quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Snakewine – “Serpent Kings”

(2015 – Importado)
                       
Phonector

E a Alemanha, grande celeiro do Power e do Thrash Metal, nos brinda com essa pérola do Heavy/Rock, que surgiu em seu interior sob influência do que de melhor podemos ouvir dentro do Classic e Hard Rock, além do Metal e até do Country e Rock and Roll puro e simples.

Este é o primeiro disco do grupo e traz algumas características que estão em falta ultimamente no cenário do Rock mundial. Pode se dizer que sua música consegue ser objetiva, simples, porém precisa e cativa desde o ouvinte mais exigente, até aquele que prefere um som mais despojado.

A produção do disco soa um tanto quanto polida demais pra proposta, porém sua organicidade faz com que ainda soe interessante. Fato é que se o trabalho tivesse uma sonoridade um pouco mais suja, iria ganhar em peso e principalmente em agressividade (que é o que mais falta).

Porém, o lado positivo do trabalho é bem mais amplo e traz músicas importantes, enérgicas e que caminham em diversos ritmos. Outro ponto forte são os refrãos que marcam desde a primeira audição, mostrando que “Serpent King” é um álbum de fácil assimilação.

Destaque para faixas como Brood of Vipers, Serpent King e The Devil You Know são as faixas de destaque, mas o equilíbrio entre as oito composições é outro ponto forte do trabalho. Sem sombras de dúvidas que o trabalho irá agradar a fãs de Rose Tattoo, AC/DC, Motörhead e até de Volbet.


8,5

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records