quarta-feira, 26 de julho de 2017

The Dead Daisies – “Live & Louder”

(2017 – Nacional)
                                           
Shinigami Records

Após três discos de estúdio e um EP, o The Dead Daisies (nem tão nova empreitada de John Corabi e Dou Aldrich, mas que conta com liderança de David Lowy) resolve seguir certa regra dentro do Rock e solta um disco ao vivo, que era bem questionado pelos fãs, devido ao seu ótimo desempenho nos palcos.

Mas, o disco gravado durante a turnê de “Make Some Noise” (2016) pela Europa, não foi lançado só por isso. O trabalho engloba o melhor momento da banda desde sua fundação em 2012, sendo hoje um dos principais nomes do Hard Rock mundial (da geração atual, é claro).

A prova disso fica no desempenho que é sentido neste disco ao vivo. Afinal, desde a primeira audição, o que brota dos auto-falantes é uma energia incrível, sem contar o alto astral emanado. Realmente dá pra sentir que os músicos tocam felizes e com precisão, com ênfase quando Corabi conversa com a plateia.

Como a turnê foi do mais recente trabalho, o já mencionado “Make Some Noise” (lançado no Brasil também pela Shinigami Records), a ênfase do repertório é em suas composições, e impressiona como faixas como Long Way To Go, Make Some Noise, Song and Prayer e We Fall Down já soam como grandes clássicos da banda.

Mas as já decoradas Mexico, Something I Said e Lock 'n' Load também se fazem presente. A banda também não se fez de rogada e mandou ver nos covers que sempre apresentou nos discos, tais como Fortunate Son (Creedence), Join Together (The Who), Helter Skelter (Beatles), American Band (Grand Funk Railroad) e Midnight Moses (Alex Harvey Banda). Impressiona como a banda consegue adaptar as músicas às suas versões.

A produção a cargo Aldrich, com mixagem de Anthony Focx e masterização de Howie Weinberg dispensa comentários, afinal uma banda desse tamanho não pode falhar nesse quesito. Um disco bacana demais, que traz a essência tanto do Rock and Roll como de seu filho, o Hard Rock.


9,0

Vitor Franceschini


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shinigami Records