sexta-feira, 8 de junho de 2018

Astray Valley – “Unneth”


(2018 – Importado)

Independente

Vinda da Catalunha, mais precisamente de Barcelona, Espanha, a banda Astray Valley é nova no cenário. Relativamente nova diríamos, já que o quarteto está na ativa desde 2015 e de lá pra cá lançou um EP e singles que serviram como uma boa prévia deste debut.

Bom mesmo é como a banda sabe explorar a modernidade em que o Metal se insere, sem soar tendenciosa e sem cair na armadilha do comum. Além disso também explora o leque de opções que as linhas vocais de Clau Violette, cofundadora do grupo, oferece, que vão desde os líricos até os rasgados/guturais.


Falando nisso, impressiona o equilíbrio que a moça possui, e a facilidade nas transições de linhas suaves para as mais agressivas. O contraste é interessante, mas Clau aposta em linhas naturais e num fica choramingando nas linhas mais limpas. Porém, quando berra, encarna a agressividade pura e simples.

O instrumental mescla bem melodia com peso, sendo que só falta um dedo a mais de guitarras e menos artificialidade nos efeitos. A cozinha tem pegada certeira e domina bem as mudanças de ritmos e quebradas que são constantes nas composições. Os sintetizadores, de forma leve, dão o aspecto ainda mais moderno e até futurístico às músicas.

A produção é boa, acima da média, um pouco estridente somente. Destaque para faixas como The Wilderness, Parallel Visions, Constellations, além das ótimas músicas de trabalho Singularity e Northlights. Um disco muito bacana e que mostra que a banda está preparada para o mundo.


8,5

Vitor Franceschini

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records