quarta-feira, 24 de maio de 2017

Stratovarius – “Visions of Europe – Live”

(1998 – 2017 – relançamento – Nacional)

Shinigami Records

“Visions of Europe – Live”, o disco ao vivo definitivo do Stratovarius, foi relançado no ano passado pela earMusic e chega ao Brasil este ano pela Shinigami Records, selo que vem trazendo muita coisa bacana para nossas terras. O disco vem remasterizado e com nova capa que, digamos, é bem mais legal que a original.

O trabalho não é apenas um disco ao vivo, é a celebração de uma das melhores fases dos finlandeses e com sua formação clássica, tempo este em que a banda se tornou um gigante expoente do Heavy Metal melódico ao lançar discos como “Fourth Dimension” (1995), “Episode” (1996) e “Visions” (1997), este último obviamente que era o promovido durante a turnê que gerou este trabalho.

De qualquer forma o repertório é bem variado, apesar do foco no já mencionado “Visions”, onde além da faixa título traz as hoje clássicas Forever Free, The Kiss of Judas, Paradise e Legions, também tem maravilhosos hinos do gênero como Black Diamond, Father Time, Against The Wind, Will The Sunrise e Speed of Light.

Mas, nem que não fosse um ‘setlist’ riquíssimo como este, o trabalho já mereceria crédito devido à fase de seus músicos a época. Timo Kotipelto era o melhor vocalista do estilo em atividade, e por mais que haja ‘overdubs’, o cara manda bem demais e faz interpretações quase fieis, não fosse sua espontaneidade. Tudo com a plateia de ‘backing vocals’, que canta todas as composições e tem uma participação fundamental no trabalho.

Timo Tolkki, o então mentor da banda, um compositor de mão cheia e um guitarrista idem, mostra toda sua técnica com improvisos certeiros, até porque ali era só ele e mais ninguém nas seis cordas, e buracos ameaçavam aparecer a qualquer momento. Buracos estes tapados corretamente pelo baixista Jari Kainulainen e seus dedos de aço que pesavam ainda mais nas composições.

O tecladista Jens Johansson e seu trabalho irrepreensível davam ainda mais melodia e ‘beldade’ às músicas, com camadas perfeitas e precisas. Precisão, aliás, que a bateria de Jörg Michael mostrava como poucos, com bumbos duplos de arrepiar e viradas quase na velocidade da luz.

“Visions of Europe – Live” é um dos clássicos álbuns ao vivo da história do Metal, e só por ter ganhado tal conotação com o tempo, dispensa algumas apresentações. Isso faz com que seja complicado defini-lo de forma melhor, pois é impossível algo ‘clássico’ soar acima disso. Portanto, divirta-se com este trabalho que está disponível em solo brasileiro!


10

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records