentista e uma pegada certeira.

Riffs sólidos com timbres muito bem escolhidos e uma cozinha eficiente dão à tônica e estrutura das músicas. Mesmo na variação entre ritmos mais velozes e outros nem tanto, a banda soa agressiva nas cinco composições. A energia é sentida em todo o EP tendo o vocal técnico de Mirco como um dos principais motores.

A enérgica Bloodshed Divine, que abre o petardo, é um dos destaques ao lado da excelente Operation Observation que fecha o trabalho e é uma das melhores faixas surgidas no ano no estilo. Simplesmente uma grata surpresa em um dos melhores EP´s de 2014!


9,0

Vitor Franceschini


Arte News

CHAOTIC SYSTEM: Nova formação anunciada
Com a saída da baixista Angela JP o CHAOTIC SYSTEM decide manter sua formação em apenas um duo, com Magno (vocal/guitarra) e Crystyano (bateria), onde concentram forças para deixar seu Crust/Grindcore ainda mais pútrido e violento.

Para 2015 o CHAOTIC SYSTEM terá um ano cheio, pois logo no inicio continuarão a gravação de seu novo EP e uma participação em um novo Split está nascendo, mas fiquem calmos que logo traremos todas essas informações!

Links Relacionados:



NO REMORSE: Ultimo show do ano neste domingo
Então é hora dos thrashers maníacos do NO REMORSE fazerem sua ultima gig em 2014, e desta vez no “Caos Fest” em Santa Cruz da Serra/RJ no Jungle Lounge Caxias.

O evento ocorre neste domingo e é beneficente, a entrada é nada mais nada menos que 2kg de alimento não perecível, e terá inicio as 15h.

Não da pra perder é o NO REMORSE fechando o ano com estilo e preparando muitas surpresas para 2015!

Links Relacionados:



DISFIGURED DEAD: banda muda de nome e conceitos
Marcada por mudanças em seu direcionamento, conceito e imagem, a banda norte-americana Disfigured Dead anunciou que já gravou seu debut e que agora conta com um novo vocalista, trata-se de Mark Berilm.

"Nós, como uma banda, decidimos continuar a nossa música e trabalho com um novo nome, e como uma banda diferente. Nós ouvimos nossa música e vimos algo mais e Desfigured Dead apenas não combina mais com os conceitos de bandas. Agradecemos a todos e qualquer pessoa cuja ajudou e nos apoiaram até aqui e pedimos-lhes para vir a nossa nova página!", disse a banda, agora Nilexistence.

Confira um teaser do que está por vir:

Mais informações:


VILE REGRESSION lança “Empires”
Hoje é um dia especial, pois marca o lançamento do álbum “Empires” da banda irlandesa Vile Regression. O melhor de tudo é que o trabalho está disponível gratuitamente para download e pode ser baixado no seguinte link:


“Estamos muito felizes com o feedback recebido do público e da imprensa em relação a “Empires”. Os comentários têm sido os melhores possíveis.”, disse o guitarrista Brian Brady.

Confira abaixo um vídeo da banda:


Mais informações:


Obs.: As notas publicadas nesta seção são de responsabilidade das assessorias das bandas/artistas.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Siriun – “In Chaos We Trust” – 2014 – Independente (Nacional)

O Siriun é uma banda capitaneada pelo guitarrista e vocalista Alexandre Castellan que chamou seu amigo de longa data Hugo Machado para o baixo e, nada mais nada menos que o baterista Kevin Talley (Six Feet Under, Daath, Feared, Suffocation, Devil Driver, BattleCross) para registrar o primeiro trabalho da banda.

Fazendo um Thrash Metal moderno com muita influência das bandas dos anos 90, o Siriun propõe cerca de trinta minutos de caos e muita brutalidade. Não há sombra de dúvidas que a bateria insana de Talley é um dos destaques, com uma pegada violenta e viradas sensacionais.

Mas, o conjunto da obra em si não deixa muito que um instrumento se sobreponha o outro, gerando composições variadas, com ritmos alternados e passagens interessantes. É como se o Soufly e o Fear Factory resolvesse se reunir em um projeto, obviamente com as características próprias da banda carioca.

Ifected, a incrementada faixa título e Transmutation são os destaques. Vale mencionar que a produção a cargo do próprio guitarrista também colabora muito com o resultado final. Se és fã de um Metal extremo mais atual com resquícios de Industrial não pode perder esse torpedo, vai lá  ao site e baixe gratuitamente.


