quinta-feira, 6 de dezembro de 2018

Ministério da Discórdia – “Abismo/Portal”


(2018 – Nacional)

Shinigami Records

O Ministério da Discórdia, conhecido como o “Sabbath brasileiro” (e eles não se importam com isso), chega ao seu segundo disco e terceiro trabalho no geral, já quem em 2016 lançaram o EP “Abismo”. EP este que responsabilizou ainda mais a banda no quesito ‘sucessor’, porque o trabalho mostrou muita qualidade.

No entanto, “Abismo/Portal” atende as expectativas e ainda mostra uma banda dando passos largos à frente e com uma identidade própria forte, apesar da referência já citada no primeiro parágrafo. Inclusive, apesar de manter as influências, a banda consegue se distanciar mais e/ou no mínimo expandir sua sonoridade.

O Heavy/Rock continua sua mescla com o Thrash, e em “Abismo/Portal” notamos até referências ao Doom Metal, o que é normal se olharmos as fontes em que o ‘power trio’ bebe. Mas o mais legal, é ver como a banda soa versátil e com identidade, algo que é difícil de equilibrar.

Interessante como Mauricio Sabbag (vocal/guitarra) desenvolve suas bases ‘sabbaticas’ transitando-as para uma rifferama Thrash em vários momentos, mostrando essa peculiaridade que empolga já na primeira audição do disco. Tudo apoiado pelo baixo consistente e de linhas intensas de Carlos Botelho. A cozinha é completada por Inácio Nehme que só confirma o entrosamento da banda com sua pegada intensa e precisa na bateria.

Cantando em português a banda viaja por temas metafóricos, alguns mais diretos e que abordam a vida de forma obscura, psicodélica e seus derivados. Sem querer fugir da responsabilidade, a qualidade das músicas é bem distinta, e a cada audição descobre-se uma composição mais interessante. Enfim, “Abismo/Portal” é um trabalho que surpreende a cada ouvida.


9,0

Vitor Franceschini

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records