terça-feira, 18 de julho de 2017

The Charm The Fury – “The Sick, Dumb & Happy”

(2017 – Nacional)
                       
Nuclear Blast / Shinigami Records

Os holandeses do The Charm The Fury chegam ao seu segundo trabalho quatro anos após o lançamento do debut “A Shade Of My Former Self” (2013), disco que chamou atenção da Nuclear Blast, que agora lança seu sucessor. Aqui no Brasil, coube ao selo Shinigami Records colocá-lo em solo nacional.

A proposta da banda é bem mantida no novo disco e traz a tradicional mescla do Metalcore com Melodic Death Metal. A banda não se faz de rogada e manda ver na modernidade, que atinge desde os timbres bem equilibrados dos instrumentos, passando pela pegada das músicas e a produção em si.

O título do disco soa bem apropriado ao seu conteúdo, já que temos momentos e climas variados dentro dele, sendo que algumas músicas soam doentias, como No End In Sight e sua agressividade, outras meio bobinhas, como Silent War que é uma bonita balada com resquícios pop e algumas mais felizes (enérgicas), caso de Break and Dominate, que fecha o disco.

A vocalista Caroline Westendorp tem sua voz como um cartão postal da banda, já que faz um trabalho versátil, indo de rasgado ao gutural e linhas limpas (verdadeiramente cantadas) com uma naturalidade impressionante. Ouça a faixa Echoes e confirme por si só.

Por fim, o The Charm The Fury é uma banda que irá fazer muito conservador do Metal torcer o nariz, mas que irá agradar quem pensa pra frente e não tem restrições quanto à modernidade no estilo. Afinal, tem peso, agressividade, melodia e atitude, ou seja, tudo que a música pesada pede.


8,5

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records