8,0

Vitor Franceschini


Johnnybox – “Deep Inside Jerry’s Mind” – 2013 – Independente (Nacional)

A página do Facebook da banda diz que “Somos feitos do velho Rock 'n Roll, batido com camadas Groove, Hard Rock e cobertura crocante de Funk Rock”. E, me aproveitando dessa definição, é exatamente isso que a banda paulistana faz e com muita competência.

Desde a primeira audição, “Deep Inside Jerry’s Mind” se mostra um trabalho enérgico, empolgante e consistente. Classic Rock no sangue, Hard Rock nos ossos e Funk na alma, a qualidade das composições aqui disponíveis é incrível e chega a viciar o ouvinte.

Com uma ótima produção sonora, as duas primeiras faixas após a introdução já nasceram hits, de tão pegajosas. São elas: a pesada Jerry e a funkeada Jester. Isso sem contar a veia ‘bluesy’ de Not So Fine e Step Back, que coroam ainda mais o conjunto da obra.

Na falta de um Rock and Roll verdadeiro e representativo eis que uma banda como o Johnnybox para suprir isso, obviamente junto com raras outras de qualidade, mas esse aqui recheado de Funk de verdade e mostrando uma musicalidade muito acima da média.


9,0

Vitor Franceschini


Arte News

ANGRY: assista vídeos da apresentação no Big Rocks Fest 2

O ANGRY teve sua apresentação no festival Big Rocks Fest 2 em Mauá, casa da banda, publicado no You Tube.

A apresentação aconteceu em agosto deste ano. A captação das imagens ficou a crédito de Alan Silva. Cada música ganhou um vídeo independente:

https://www.youtube.com/watch?v=yUO8MC_uFy0

https://www.youtube.com/watch?v=aQHIJpts8as

https://www.youtube.com/watch?v=l_7GDXNpv1I

https://www.youtube.com/watch?v=tnmakVG8uIw

https://www.youtube.com/watch?v=4CqjQxia8FU

https://www.youtube.com/watch?v=49mElcm-pNY

https://www.youtube.com/watch?v=_tSjRijlPuY

O ANGRY divulga o álbum ‘Future Chaos’, recentemente lançado no Brasil pelo selo Tauil Entretenimento e no resto do mundo pelo selo mexicano Cadaver Records.

‘Future Chaos’ foi gravado em São José dos Campos/SP no estúdio Oversonic com produção de Vagner Alba (Morfolk, Attomica) e do próprio ANGRY. A arte da capa ficou sobre a responsabilidade da artista Juliana Reis.

A banda está disponível para shows por todo o território brasileiro, para agendar datas entre em contato pelo e-mail:bandaangry@gmail.com

Contato para shows e merchandise: bandaangry@gmail.com

Sites Relacionados:
www.facebook.com/angryofficial
www.metalmedia.com.br/angry


TELLUS TERROR: na programação da Kiss FM e Rádio Backstage

O novo álbum do TELLUS TERROR, ‘EZ Life DV8’, terá algumas músicas incluídas na grade de programação da Rádio Kiss FM, através do Programa Backstage, e na própria Rádio Backstage.

A Rádio Backstage e o Programa Backstage são capitaneados pelo lendário apresentador e músico Vitão Bonesso, que além da direção geral dos programas, é colaborador em diversos sites de Rock e também baterista da banda Electric Funeral (Black Sabbath Tribute Band).

O programa Backstage vai ao ar todos os domingos das 22 às 00h pela Kiss FM nos canais:

102,1 MHZ – São Paulo e Grande São Paulo
107,9 MHZ – Campinas e região
102,9 MHZ – Litoral Paulista
102,3 MHZ – Brasília DF e região
91.9 MHZ – Rio De Janeiro e Região
Ou se preferir diretamente pelo site: www.kissfm.com.br

Não deixe também de conferir toda a programação da Rádio Backstage pelo site: www.radiobackstage.com

O TELLUS TERROR segue divulgando ‘EZ Life DV8’, lançado no Brasil de forma independente, e que já está disponível nas melhores lojas especializadas e diretamente com a banda.

O disco foi mixado e masterizado pelos renomados produtores suecos Fredrik Nordström e Henrik Udd (Dimmu Borgir, In Flames) e teve a capa confeccionada pelo artista grego Seth Siro Anton (Nile, Paradise Lost, Exodus, Rotting Christ).

