sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Primordium – “Old Gods”


(2017 – Nacional)

Rising Records

Os potiguares do Primordium não são só grandes representantes do Death Metal do Rio Grande do Norte como também são uma das principais bandas brasileiras que se inspiram nos temas egípcios em suas temáticas. É exatamente essa fórmula que o grupo traz neste seu segundo disco.

A sonoridade da banda traz diversas facetas do Death Metal, com foco principal no que foi feito na década de noventa no estilo. Nota-se influências que vão desde a cena sueca (com nomes como Dismember e Entombed de início de carreira), passando pela Flórida e até mesmo os ícones do Metal extremo nacional, como Sarcófago. Porém, isso são somente referências.

O Primordium tem suas próprias características e isso se enfatiza em incluir elementos da música do oriente médio, desde cítara, passando por percussão, flauta e ritmos típicos. Mas, não é nada exagerado e soa muito equilibrado em meio aos riffs pesados e cozinha estonteante, o que é um grande mérito da banda.

“Old Gods” também se caracteriza por um ser um disco dinâmico recheado com passagens instrumentais típicas da música egípcia, além de possuir leves arranjos de teclados que dão um tom especial. Enfim, é um álbum repleto de riquezas sonoras muito bem encaixadas.

A produção um pouco suja destoa de leve, mas nada que abale as estruturas (talvez seja alguma particularidade de quem ouve). A capa, a cargo de Sandro Feitas, contempla toda obra e representa realmente o conteúdo lírico do trabalho. “Old Gods” é um disco que fica melhor a cada audição.


8,0

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records