quarta-feira, 9 de abril de 2014

Hawthorn – “Dark Tales” – 2013 – Independente (Nacional)

“Dark Tales” é o segundo full-lenght destes curitibanos que investem em uma sonoridade cheia de excessos (tanto na melodia, quanto nos vocais), mas que forma composições de bom gosto e alto nível.

O som em si pende para uma pegada Black Metal Sinfônico, chegando a lembrar em alguns momentos a banda italiana Opera IX. Sim, o Howthorn possui uma vocalista feminina, mas essa semelhança não é por este fato, mas sim pelo instrumental intrincado e um tanto quanto vampiresco.

Aliás, as vocalizações são o ponto forte do trabalho, mostrando guturais, limpos masculinos e líricos femininos em uma alternância que cativa. Outro fator preponderante são os arranjos de teclados, fortes e influentes na musicalidade do Howthorn.

O peso é bem divido entre as guitarras e a cozinha, e dão sustentação para as músicas. Algumas passagens seguem uma linha Gothic Metal, enquanto outras com dedilhados de violão ficaram excelentes. Isso mostra a versatilidade da banda e a variação de seu som.

Destaque para as faixas Premise For War, Inner Battle, Past Hurts (talvez a melhor do trabalho) e Shadows Of Silence. Um fator interessante é que o Hawthorn explora bem a sua musicalidade em faixas curtas (a maior tem 3min46s). A produção poderia ser melhor lapidada, mas nada que tire o brilho do disco.


7,5

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records