Na Europa o disco será distribuído pela PHD, Plastic Head Distribution, empresa com mais de vinte anos de história em distribuição de discos mundo afora e conta, entre suas dezenas de clientes, com selos como Candlelight, AFM, SPV, Massacre, Metal Age, entre outros.

https://www.youtube.com/watch?v=xozSTByECXA

https://www.youtube.com/watch?v=Ed02dSbtoQQ

Contato: tellusterror@tellusterror.com.br

Sites relacionados:
www.tellusterror.com.br
www.facebook.com/tellusterror
www.metalmedia.com.br/tellusterror



DEVIL’S PUNCH: confira teaser do EP ‘Damn Road’

Já com o material na reta final para o lançamento, o DEVIL’S PUNCH lança um teaser contendo trechos de todas as músicas do EP ‘Damn Road’.

https://www.youtube.com/watch?v=WSxk1yWYxYU

‘Damn Road’ foi gravado no Estúdio SIOD com produção de Umberto Buldrini e Fabiano Gill. A arte da capa foi criada pela artista Vivian Mota, que já havia sido responsável pela capa do novo EP da banda paulista HellArise.

O EP contará com quatro músicas, confira o tracklist:

1. Lost My Pride
2. The End Of The Line
3. Waste My Time
4. Damn Road

O lançamento de ‘Damn Road’ será feito em meados de janeiro de forma digital.

Contatos: devilspunch@hotmail.com

Sites Relacionados:
www.facebook.com/devilspunchoficial
www.metalmedia.com.br/devilspunch



DEMOLISHMENT: agradecendo a calorosa recepção no show com o Belphegor

Tocar é sempre um deleita para qualquer músico/banda que se preze, poder tocar ao lado de uma banda que você é fã, eleva ainda mais este prazer.

Foi o que aconteceu com o carioca DEMOLISHMENT dias atrás quando o grupo foi uma das bandas de abertura, ao lado dos amigos do Tellus Terror, para o lendário Belphegor. Como na vida gratidão é um ponto imprescindível, a banda manda uma carte de agradecimento pelo total apoio recebido. Nas palavras do vocalista Thiago Barbosa:

“Em nome do Demolishment, venho agradecer a todos que estiveram presentes nos nossos shows ao longo destes dois últimos anos, não poderia haver melhor forma de o ano chegar ao fim!

Encerrar os shows de divulgação do nosso EP tocando ao lado do Belphegor, que é referência no cenário do metal extremo mundial, foi uma satisfação imensa para nós.

Agradecimentos especiais aos produtores do evento, que fizeram com que tudo ocorresse do melhor jeito possível para todos. Dia a dia, estamos conquistando nosso espaço através do nosso trabalho, cada vez que escutamos uma simples palavra de apoio e reconhecimento como tem sido ao longo destes últimos dois anos, as nossas forças e vontades aumentam 500%.

Voltaremos aos palcos no início do ano que vem, com o nosso novo CD gravado. Muito breve teremos mais novidades para vocês e esperamos dar mais diversão e entretenimento a todos os amantes do metal pesado e extremo. Muito obrigado a todos por tudo! Desejamos um ótimo ano novo para todos vocês! Our fury is Unleashed!”

Confira uma galeria de fotos do show com o Belphegor: http://goo.gl/yl53Tf

O DEMOLISHMENT finaliza as gravações de seu primeiro álbum. A produção do disco ficará toda a cargo de Juan Carlos, todas as guitarras, baixo e vocais serão gravados no KBrito Studio. A gravação de bateria, mixagem e masterização será toda feita no Estúdio AM no Rio de Janeiro, o engenheiro de som e vocalista da banda Unearthly, Felipe Eregion, será o responsável por essa parte do trabalho.

A banda recentemente disponibilizou seu mais recente EP ‘Our Fury Is Unleashed’ para audição gratuita. Para conferir as quatro músicas que compõem o trabalho visite:

https://www.facebook.com/Demolishment/app_2405167945

Contato para shows e merchandise: contato@demolishment.com.br

Sites relacionados:
www.facebook.com/Demolishment
www.metalmedia.com.br/demolishment



VINGANÇA MUSIC: novo selo especializado em Metal Nacional

Mais uma empresa vem apostar na música pesada brasileira. Estamos falando da paulista Vingança Music, que acaba de entrar no mercado. O nome é uma homenagem a uma música do Anthares.

