quarta-feira, 1 de agosto de 2018

Mad Roulette – “Turn the Wheel”


(2018 – Nacional)

MS Metal Records

Em 2014, a jovem banda Mad Roulette lançou um EP autointitulado que, mesmo contendo alguns pormenores e necessidade de ajuste na produção, mostrava todo o potencial dos garotos. Quatro anos depois, o ainda jovem grupo, só que mais maduro, retorna com seu debut.

O tempo foi suficiente para a banda fazer todos os ajustes necessários, manter suas características e dar um grande passo em sua carreira. É muito legal como os caras conseguem fazer Heavy Metal soando atual, sem seguir as modernidades do mercado e passarem longe de algo datado.

O power trio, formado por André "Cheddar" Alves (vocal/baixo), Márcio Abud (guitarra/vocal) e Marcos Soli (bateria), ainda consegue soar versátil e diversos momentos beirar o Thrash Metal, não pela agressividade, mas por impor certo dinamismo que suas composições possuem.

Aliás, revezam o vocal, trazendo linhas ora mais líricas, seguindo o Metal tradicional e outras mais agressivas, com drives bem intensos. O ritmo das composições também se alternam, com quebradas bem encaixadas e solos muito bem aproveitados. Tudo com uma produção de qualidade e atendendo as proporções das músicas.

Destaque para Time for War, que abre o disco e já fica na cabeça de cara, To Hell and Back (seu dedilhado inicial que é idêntico a Keeper of The Seven Keys do Helloween) e seu ritmo cavalgado, além de um baita refrão e a quase progressiva, atual e brilhante Art of Darkness, que chega até a destoar um pouco das restantes do tracklist, mas que eleva a capacidade da banda. Excelente trabalho.


8,5

Vitor Franceschini

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records