segunda-feira, 27 de maio de 2019

Necrofobia – “Membership”


(2019 – Nacional)

Independente

Não tem como não começar daquela forma clichê ao resenhar “Membership”, segundo trabalho da banda ribeirão-pretana Necrofobia. Afinal, desde o debut “Dead Soul” se passaram quinze anos! Isso mesmo, uma vida jovem de lá pra cá, mesmo a banda não tendo acabado e continuando se apresentando em diversas ocasiões.

Porém, sempre houve essa sede por material novo, acredito que inclusive dos próprios membros da banda. Utilizando mais um clichê jornalístico, esse tempo valeu à pena. Que evolução, que pegada intensa e que trabalho enérgico o quarteto mostra neste novo trabalho.

Trabalho que inclusive, e como um dos motivos do atraso no lançamento, contou com uma triste baixa na banda que perdeu o guitarrista Raphael Guzzardi, falecido em 2013 durante o processo de composição e produção do disco. Aliás, Guzzardi gravou o álbum, com exceção da ótima faixa bônus que carrega seu nome em sua homenagem.

Muitas bandas, com o passar do tempo perdem em energia, mantêm-se criativas, até com pegada, mas não conseguem produzir algo além de bom. Não é o caso da Necrofobia, que há 25 anos nos brinda com um Thrash Metal poderoso, carregado de ‘groove’ e com aquela veia noventista, década de sua origem.

“Membership” é uma viagem dessa sonoridade para os dias atuais, com uma parede de riffs impressionante, uma cozinha que bate como se fosse o último dia de suas vidas e vocais guturais urrados que vociferam os temas que a banda sempre abordou, tais quais sociais, violência e corrupção.

No mais, o novo trabalho prima por uma produção primorosa, a cargo da própria banda e de Rômulo Felicio (guitarrista e vocalista), que deixou o som orgânico mas totalmente atual, além de uma arte gráfica sensacional (que vira pôster no encarte), a cargo de Roger Gaulês. Ouça por completo, pois “Membership” se torna cada vez melhor a cada audição.


9,0

Vitor Franceschini



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records