A gravadora é totalmente focada no lançamento de bandas de Metal nacional e acaba de lançar seu primeiro item no mercado: o álbum ‘Order Of Chaos’ da banda de Thrash Metal Blackning.

A escolha não podia ser mais acertada, afinal de contas, mesmo sendo um nome novo no cenário, a Blackning é formada por músicos experientes, com história em bandas como Andralls, Woslom e PostWar.

Confira mais da Blackning no videoclipe recém-lançado para a música ‘Thy Will Be Done’:

https://www.youtube.com/watch?v=N66z3bvmXuk

A Vingança Music distribui seus lançamentos por todo o território nacional. Lojas e selos interessados em um parceria podem entrar em contato pelo:

https://www.facebook.com/vingancamusic



KEEP OF KALESSIN: vencedor do concurso de arte é brasileiro!

Em outubro deste ano, a banda norueguesa KEEP OF KALESSIN lançou um concurso para que os fãs escolhessem a nova arte do vindouro disco ‘Epistemology’. Artistas dos quatro cantos do mundo enviaram suas interpretações, inclusive grandes artistas brasileiros, e foi um brasileiro que venceu o concurso.

O vencedor é o artista Jean Michel, proprietário da empresa Designations Artwork e que há dez anos vem se dedicando a arte gráfica. O talentoso artista já ilustrou álbuns de bandas como Skinlepsy, NoWrong, Zaltana, entre outras. Confira mais do portfolio de Jean a da Designations pelo site:

http://www.designations.com.br/

“Eu agradeço a todos que me ajudaram a conquistar o que era sonho e hoje se torna realidade. Agradeço aos competidores que jogaram limpo, (fico extremamente feliz de conhecer grandes artistas, há uma grande quantidade de excelentes designers). E agradeço a banda Keep of Kalessin, por ter proporcionado os primeiros degraus rumo a muitos que ainda se levantarão.
E saiba que todos são vencedores, tiveram a oportunidade de mostrar seu trabalho, conhecer novos amigos e novos clientes. Desta vez fui eu, mas nunca desanime, pois a porta pode se abrir a qualquer momento para você. Então esteja focado e persista em seus ideais.” – comenta o artista, sem esconder  a gratidão e alegria pelo feito.

Um vídeo contando toda a “saga” da escolha da capa foi lançado pela KEEP OF KALESSIN, confira:

https://www.youtube.com/watch?v=s_ZKDU3baM4

O novo álbum do KEEP OF KALESSIN, ‘Epistemology’, será lançado no ano que vem mundialmente pelo selo norueguês Indie Recordings.


HATEFULMURDER: disco lançado no EUA

O novo trabalho do carioca Hatefulmurder, ‘No Peace’, lançado no Brasil pela Cogumelo Records, acaba de ser disponibilizado nos Estados Unidos pela gravadora Greyhaze Records.

http://store.greyhazerecords.com/index.php?route=product%2Fproduct&product_id=342

‘No Peace’ é o álbum de estreia do quarteto carioca que vem sendo considerado uma das revelações do metal extremo nacional. O material conta com 9 faixas e já recebeu elogios como “estão se consolidando fortemente no cenário musical extremo nacional. Definitivamente, ‘no peace’” (Roadie Crew – 189). Interessados em adquirir o álbum podem fazê-lo diretamente pelo site da Cogumelo Records http://goo.gl/IqgDtA ou através da Voice Music.

Um videoclipe para a música ‘Fear My Wrath’ foi recentemente lançado. O clipe foi produzido e dirigido por Felipe Lameira.

https://www.youtube.com/watch?v=1pggrMfwp_Q

Mais informações sobre a banda, acesse: www.hatefulmurder.com

Fique por dentro de todas as novidades da Cogumelo Records acessando o site da gravadora www.cogumelo.com


BACKSTAGE destaca atrações do Monsters of Rock 2015
O penúltimo programa Backstage de 2014 tem como destaque especial, alguns dos grandes nomes recentemente anunciados pelo organização do Monsters Of Rock no Brasil. O produtor e apresentador Vitão Bonesso selecionou Ozzy Osbourne, KISS, Judas Priest, Manowar, Motörhead, Unisonic, Primal Fear e Accept justamente para celebrar a nova edição do festival confirmado para os dias 25 e 26 de abril de 2015, na Arena Anhembi, em São Paulo.

Deste as tradicionais novidades, o programa traz “Decadent”, novo trabalho do UDO e mais uma faixa do tão aguardado novo álbum do Angra intitulado “Secret Garden”. Completam o cast, Avatarium, Orange Goblin e os cariocas do Tellus Terror.

