terça-feira, 6 de maio de 2014

Conquistadores – “À Beira da Loucura” – 2013 – MS Metal Records (Nacional)

Essa banda de Osasco, na grande São Paulo, pode ser um sonho para aqueles headbangers mais saudosistas e um pesadelo para a molecada que segue tendências e aprecia apenas o Metal mais moderno. Pois os caras investem em um Metalzão datado, mas de muito bom gosto.

A pegada Heavy/Thrash Metal das composições é forjada no verdadeiro fogo do Metal oitentista e honrado com influências de grandes nomes na cena nacional da década de 80 como Taurus, Metalmorphose e Harppia. Mas, tudo com um olhar próprio e cheio de ‘sangue nos olhos’.

Um fator importante é que os caras investiram em uma boa produção, atual e que dá peso às músicas. Mesmo um pouco suja (talvez propositalmente), ela soa orgânica e deixa os bons riffs de guitarras evidentes, com uma cozinha real e bem executada. Os vocais são agressivos e possuem muita garra.

Interessante que nas letras, cantadas em português, a banda procura abordar diversos temas que vão desde os típicos épicos do estilo, passando pela ode ao Heavy Metal até alguns desejos pessoais (um tanto quanto ‘machistas’) como na sarcástica Putana, por exemplo.

Destaque para Morte Aos Falsos (clichê ou não?), À Beira da Loucura, a já citada Putana e Guerreiros do Metal com seus riffs cativantes. Pode soar datado, clichê, mas é fato que esta sonoridade sempre irá existir e (por que não?) resistir. Típico som pra ‘bangear’ e honrar o deus Metal!


8,0

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records