quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Disgrace and Terror – “The Final Sentence” – 2013 – Distro Rock Records (Nacional)

O segundo full-lenght dos paraenses do Disgrace and Terror confirma o que ficou premeditado nos lançamentos anteriores. Isto é, aquele dedão do Thrash Metal da banda que insistia em cutucar o Death Metal, virou um pé inteiro e agora a banda está mais agressiva do que nunca.

Um dos maiores nomes do Metal extremo do Pará, o Disgrace and Terror adicionou elementos do gênero mais brutal do estilo e mesmo assim ainda manteve as características do Thrash Metal que pratica há 13 anos.

Isso se evidencia principalmente nas letras e nos vocais de Rot. Vocais estes que é um dos destaques do trabalho. O rapaz mostra uma impressionante versatilidade com um timbre excelente e uma variação muito interessante. Rot canta com guturais em algumas composições, sendo que em outras manda um rasgado raivoso, parecendo que a banda possui até outro cantor em seu line-up.

A guitarra de Sérgio Inferno continua com sua pegada Thrash, mas com uma veia mais mórbida e suja o que comprova as novas influências. Seus solos rápidos também estão bem encaixados. Enquanto isso, a cozinha formada por Rômulo Machado (baixo) e Aldyr Rod (bateria) alia ainda mais peso às composições.

“The Final Sentence” conta com uma boa produção que ficou a cargo de Kleber Chaar e da própria banda, no Chaar Studio, além de uma interessante arte gráfica que foi desenhada por Jota F. Trindade e finalizada por Fabio Jansen. Sem sombras de dúvidas, o melhor trabalho da banda até então.


8,0

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records