No espaço dedicado aos pedidos dos ouvintes, sons de Black Sabbath, Immortal e Thin Lizzy. Enquanto o bloco “Backstage The Classics” destaca mais um grande álbum gravado ao vivo, desta vez, “James Gang Live in Concert”, lançado em 1971.

O programa Backstage vai ao ar, todo domingo, das 22 às 24 horas, na Kiss FM (102,1 MHZ – SP).

Curta a página oficial do BACKSTAGE em https://www.facebook.com/RADIOBACKSTAGEOFFICIAL. Ouça pela internet, acessando www.kissfm.com.br e confira as edições anteriores no sistema “On Demand” disponível em www.radiobackstage.com(.br).

Programa Backstage – 1988 – 2014 – 26 anos a serviço da música pesada!
Domingo das 22 às 00h
Kiss FM:
102,1 MHZ – São Paulo e Grande São Paulo
107,9 MHZ – Campinas e região
102,9 MHZ – Litoral Paulista
102,3 MHZ – Brasilia DF e região
91.9 MHZ – Rio De Janeiro e Região
Ouça pela internet acessando: www.kissfm.com.br
Confira as edições anteriores no sistema “On Demand”, acessando www.radiobackstage.com (.br)
E-mail: radiobackstage@radiobackstage.com
Rádio Backstage: www.radiobackstage.com (.br) – 8 anos transmitindo 24 horas com canais dedicados ao Heavy Rock e ao Classic Rock.



SETFIRE anuncia seu novo baterista
Numa disputa acirrada, a Setfire teve a difícil tarefa de decidir qual dos três candidatos iria assumir a vaga de baterista. No dia 30 de Novembro de 2014, a banda reservou 4 horas do estúdio Furia V8, no Ipiranga/SP, para poder realizar os testes.

Felipe Jeronymo, baixista, comenta: "Ficamos satisfeitos em saber que haviam candidatos de nível elevado interessados em nossa banda, foi uma tarde incrível para todos nós da Setfire, aonde vimos pessoas querendo realmente fazer parte da nossa família".


Klemer, guitarrista, adiciona: "Entrevistamos os candidatos, pedimos para fazer uma apresentação e em seguida tocamos algumas de nossas músicas do EP “Deserted Land”. O requisito era tirar 3 músicas, porém o Daniel Balbinot tocou as 4 músicas do nosso EP e era como se ele já fizesse parte da banda. Percebemos que ele estava  cantando as nossas músicas. Dai no final das contas, isso nos ajudou a escolhê-lo, sem dúvida alguma, como o nosso baterista".


A banda disponibilizou um vídeo anunciando o novo baterista, o qual manda um recado para os fãs. Confira o vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=s-uKrJAsa14&sns=em
A banda também disponibiliza a foto da nova formação, que foi tirada pelo renomado fotógrafo Edu Lawless, na região da Avenida Paulista, em São Paulo.

Mais informações sobre a banda e contato para shows:
reverbnation.com/setfire
youtube.com/setfiretv


INNER FLAME: Novo projeto do baterista da Ravenland
Em paralelo a Ravenland, o baterista Victor Angellis anunciou o início das atividades de seu novo projeto, intitulado: INNER FLAME. Com um som mais comercial, misturando alguns estilos e influências, como Masterplan, In flames, Amorphis, Paradise Lost, Dark Tranquility e outros, a INNER FLAME promete um som hora suave, hora pesado.

Com previsão de lançamento do seu primeiro álbum para Abril de 2015, a banda conta com André Rima (ex-Thy Symphony) nos vocais, André Silva na guitarra, Joe Menezes no baixo e Victor Angellis (Ravenland) na bateria. A banda ainda busca por mais um guitarrista e por um tecladista, os quais devem ser anunciados em breve.

OBS: A banda abriu audição para vaga de guitarrista e tecladista, caso haja interesse, envie e-mail para: innerflameband@gmail.com


ELETROACORDES em show de rock com degustação de cerveja artesanal no El Pasito dia 20/12
Rock adocicado é possível para uma banda ácida da cena independente? Até em outros momentos, nem com efervescente descia tal ‘blasfêmia”. Mas a Eletroacordes Banda, trio gaúcho sitiado em Porto Alegre resolveu misturar todas e vai promover show de rock com degustação de cerveja artesanal própria "Eletros Beer". Detalhe, os engradados ao estilo “Honey Porter”, à base de mel. Só assim é possível fervilhar o açúcar na corrente sanguínea em altos decibéis. Tudo acontece dia 20/12, às 22h no El Pasito - Gastronomia Consciente & Cultura, na rua José do Patrocínio 824, Cidade Baixa, em Porto Alegre.

O show "DeZENcanados" é embalado ao mais autêntico estilo rock autoral da banda, há 5 anos no cenário gaúcho e liderada pelo jornalista, Rodrigo Vizzotto (vocal e baixo), junto com Fabrício Costa (vocal e guitarra) e Evan Veit (bateria). A Eletroacordes transcende pela música eclética – sem rótulos, receitas prontas ou jargões pré-fabricados – plugada nas origens do blues, jazz, pop rock psicodélico e anos 70. Na bagagem, mais de 30 shows, o EP “Respire Fundo” (2013) e o clip no YouTube  “Quem foi que disse” (2014), em https://www.youtube.com/watch?v=r97YdRzWYFU

No evento  programado para as 22h, com 15 canções totalizando uma 1 hora de duração, a Eletroacordes  promoverá covers e clássicos dos Beatles, Rolling Stones, Foo Fighters e ZZ Top, entre outros. Para confirmar presença na degustação no Pasito, acesse o link no Facebook em https://www.facebook.com/events/866543383365555/?ref_dashboard_filter=calendar

ELETROS BEER - Seguindo a tendência de marca própria para cervejas divulgadas por outros grupos, a então “EletrosBeer” será lançada no dia 20 de dezembro (sábado) no Pasito, com direito a uma provinha etílica para os convidados. Produzida pela Lupus Bier, pelo mestre cervejeiro Alexandre Borck, a “ceva” tem percentual de graduação de álcool em 6.5, estilo Porter, clara, elaborada com água, malte, lúpulo e levedura, além do mel. Dentro de um processo artesanal e com tiragem limitada em 50 garrafas de 600 ml, a Eletros Beer apresenta ainda característica de cerveja com espuma média, com notas de chocolate meio amargo. O retrogosto – sabor que fica depois de um gole – tem um leve sabor de mel.

Mais informações em www.eletroacordes.com.br


SILO: Fechando o ano com dois shows no mesmo dia no RJ

É isso mesmo, o SILO irá fechar 2014 no dia 20/12 (sábado), porém com dois shows no mesmo dia, para brindar sua volta e para mostrar que estão mais vivos do que nunca!

A festa começa no Last Cervas Bar às 20h e recomeça às 23h no Bar do Rock, onde mostrarão sons novos, de sua Demo autointitulada e alguns covers.

E sabe qual é o melhor disso tudo? Ambos os shows são entrada gratuita, não da pra perder né?

Headbangers cariocas COMPAREÇAM!!!!!!

Aproveite e ouça a Demo autointitulada agora mesmo:http://som13.com.br/silo/albums/sociedade-intelecto-liberta-de-opressao-demo

Links Relacionados:

https://www.facebook.com/bandasilooficial
https://www.youtube.com/user/bandasilooficial


HOURSWILL: anuncia lançamento de novo disco
São dez anos de carreira e somente agora a banda HOURSWILL orgulhosamente divulga o seu primeiro disco. O trabalho se chama “Inevitable” e foi lançado em outubro último pelo selo Ethereal Sound Works. O trabalho conta com 9 sons. Mais informações nos links abaixo:

Ethereal Sound Works: http://bit.ly/1CDwosC
iTunes: http://bit.ly/1Cr7WL1   
Google Play: http://bit.ly/1DfLKFU  


BEAUTALITY anuncia detalhes do novo álbum
A banda londrina Beautality anunciou que irá lançar seu novo álbum, “Einfallen: A Tale Ov Torment & Triumph

Mais informações:


CONDOR anuncia gravação de novo trabalho
Os colombianos da banda Condor anunciaram que estão trabalhando em um novo álbum a ser lançado em janeiro próximo. O disco se chamará “Duín” e tem previsão de lançamento para o dia 27 via Gomorrah Records.

O grupo colombiano lançou em 2013 o álbum “Nadia”, que teve boa repercussão no cenário underground.

Mais informações:

BANDCAMP: http://condormetal.bandcamp.com/album/nadia


Obs.: As notas publicadas nesta seção são de responsabilidade das assessorias das bandas/artistas.

Vitter

VITER - official site